Select the language

Research | Pesquisar artigos de Belverede

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Mas foi só isso o que eu disse?

E. Stanley Jones

Muitas vezes, quando prego por meio de tradutor, conheço o bastante da língua para entender o que eles estão dizendo. Alguns deles como que ampliam o que eu digo, tornando-o mais penetrante e significativo. Outros parecem diminuir a mensagem, reduzindo-a a uma sequência de trivialidades e lugares comuns.

Nas ocasiões em que vi minhas palavras tomarem aquela forma insípida, eu olhei para o intérprete pensando comigo mesmo: "mas foi isso o que eu disse?" e naqueles momentos como que eu senti o olhar de Cristo a relembrar-me das inúmeras vezes que eu tinha empobrecido o seu desafio, reduzindo-o a uma trivialidade desinteressante. E, Jesus, como eu, também dizia: "Mas foi só isso que eu disse?"

Fonte: Mensagem da Cruz, nº 109, página 32, 2º trimestre de 1996, Venda Nova - MG, Editora Betânia.

Um lugar de adoração no deserto

Por Eliseu Antonio Gomes

Em Êxodo 25.1-7, encontramos os preceitos para o culto dos israelitas, instruções para a construção do tabernáculo, um templo portátil de lona. O vocábulo "tabernáculo" é derivado de um radical hebraico que significa assentar-se, habitar, morar. tenda. 

Vemos em Êxodo 25 que o Senhor orienta os judeus para que o adorassem dia após dia, com a finalidade de que as verdades eternas entrassem na mente deles. Manda trazer ofertas para o tabernáculo, pois as ofertas são partes vitais da adoração. Os israelitas deveriam ofertar movidos através de coração voluntário e não por pressão. Deveriam contribuir entregando ouro, prata e bronze; estofo azul, púrpura e carmesim; linho fino; pêlos de cabra; peles de carneiro tingidas de vermelho; madeira de acácia; azeite; pedras de ônix e de engaste; e especiarias, para realizar unção e serem usadas em incensário aromático. O resultado da contribuição ultrapassou o limite necessário (Êxodo 36.5-7).

A planta do tabernáculo foi idealizada por Deus e entregue a Moisés, que seguiu à risca o projeto.

O santuário era dividido em três partes: o átrio; o lugar santo; e o lugar santo dos santos, ou santíssimo.

O átrio era um pátio descoberto, cercado de alpendres. Continha uma única entrada, para que os israelitas soubessem que a adoração deveria ser sempre separada do mundo. No espaço havia o altar de holocaustos, feito de madeira, e uma pia de bronze para o asseio do sacerdote (Êxodo 38.9-19; Salmo 65.4).

O átrio dava acesso ao lugar santo, onde estava o castiçal de ouro e uma mesa com os pães da propiciação e o altar do incenso. No local santo havia a passagem ao compartimento santo dos santos, lugar em que permanecia a arca da aliança entre duas estátuas de querubins com asas abertas, e que era permitida a presença apenas do sumo sacerdote um vez ao ano, no dia da expiação, data em que era aspergido o sangue do sacrifício sobre a tampa, que era o propiciatório da arca (Êxodo 25.31-40; Levíticos 16.14; 15; 17.11).

O tabernáculo possuía um significado espiritual para a Igreja. Era um santuário, o local onde Deus se encontrava com o seu povo e prefigurava a perfeita aproximação de Deus com a humanidade pelo sangue de Jesus.  Ali, era o local onde o Senhor concedia o perdão dos pecados aos israelitas mediante sacrifício vicário, tipificava o perfeito sacrifício  de Cristo na cruz pelos pecados da raça humana (.Êxodo 25.8;  29.45; Números 5.3; Ezequiel 43.7,9; João 1.14; Hebreus 8.1-2; 9.11-14; 10.19-20). 

Era chamado de tabernáculo do testemunho, porque estavam guardados nele a arca da aliança, o baú, que armazenava os dez mandamentos que o povo havia aceitado, lembrando aos judeus que eles deveriam manter o relacionamento da Aliança com Deus, ajudando-os a não esquecerem que precisavam viver em santidade. Além dos mandamentos, encontrava-se no interior da arca um vaso de maná e a vara florescida de Arão (Êxodo 16.22, 33, 34; Números 17.10; Hebreus 9.4).

No tabernáculo, estava a glória do Senhor dia e noite. Quando a glória do Senhor ia adiante, Israel tinha que ir junto. Assim Deus guiou os israelitas enquanto caminharam pelo deserto (Êxodo 40.36; Números 9.15, 16).

Os objetos visíveis no tabernáculo são símbolos para nos ensinar a ser o santuário de Deus, a sinalização para adorá-lo em espírito e em verdade, como Cristo nos ensinou. Jesus é o verdadeiro tabernáculo que o Senhor fez, Ele cumpriu tudo o que o tabernáculo no deserto simbolizava (Hebreus 8.2; 9.11).

Deus quer habitar entre nós, para que Ele seja o nosso Deus e para que nós sejamos o seu povo. Por "habitar" compreendamos que o propósito real de qualquer habitação é a comunhão.

E.A.G.

Compilações em:
A Bíblia Anotada e Expandida, Charles C. Ryrie, página 84, edição 2007, São Paulo (Editora Mundo Cristão).
A Bíblia Explicada, S.E. McNair, edição 1985, página 45, Rio de Janeiro (CPAD).
Bíblia de Estudo Pentecostal, páginas 156, 157, edição 1996, Rio de Janeiro (CPAD).
Bíblia Shedd; páginas 111, 112; edição 1998; São Paulo  (Edições Vida Nova).
Ensinador Cristão, 1º trimestre de 2014, página 40, Rio de Janeiro (CPAD).

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Descomplique


"O homem bom cuida bem de si mesmo, mas o cruel prejudica o seu corpo" - Provérbios 11.17.

Viver dói - a dor diz que você está vivo

Por Silmar Coelho

Assim também vós, agora, na verdade, tendes tristeza, mas outra vez vos verei, e o vosso coração se alegrará, e a vossa alegria ninguém poderá tirar" - João 16.21, 22.

"Está doendo, está doendo".

Anthony Quinn, o grande ator que fez Barrabás no cinema, interpreta um esquimó chamado Inuk, em "Sangue sobre a neve". Talvez, você não saiba, mas nada é mais importante para um esquimó do que seus cães.

Nunca emprestará os cachorros, porque ele depende dos cães para sobreviver no gelo. Sem esses animais, o esquimó não pode se locomover, caçar, pescar e/ou continuar vivo.

Durante o filme, Anthony Quin é preso por dois homens brancos e viaja em meio a um tempestade de neve. O vento sopra sem parar, trazendo lufadas de neve e atrapalhando a visão no caminho.

Inuk avisa aos homens brancos que eles estão viajando sobre o mar e que o gelo pode quebrar a qualquer momento. Pede para que os policiais permitam que Inuk os guie, já que ele conhece melhor o Ártico. De repente, o gelo se abre, um dos homens com o trenó entra na água gelada. Rapidamente, o outro policial segura as mãos do amigo para salvá-lo. Inuk grita para que ele não enfie as mãos na água congelante. O policial não escuta Inuk, coloca as mãos na água e puxa o amigo para fora. As roupas molhadas congelam imediatamente; o policial tenta arrancá-las, cortando-as com a faca.

Inuk avisa que o esforço é em vão. Em segundos, o homem está morto. Como as mãos do policial ficaram tempo demais na água gélida, Inuk, sabiamente, arranca as luvas do policial para ver o estrago. As mãos estão congeladas por causa do frio.

Sem tempo para acender uma fogueira, já que precisa aquecer as mãos do policial rapidamente para salvá-lo, Inuk corre até os cães, solta um deles e os trás para perto do policial. Pega a faca e, sem dó, enfia na barriga do cão, rasgando-a. Enfia as mãos dormentes do policial dentro da barriga do cão. Então, o sangue quente aquece as mãos do policial, salvando-o da morte certa.

O policial grita sem parar: "Está doendo, está doendo!" Inuk permite que o policial tire as mãos de dentro  do cão morto e diz: "Você não é capaz de suportar a dor?".

O policial querendo demonstrar coragem, enfia as mãos no sangue quente outra vez. Inuk afirma: "Está doendo, é a vida voltando. Só a morte não dói". O policial foi salvo.

Está doendo?

É sinal de que Deus está agindo para realizar o parto da vitória em sua vida.

A dor diz que você está vivo. Enquanto houver dor, é sinal de que o Espírito Santo ainda está agindo em sua vida. 

Pois bem, chegou a hora de dar à luz milagres! A ausência da dor significa que a morte está perto. É possível morrer sem dor, mas nada nasce sem dor. Portanto, não se desespere.

"A mulher quando está para dar à luz, sente tristeza, porque é chegada a sua hora; mas, depois de nascida a criança, já não se lembra da sua aflição, pelo prazer de ter vindo um homem ao mundo. Assim também vós agora, na verdade, tendes tristeza, mas outra vez vos verei, e o vosso coração se alegrará, e a vossa alegria ninguém poderá tirar" - João 16.21, 22.

Fonte: Renovação da Fé, ano 15, nº 58, 4º trimestre de 2013..
Silmar Coelho é escritor e pastor, doutor em liderança pela universidade Oral Roberts, Tulsa, USA.

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

C. H. Spurgeon: o sermão Maravilhosa Graça

Algumas frases do sermão Amazing Grace, apresentado pelo pastor batista Charles Haddon. Spurgeon no Metropolitan Tabernacle, Newington, Londres - Inglaterra: 

“Em verdade, a Graça de Deus, como as grandes montanhas, não pode ser dimensionada! Assim como as profundezas do mar, ela nunca pode ser compreendida e, como o espaço, ela nunca pode ser medida! Ela é, como o próprio Deus, maravilhosa, incomparável, sem limites.” 

“Oh, quão docemente o Senhor guia os pecadores, primeiro a Seu Filho amado, e ordena a encontrar nEle o seu tudo em todos. Então, Ele leva o pecador ao propiciatório e Ele diz: ‘Pedi, e vos será dado, procurai e achareis’. Então, Ele leva o pecador para aquele grande livro antigo, a Bíblia, e Ele diz: ‘Leia ali e quando você lê-lo eu vou abri-lo para você. Eu vou abrir-lhe os olhos para ver os seus tesouros e maravilhas escondidas, e o guiarei em toda a Minha Verdade’. ‘Venha’, Ele diz: ‘Eu vou levá-lo mais longe. Vou guiá-lo em sua vida diária. Vou guiá-lo a respeito de como agir entre os ímpios. Sim, eu vou guiá-lo nas veredas da justiça por amor do Meu Nome’".

“O Bom Pastor vai atrás da ovelha – o segue, a acompanha, se apodera dela, a lança sobre seus ombros e a leva para casa com regozijo. Nós, hoje à noite, bendizemos essa poderosa Graça que não parou de nos procurar por nossa causa, mas nos procurou! Era como o orvalho que não espera por homens, nem se demora pelos filhos dos homens, mas vem em todas as suas alegres influências abençoadas e faz a terra feliz. Oh, poderosa graça de Deus, vêm dessa forma esta noite a esta multidão de pobres pecadores sem, “ses”, “mas”, ou condições!”

“O que é salvação? Que você acha que quero dizer com isso, a salvação das pessoas de descer ao Inferno e deixá-los viver como eles viveram antes? Nós nunca pretendemos qualquer coisa do tipo! Queremos dizer que Jesus Cristo cura as pessoas da doença do pecado, isto é, Ele lança fora o pecado, muda sua mente, renova seu coração e o faz odiar o pecado que uma vez eles amaram e os leva a buscar a santidade que uma vez que eles desprezaram! É verdade que Ele abriu uma casa para ladrões, bêbados e prostitutas - "Venha e bem-vindo" e defina a porta aberta e disse: Mas para quê? Para que, o pecador que entra trate de não mais ser um bêbado, em não mais ser um ladrão, em não mais ser impuro - para este objetivo é o culpado convidado a vir a Cristo – para que ele possa ter seu coração renovado!”

“Em seguida, o texto continua a dizer: ‘E o guiarei’. A pobre alma do homem, mesmo quando curada, não sabe para onde ir! Não há coisa mais desnorteada neste mundo do que um pobre pecador quando na primeira vez que ele é despertado. Você já foi com uma vela em um celeiro, onde há um número de aves empoleiradas? Você já as perturbou? Você não viu como elas se arremessam aqui e ali e não sabem por qual o caminho voar? A luz as confunde. Assim é quando Cristo vem para os pobres pecadores. Eles não sabem para onde ir! Eles veem um pouco, mas a própria luz os confunde. Agora, o Senhor amoroso chega e diz: ‘Eu o guiarei’". 

“Deus começa derrubando para fora nossos consolos. Ele tira o conforto que uma vez tivemos em nossa falsa paz e ele nos faz lamentar pelo pecado. Mas depois de um tempo ele restaura a consolação para nós. Que tipo de consolação? A consolação do perdão perfeito, a consolação da aceitação completa. O Pai dá um beijo quente sobre o rosto da criança e que é a consolação da Adoção. Considerando que eram herdeiros da ira, nos tornamos herdeiros do Céu, ter a consolação da esperança. Nós recebemos a consolação da comunhão diária, pois são admitidas para falar com Deus e para se aproximar dEle. A consolação do uma segurança perfeita, pois somos levados a sentir que se vivemos ou morremos, não importa, estamos seguros nos braços de Jesus!”

“(…) o Senhor está ciente da indignidade daqueles a quem Ele dá a sua Graça e é a glória desta Graça que Ele derrama sobre o absolutamente indigno. Ele sabe exatamente o que os homens são e ainda assim Ele é bondoso para com o malvado e para com os ingratos. Ele dá sua graça para aqueles que, como Manassés, e Saulo de Tarso, e o ladrão morrendo, não tem nada, senão o pecado sobre eles e merecem o Seu furor em vez de Seu amor misericordioso.”

“Ó, pecadores, não pensem, que porque viemos hoje à noite, para pregar a livre graça e morrendo de amor por vocês, proclamamos o perdão completo através do sangue de Jesus, que, portanto, Deus é conivente com o pecado! Não, Ele é um Deus irado e não tem por poupar o culpado! Tão certo como o fogo consome o restolho, assim a sua ira arde contra a maldade! E Ele a destruirá totalmente de sobre a face da terra, pois “Deus está irado com o ímpio todos os dias”. 

 “(...) se há ou não haverá ninguém salvo pelo Evangelho que eu prego não depende se eles vieram aqui querendo ou não, pois o Senhor disse: ‘O meu povo se apresentará voluntariamente no dia do meu poder’”. Existe um poder maior do que a vontade humana, qualquer que seja o poder que possa haver neste – e certamente há um grande poder – nem eu quero negar o fato. Mas há um poder maior do que a vontade do homem, de outra forma, o homem seria Deus e a vontade do homem seria Onipotência”. 

“(...) o meu propósito eterno será executado – Eu o curarei, eu o sararei. Vou deixar o mundo inteiro ver que a Graça é mais forte que o pecado e que a misericórdia eterna não pode ser cortada, até mesmo por transgressões infames”. Oh, as profundidades do amor Divino! Verdadeiramente ele é inescrutável!” 

Sermão nº 1279, “Amazing Grace” (Maravilhosa Graça), de C. H. Spurgeon, Metropolitan Tabernacle, Newington, Londres, Inglaterra.

CGADB vira caso de polícia com nota na Veja

Saiu na data de 25 de fevereiro uma postagem na coluna Radar On-line. Lauro Jardim explica aos leitores, resumidamente, a estrutura da Convenção das Assembleias de Deus no Brasil, apresenta a fragilidade democrática da instituição de pastores assembleianos, e faz a exposição de um vídeo do Pr. Ivan Bastos, onde ele relata que foi impedido por um secretário, apoiador do partido de José Wellington Bezerra da Costa, de assumir seu posto, legitimamente conquistado por votos, de tesoureiro da CGADB. 

A pergunta que não quer calar, no meio do povo assembleiano escandalizado, é: há algo para esconder? 

Assista ao depoimento de Ivan Bastos.

 

Fontes: 
YouTube Ivan Bastos - http://www.youtube.com/channel/UC8CRaBuG_d8-1DNtnJwaWbA?feature=watch
Radar On-line - http://veja.abril.com.br/blog/radar-on-line/religiao/briga-de-pastores-da-assembleia-de-deus-vira-caso-de-policia/?utm_medium=twitter&utm_campaign=redesabril_veja&utm_content=feed

Artigo relacionado: Comunicado CGADB caso Ivan Bastos

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Kettling, a chaleira da Policia Militar paulista

Kettling: guarde bem essa palavrinha inglesa. 

A palavra significa chaleira a vapor, mas com certeza ouvirá o vocábulo sendo usado como uma das estratégias adotadas pela Polícia Militar de São Paulo. O ministro da justiça, José Eduardo Cardozo, anunciou nesta manhã que ela é avaliada pelo governo federal e por secretários de segurança estaduais para ser aproveitada nos estados do Brasil onde acontecerão jogos do campeonato mundial de futebol.

No último sábado, dia 22,  movimento tático da tropa paulista, formada por soldados desarmados, mas peritos em artes marciais, avançou contra Black Blocs, os manifestantes violentos, e os cercou na região da Praça da República e adjacências. Obrigou vândalos, baderneiros, a se sentarem no chão por muitas horas, e ali todos foram revistados, depois da revista alguns foram liberados e outros levados à delegacia para maiores averiguações e a provável prisão.

Duzentas e sessenta pessoas foram detidas durante essa operação, ficou constatado que as manifestações de rua daquele fim de tarde e início de noite ocorreram de maneira melhor. Sem usar violência a polícia teve êxito em conter as ações de vândalos e baderneiros, houve menos quebra-quebra de patrimônios públicos e privados.

E.A.G.

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Dilma comprou armamentos ao custo de 400 milhões de euros para impedir protestos contra a Copa do Mundo

Em pesquisa do Data Folha, de 28 de fevereiro de 2012, apenas 52% dos brasileiros são a favor da Copa Mundial de Futebol no Brasil.

Dilma Rousseff ignora essa parcela insatisfeita, de metade da população do país. Ela gastou 400 milhões de Euros com compras de armas para a polícia, e cogita colocar o exército na rua, para "proteger" a Copa contra os brasileiros. Sim, é este absurdo mesmo!

O governo petista da Dilma está protegendo os negócios da Fifa e parece não se importar com aqueles a quem pedirá votos nas próximas eleições. 

O voto é seu atestado de inteligência, vote certo. 

E.A.G. 

France Football - http://www.francefootball.fr/
Púlpito Cristão - http://www.pulpitocristao.com/search?updated-max=2014-02-23T02:59:00-03:00&max-results=5
Reuters Brasil - http://br.reuters.com/article/sportsNews/idBRSPEA1N02920140224

sábado, 22 de fevereiro de 2014

Felicidades aos nubentes


Vinícios de Moraes escreveu e outros trataram de repercutir: 'O amor seja eterno enquanto dure", como se fosse uma verdade, realidade incontestável.

Embora, poeticamente, impactante, tal filosofia vai de encontro com a Palavra de Deus em 1 Coríntios 13, que declara: "o amor jamais se acaba". 

Que vocês, noivos e recém-casados, sejam felizes sempre; escolhendo amar um ao outro, na saúde e na doença, na prosperidade e no tempo de vacas magras, na alegria e quando faltar bom humor.

Que queiram ao longo dos anos superar problemas e jamais fugir deles.

Que queiram viver a filosofia bíblica e não os versos bonitinhos e irresponsáveis do poeta carioca.

E.A.G.

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Soninha Francine cobra promessas de campanha de Haddad


Soninha Francine cobra promessas de campanha do Prefeito Fernando Haddad no programa Mulheres, ao vivo, tarde de 21 de fevereiro, da TV Gazela.

Ela se apresentou num quadro, chamado Quebra-Pratos, algo parecido com o Para Quem Você Tira o Chapéu?, do Raul Gil, onde deveria opinar a respeito de personalidades e quebrar a louça com fotos de quem tem posições contrárias.

Foi a favor da conduta do Papa Francisco, se dizendo ex-católica, e do Dalai Lama, apresentando-se convertida ao budismo. Também, disse apoiar a militância, em causas ecológicas, fotógrafo Sebastião Salgado.

Quebrou o prato com a figura de Jair Bolsonaro, que segundo ela seria um incitador de violência.

Além de Bolsonaro, ela criticou o Prefeito Fernando Haddad, a quem considera seu concorrente da política. Ela denunciou que a gestão de Haddad está fechando Telecentros (postos de inclusão à informática para as classes mais carentes da sociedade), e que  também sua administração tem fechado albergues para recolhimento de moradores de rua na Capital. Além disso, lembrou que as promessas de campanha, mirabolantes, foram todas esquecidas.

E.A.G.

Mais uma dica de blogueiro no UBE Blogs


quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Orando com fé e inteligência

Para servir a Deus é imprescindível agir racionalmente. Realizar o exercício do cristianismo prático, desenvolver o culto racional cotidianamente, dentro e fora dos templos. Ao orar, compreender que o que esperamos receber do Senhor só será recebido se houver disposição de repartir com o próximo.

"Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus" - Romanos 12.1-2.

Perdoar é uma característica de quem ama a Deus e se ama de verdade.

Repare, o ato do Senhor nos perdoar tem como condição a nossa disposição de perdoar o outro.

A oração do Pai Nosso nos ensina claramente isso:

"E perdoa-nos os nossos pecados, pois também nós perdoamos a qualquer que nos deve, e não nos conduzas à tentação, mas livra-nos do mal" - Lucas 11.4.

Observe a instrução de Jesus Cristo sobre a oração exemplar:

"E, quando estiverdes orando, perdoai, se tendes alguma coisa contra alguém, para que vosso Pai, que está nos céus, vos perdoe as vossas ofensas" - Marcos 11.25.

E aos que esperam receber misericórdia divina, há o alerta mais do que importante. É:

"Misericórdia, e paz, e amor vos sejam multiplicados" - Judas 1.2.

"Porque o juízo será sem misericórdia sobre aquele que não fez misericórdia; e a misericórdia triunfa do juízo" - Tiago 2.13.

E.A.G.

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Sete "ses"

Tom M. Olson

Se um cético quiser negar que os mortos irão ressuscitar, primeiro terá de considerar seriamente todos os fatos envolvidos na questão.

"Ora, se é corrente pregar-se que Cristo ressuscitou dentre os mortos, como, pois, afirmam alguns dentre vós que não há ressurreição de mortos, então, Cristo não ressuscitou. E, se Cristo não ressuscitou, é vã a nossa pregação, e vã, a vossa fé; e somos tidos por falsos testemunhas de Deus, porque temos asseverado contra Deus que ele ressuscitou a Cristo, ao qual ele não ressuscitou, ao qual ele não ressuscitou, se é certo que os mortos não ressuscitam. Porque, se os mortos não ressuscitam, também Cristo não ressuscitou. E, se Cristo não ressuscitou, é vã a vossa fé, e ainda permaneceis nos vossos pecados. E ainda mais: os que dormiram em Cristo pereceram. Se a nossa esperança em Cristo se limita apenas a esta vida, somo os mais infelizes de todos os homens" - 1 Coríntios 15.12-19.

1. Se ninguém irá ressuscitar, "então Cristo não ressuscitou".

Sempre que Jesus mencionava a sua morte - e falou dela várias vezes - citava também a sua ressurreição dentre os mortos. Ele inclusive definiu o dia que ressuscitaria: o terceiro dia (Mateus 16.21; Marcos 8.31; Lucas 9.22). Se não ressuscitou dentre os mortos, então sua palavra não vale nada. Se não deixou as trevas e o silêncio do sepulcro, Satanás obteve sua maior vitória, e Deus não colocou seu selo de aprovação sobre o supremo sacrifício de seu amado Filho.

2. Se Cristo não ressuscitou, então toda a pregação apostólica foi inútil. 

Os discípulos pregaram o evangelho de Cristo - a boa nova de que morrera pela redenção de nossos pecados, fora sepultado e afinal ressuscitara. Tudo isso se apoiava na ressurreição do Senhor. Portanto, se ele não ressuscitou, a mensagem deles era destituída de valor. Ao invés de ser uma boa nova trazendo alegria ao coração dos homens, a pregação deles era uma mentira que só serviria para contristá-los.

3. Se Cristo não ressuscitou, é "vã a vossa fé".

Muitos dos coríntios que tinham ouvido a pregação de Paulo, creram no testemunho dele acerca da morte  e ressurreição de Paulo, creram no testemunho dele acerca da morte e ressurreição do Senhor. Contudo, se Cristo não ressuscitou dentre os mortos, sua fé não possuía conteúdo. Eles tinham crido numa mentira. Que valor tem a fé de quem crê numa mentira?

4. Se Cristo não ressuscitou, os apóstolos eram falsas testemunhas.

Várias vezes eles afirmaram que o Senhor havia ressuscitado. Esse fato era o ponto vital de tudo, que conferia validade ao testemunho deles. Se ele não ressuscitou, de onde provinha o grande poder demonstrado pelos apóstolos ao dar "testemunho da ressurreição do Senhor Jesus" (Atos 4.33). Será que provinha de Satanás? Estariam eles sendo instrumentos do diabo?

5. Se Cristo não ressuscitou, "ainda permaneceis nos vossos pecados".

E como aqueles corintios tinham sido impios! Paulo cita uma lista de pecadores, impuros, idólatras, adúlteros, efeminados, sodomitas, ladrões, avarentos, bêbados, maldizentes, roubadores. E em seguida afirma: "Tais fostes alguns de vós; mas vós vos lavastes" (1 Coríntios 6.11 a) Aqui ele diz que, se Cristo de fato não tinha ressuscitado, todos eles ainda se achavam debaixo da culpa e das trevas do pecado. Se o Senhor Jesus ainda se encontrasse preso na morte, não poderia redimir ninguém de seus erros.

6. Se Cristo não ressuscitou, aqueles que dormiram em Cristo estão perdidos.

É possível que estejamos pensando que os que morreram na fé se acham no reino eterno. Contudo, se o Senhor não ressuscitou, todas as esperanças que eles tinham de ir para o céu se frustraram. Um Cristo que está morto, para sempre não pode receber ninguém na glória.

7. Se Cristo não ressuscitou, os crentes são as pessoas mais infelizes da terra.

É que, pela cruz de Cristo, eles estão crucificados para o mundo, e entendem que têm de viver aqui com os olhos voltados para o gloriosa eternidade que os aguarda no futuro. Eles sabem o que é sofrer perseguição por causa da justiça. E se o mundo não contém atrativos para eles, e se também não têm esperança de uma vida melhor após a morte, não há dúvida de que são "os mais infelizes de todos os homens".

Conclusão

Analisando estes sete "ses", concluímos que, se Cristo não ressuscitou de entre os mortos, tudo que é de importância vital para nós, tudo que é valioso, tudo que constitui o cristianismo, acha-se envolto no manto da morte, sem a menor possibilidade de despertar dela.

Entretanto, nós rejeitamos a palavra de todos que negam a ressurreição, e até a dos que apenas levantam dúvidas quanto a ela. Preferimos dar ouvidos ao apóstolo Paulo que, divinamente inspirado e sem o menor temor de se desmentido, afirma:

"Mas, de fato, Cristo ressuscitou dentre os mortos, sendo ele as primícias dos que dormem" - 1 Coríntios 15.20.

"E apareceu a Cefas e, depois, aos doze. Depois, foi visto por mais de quinhentos irmãos de uma só vez, dos quais a maioria sobrevive até agora, porém alguns já dormem" - 1 Coríntios 15.5, 6.

A maioria ainda estava viva quando Paulo escreveu essas palavras. Portanto a pregação apostólica não foi em vão. Nossa fé pessoal em Cristo não é inútil. Os apóstolos não eram falsas testemunhas. E os crentes podem, sim, ter as esperanças em Cristo para depois desta vida.

Aleluia! Jesus Cristo ressuscitou!

Message of the Cross via Mensagem da Cruz, nº 108, páginas 14 e 15, 1º trimestre de1996 (Editora Betânia).

I ♥ Jesus: gráfico devocional


Outras imagens, acompanhadas de reflexões (ou não) no meu álbum virtual.

E.A.G.

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Dieta do herói - charge de Randy Glasbergen


Moisés - sua liderança e seus liderados

A obra do Senhor precisa de trabalhadores.

Para cuidar da sua obra, Deus chama a quem Ele quer, e pelo seu Espírito capacita essas pessoas para a sua santa missão.

Não cabe ao exercício da obra de Deus o individualismo

Moisés foi um dos líderes mais importante do Antigo Testamento, todavia, como homem ele também esteve no nível das imperfeições. Com certeza cometeu diversos deslizes como líder, e um dos equívocos foi iniciar seu ministério de maneira solitária. Mas essa não era a vontade de Deus, que levantou pessoas para ajudá-lo. Miriã, Arão, Josué, Jetro, os levitas, os anciãos e os juízes foram auxiliares importante para a vida ministerial dele.

Nos dias atuais, muitos pastores acreditam que podem trabalhar sozinhos, no entanto, a liderança excelente envolve o trabalho em equipe, o gerenciamento de pessoas. Um pastorado só será realizado eficazmente se o líder estiver disposto a concordar em concordar com outras pessoas, se houver disposição à delegação de autoridade.

No caso de resistência à distribuição de trabalho, o resultado será desastroso, haverá o risco de confundir autoridade com autoritarismo, o acometimento de um grande estresse, desgaste físico e mental. A produtividade será baixa, as realizações de reuniões com o ajuntamento de crentes fracos na fé, reuniões noites após noites, cada vez mais vazias.

O pastor não é um grupo de um homem só, não é apenas ele quem deve pregar, cantar, visitar e realizar outras tarefas da igreja local. Humanamente, até as mais nobres intenções não levam a lugar algum a menos que se forme uma equipe para que elas sejam empreendidas.

Jesus sabia disso. Assim que Ele começou seu trabalho, não perdeu tempo para formar uma equipe. Até o Filho de Deus criou um conjunto, pois, segundo a vontade do Pai não seria possível mudar o mundo sozinho. "Sigam-me", dizia, e as pessoas eram atraídas ao seu ministério e o seguiam.

A qualidade de um líder

Liderança requer treinamento e preparo, não se faz um líder da noite para o dia. Para exercer liderança com excelência é necessário ter disposição para o treinamento. Moisés passou pelo treinamento do deserto e Jesus também.

Quando tratamos do tema liderança em relação à Igreja de Cristo, falamos de um assunto que é um dos mais complexos. Spurgeon escreveu que os ministros são para a igreja e não a igreja para os ministros.

Moisés, como líder, era um despenseiro do Senhor e não o dono dos israelitas. O pastor evangélico precisa aceitar que as ovelhas que ele lidera são ovelhas de Jesus Cristo e não o rebanho dele. No exercício do pastorado, é imprescindível a percepção que um pastor é apenas um entre muitos despenseiros -  o Dono da obra é o Sumo Pastor, Jesus Cristo (Êxodo 18.13-27; 1 Pedro 5.2-4; 3 João versículos 9 e 10).

Um líder vocacionado por Deus precisa ter a sensibilidade para com as demandas sociais da comunidade de fé que lidera. Possuir discernimento para atender às necessidades espirituais do seu rebanho, assuntos de ordem espiritual e celestial, não é o suficiente; ele deve também estar preparado para resolver assuntos de ordem material e terreno.

É importante construir relacionamentos sólidos e sadios na igreja local onde o líder exerce seu ministério e na comunidade onde se relaciona cotidianamente. Isto envolve a vizinhança, colegas de trabalho, da escola e da faculdade, e principalmente a família.

"Moisés foi "instruído em toda a ciência dos egípcios; e era poderoso em suas palavras e obras", no entanto em seu ministério encontramos enfatizadas as qualidades mais importantes que um líder cristão precisa evidenciar: mansidão, obediência, piedade e fidelidade (Atos 7.22).

A igreja vive em um mundo que não valoriza a humildade. A sociedade corre atrás de destaque, popularidade e fama. Tal atitude não pode contaminar o líder cristão, ele não pode buscar na multidão adulação e glória para si, mas a provação do seu Senhor.

O líder não deve desperdiçar energia à toa

Quando uma pessoa possui poder, tem condições de decidir coisas relevantes. Dizer isso pode parecer insignificante, mas siga o raciocínio analisando que tenha ganhado muito dinheiro, ou possua tempo de sobra. Um grande número gasta tão depressa quanto ganhou a fortuna; da mesma maneira irresponsável, o tempo livre é desperdiçado com atividades que arruínam a saúde e rouba a paz de espírito.

Jesus possuía toda energia e sabia direcioná-la. Tinha tanta clareza sobre sua missão como líder que evitava desperdícios de energia reais e potenciais. Sendo o Mestre dos mestres, recusava-se a envolver-se em debates inúteis com pessoas que não eram dispostas a aprender, mas, sim, apenas discutir. Ele treinava os membros de sua equipe a "sacudir os pés"e continuar a caminhada se não fossem bem recebidos e ouvidos, uma lição bem forte sobre a importância de saber onde e com quem compartilhar o tesouro de sua energia (Mateus 10.14).

Jesus: exemplo perfeito de líder e liderado

Jesus é o perfeito modelo de liderança, amizade e humilde. O Senhor dos senhores serviu a Deus, aceitando sua liderança, até a morte de cruz.

Como fiéis servos do Senhor é preciso colocar à prova as motivações e ações de líderes eclesiásticos, como agiram os nobres crentes de Beréia e recomendou o apóstolo João (Atos 17.11; 1 João 4.1).

Líderes e liderados devem ser humildes e amigos como o Mestre dos mestres, estarem disponíveis para amar a Deus em primeiro lugar e a todos como Ele de dispôs e nos amou (João 13.14).

A formação de bons relacionamentos começa com um único procedimento, que é a atitude de querer relacionar-se bem. A humildade é a marca registrada do verdadeiro servo de Deus, portanto, tanto  líderes quanto liderados devem estar dispostos a acolher a todos amorosamente.

Cristo possuía autoridade e era amigo, vivia entre as pessoas, onde quer que elas estivessem.  A amizade é caracterizada por relacionamento e não por imposições. Cristo nunca se impôs, porém, conduziu seus liderados com sabedoria, escolheu doze homens para caminhar com Ele durante a pregação  do Reino dos Céus e fez com que ficassem prontos para serem líderes após sua partida.

E.A.G.

Consultas e compilações em:
Ensinador Cristão, ano 15, nº 57, 1º trimestre de 2014, páginas 40, Rio de Janeiro (CPAD).
Lições Bíblicas, Antonio Gilberto, 1º trimestre de 2014, Rio de Janeiro (CPAD).
Jesus, o maior líder que já existiu, Laurie Beth Jones, páginas 26, 55, edição 2006, Rio de Janeiro ( Editora Sextante).

Rachel Sheherazade na Band

Rachel Sherazade não se demitiu  do SBT e nem foi demitida.

A jornalista foi entrevistada por integrantes da turma do programa Pânico na Band, ao sair dos estúdios do SBT, quilômetro 18 da rodovia Anhanguera, São Paulo. Na matéria, diversos colegas de profissão opinaram sobre ela e há alguns trechos de suas falas na bancada do programa SBT Brasil.

Podemos ver o que pensam os jornalistas Ricardo Feltrin, Daniel Castro, Flavio Rico, José Luiz Datena, Ricardo Boechat sobre sua opinião a respeito do menor preso nu a um posto no Rio de Janeiro. Também, vemos opiniões da produtora Lucimara Parisia, Carlinhos Aguiar e Otávio Mesquita.sobre rolezinhos.

Boechat, âncora de programa concorrente na Rede Bandeirantes, é o mais contundente, inclusive esqueceu o cavalheirismo: "ela emitiu uma opinião abominável", disse, além de usar um termo chulo.

Sobre o jornalismo brasileiro, Sheherazade afirma que parte dele anda amordaçado, peca por excesso de ideologismo e partidarismo.

Sobre seu lado de eleitora, revela ter votado sempre no PT, ter sido uma militante extraoficial, e se decepcionou com o partido porque pensava ser ele um diferencial dos demais e ao chegar ao poder se mostrou igual.

Também se diz decepcionada com o Sindicato dos Jornalistas do Rio de Janeiro, que parece defender a censura às suas opiniões. E faz menção do silêncio de seus críticos quando no Facebook houve a declaração de Paulo Ghiraldelli, professor na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) que incitou estupro contra ela.

 

domingo, 16 de fevereiro de 2014

O início do ministério de Eliseu


O profeta Eliseu se mostrou determinado a servir a Deus com inteireza de coração desde o primeiro instante de sua chamada.  

Vemos em 1 Reis 19.21 que ele era um agricultor quando Elias o chamou, preparava o solo para o plantio. Não sabemos se era terra de sua propriedade, dos seus pais, ou se estava ali assalariado. 

Temos a informação que ele retirou o jugo que estava sobre os bois que empurravam o arado e fez uma fogueira; depois, cozinhou os bois e ofereceu a carne aos amigos. Tratava-se de 24 bois e 12 juntas, pois estava na duodécima posição da fila.

A festa de despedida foi marcante, o banquete apontou para o início do ministério profético de Eliseu. Nesta situação podemos perfeitamente entender que ele se desligava totalmente do trabalho que o mantinha ocupado com as coisas desse mundo - as juntas e os bois com certeza eram seus - para ligar-se exclusivamente ao ofício do céu.

Após a fartura de comida, seguiu os passos de Elias, até que Elias fosse arrebatado e tomasse posse de sua capa. Assim, simbolicamente, recebeu autoridade divina para profetizar e operar milagres até chegar à velhice. 

E.A.G.

Postagem original em Notas Bíblicas.

Qual escola deveria ser campeã no Carnaval? Charge


sábado, 15 de fevereiro de 2014

Santificar o sábado ou o domingo?


Por conta do artigo Os Dez Mandamentos do Senhor, recebi duas perguntas de Denilson Samuel Araujo, um amigo do blog Belverede.

"Prezado irmão em Cristo... gostaria de saber onde no novo testamento se repetem os mandamentos, tais como, não "não dizer o nome de Deus em vão", ou "não ter outros deuses", ou o de "honrar pai e mae" etc... e porque há mais de 60 referências ao quarto mandamento no novo testamento de que mesmo os que não eram judeus, mas gentios como as mulheres em Filipos, ainda guardavam esse mandamento?" 

Amigo. 

No Novo Testamento você não encontrará, palavra por palavra, “não dirás o nome do teu Deus em vão”. Mas, em lugar da menção, o resumo dela, que é o mandamento “amarás o teu Deus”. É fácil de entender, quem ama verdadeiramente respeita, então não usará o nome do Senhor de maneira irreverente e irresponsável. 

Sobre honrar os pais, o apóstolo Paulo deixou aos cristãos com muita clareza que Deus manda prestar a honraria. Leia Efésios 6.2 e Colossenses 3.20.

Quanto ao sábado, não há no Novo Testamento a determinação como em Êxodo 20.8: "Lembra-te do dia do sábado, para o santificar". Todas as referências que você diz ter encontrado são exposições narrativas, não são normativas. Isto é, são informações que alguém ou alguns personagens bíblicos iam ao templo neste dia, e não uma ordenança para que eu, você, e os cristãos em geral façam igual. E isso tanto vale ao sábado quanto ao domingo.  

Eu acredito que a vontade do Senhor aos seus adoradores não tenha a ver com uma data no calendário, mas com a atitude de reservar um espaço de tempo exclusivo para reverenciá-lo, momento separado das atividades desse mundo.

"Um faz diferença entre dia e dia, mas outro julga iguais todos os dias. Cada um esteja inteiramente seguro em sua própria mente. Aquele que faz caso do dia, para o Senhor o faz e o que não faz caso do dia para o Senhor o não faz" - Romanos 14.5-6 a.

E.A.G.

Thalles troca Graça Music por Universal e gravará cd com selo Motown

Divulgação

O cantor Thalles Roberto troca a Graça Music, onde despontou para o cenário da música evangélica brasileira, pela Universal Music Group. A nova gravadora começa suas atividades no Brasil como Universal Music Christian Group, que tem em seu cast o grupo gospel canadense Hillsong.

Nesta nova fase da carreira, há um contrato internacional. Thalles ultrapassará as fronteiras brasileiras lançando álbuns no exterior pela Motown Gospel - braço da UMCG -, nos idiomas inglês e espanhol, trabalhos direcionados aos mercados dos Estados Unidos e Europa.

Sem dúvida, o cantor é autêntico e talentoso. Para quem possui razoável conhecimento da história da música contemporânea, embora seja uma grande surpresa saber que ele está dentro da Motown, entenderá que a situação é mais do que a união do bom senso com a lógica. 

Minha resposta

Algum tempo atrás, encontrei em uma biblioteca municipal um livro de autoria de Billy Graham, lançamento dos idos anos 1960, cujo título é, salvo engano, Minha Resposta. As páginas estavam amareladas, grafia antiga, mas o conteúdo era ótimo. Trouxe-o para casa, e mais de uma vez renovei o empréstimo. Parece que hoje este livro está republicado pela Casa Publicadora das Assembleias de Deus (CPAD), com o título Billy Graham Responde.

Existem muitos questionamentos nesta obra, o autor selecionou pessoas para perguntar algo relativo à fé. Um das perguntas é a seguinte:

O que é que a Bíblia quer dizer quando afirma algures que nós não devemos tomar o nome de Deus em vão? Suponho que isso significa que nós não devemos fazer uso do que era costume ser chamado de má-língua, porém isso hoje é tão comum que me interrogo sobre onde é que havemos de traçar a linha de fronteira. – T.F. 

O evangelista respondeu assim:

Provavelmente está a pensar no terceiro dos Dez Mandamentos que Deus deu ao Seu povo. Este mandamento diz, “Não tomarás o nome do Senhor teu Deus em vão: porque o Senhor não terá por inocente o que tomar o Seu nome em vão” (Êxodo 20.7). 

Isto é simplesmente uma maneira antiga de dizer que não devemos fazer mau uso ou abuso do nome de Deus. O que é que isto significa? Pode simplesmente significar o uso do nome de Deus de um modo leviano ou sem sentido na nossa conversação diária. (Isto aplica-se a qualquer nome ou título de Deus, e também de Jesus, o Filho divino de Deus.) Mas quando usamos o nome de Deus deste modo, isso significa que não O levamos a sério – e isso está errado. O nosso discurso é reflexo dos nossos corações – e quando tratamos Deus frivolamente no nosso discurso, isso indica que, realmente, Ele não é importante para nós. Contudo, por vezes, as pessoas fazem mau uso do nome de Deus de um modo mais deliberado – por exemplo, invocando Deus para condenar alguém que nós odiamos. Mas isso também está errado, pois só Deus é seu juiz. Aqui, uma vez mais, o nosso discurso é reflexo dos nossos corações e revela que os nossos corações não são corretos com Deus. A Bíblia diz, “Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa para promover a edificação, para que dê graça aos que a ouvem” (Efésios 4.29). 

Não se deixe influenciar no seu discurso por aqueles que o envolvem, mas renda a sua língua – e a sua vida – a Cristo. 

__________

Opinião Belverede:

Para Deus te amar muito, não importa sua posição neste mundo, se é uma pessoa comunicativa ou introspectiva, se é alguém que goze de relativa fama ou passe desapercebida na multidão, se tenha conquistado boa reputação na sociedade ou sofra bullying em alguns lugares que estiver. O amor divino da qual você está em foco é imenso, intenso, infinito, indescritível, incomensurável. Ele te ama!

Mas, e você, corresponde a esse bem-querer sem medidas? Ama mais do que declara amar? Não se entristeça se considerar que está abaixo nesta correspondência afetiva. Enquanto há vida, há oportunidade. Aproveite e recomece.

É preciso traduzir o sentimento com ações coerentes a declaração de amor. É importante demonstrar claramente o afeto através do que se faz. Como cantar e dizer "eu te amo" e desagradar agindo ao contrário do que Ele espera que você aja?

Quem sabe amar a Deus, também sabe usar o nome dEle com eficácia. Quando não existe coerência entre palavras e atos, estamos enganados pensando que amamos. E usamos o nome dEle em vão, sem efeito satisfatório.

Amar a Deus de verdade é falar sobre Ele e ao mesmo tempo ser uma pessoa que ama a si mesma, e tem proporção igual de amor pelo outros que compartilham espaço de convivência. Em casa, em trânsito, na escola, no trabalho. No planeta! Amar a Deus de verdade é amar todas as pessoas do mundo, todas as almas por quem Jesus Cristo morreu na cruz.

E.A.G.

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Eleições 2014: A consciência cristã e a consciência política

Por Eliseu Antonio Gomes

Sou eleitor na área em que Marco Feliciano coleta votos. Não votei nele na eleição passada, porque sigo o princípio de não votar em pastores (tenho em mim a firme convicção que eles não devem dividir a vocação pastoral com atividade secular), e por apoiar outra pessoa evangélica, membro da Assembleia de Deus-Brás, alguém que já acompanhava sua trajetória desde a vereança e aprovava suas atitudes políticas. Ainda apoio: Jorge Tadeu Mudalem, não me decepcionou. 

Mas, mesmo sem votar em Feliciano, reconheço-o como um exponencial. Que Deus nos ajude a ter mais representantes no Parlamento com a mesma coragem que ele demonstrou ter até agora.

Depois de vê-lo eleito, não que me veja com alta expressividade, dei a Feliciano 100% de apoio para suas lutas em favor da família e da vida. Dentro do meu campo de comunicação, critiquei a mídia que o apedrejava. 

Acredito que o meio cristão brasileiro está carente de coesão na área política. O cristão no Brasil, como cidadão/eleitor, precisa manter-se mais unido em questões como o PL 122/2006 (graças a Deus, sepultado). Em situações como essa, as diferenças doutrinárias devem ficar em segundo plano.

Politicamente, o catolicismo, pentecostalismo, neopentecostalismo, movimentos que se apresentam como da fé reformada, devem agir como um só corpo. Porque no Parlamento, o cristão eleito (seja ele Deputado presbiteriano, ou assembleiano, ou católico, ou da IURD, ou da IIGD), não poderá legislar representando correntes doutrinárias denominacionais, apenas interesses de toda a sociedade – todas as instituições eclesiásticas como um bloco, e até além delas.

Em se tratando da defesa da família e da vida, a comunidade cristã brasileira precisa agir como uma única unidade. Tudo bem ter e manter discordâncias de pontos doutrinários com alguém que se elegeu – mas que as diferenças sejam enfatizadas e defendidas separando a pessoa política da pessoa religiosa. É preciso ter bem visível na consciência a linha divisória entre questões internas sobre igreja e questões macros, de interesse geral do cristão, atuante na sociedade. Exemplos: a tentativa de legalizar a maconha e a pedofilia. Situações que atingem a “célula mater”. A família do cristão do pentecostal, do neopentecostal, do reformado e do católico, são agradidas ao mesmo tempo.  

Então, não há motivo de um eleitor, cristão calvinista, hostilizar um candidato eleito que siga a linha arminiana!

Tocar neste assunto parece ser um despropósito, não haver necessidade. Mas, infelizmente, ainda existe quem não consiga separar um assunto do outro, não consiga separar dogmas denominacionais do exercício de cidadania.

E.A.G.

Os dez mandamentos do Senhor

Por Eliseu Antonio Gomes

Depois de caminharem pelo deserto, experimentarem os cuidados do Senhor com a provisão de alimentos e água, os israelitas chegaram ao monte Sinai - que se localizava em território egípcio. Ali Deus entregou o Decálogo, que sem medo de errar, podemos afirmar ser o código de leis mais perfeito e justo da humanidade, estudado até os dias atuais pelos juristas (Deuteronômio 4.13).

Israel não era um povo excepcionalmente perverso; era antes uma amostra da humanidade. E mesmo assim, antes mesmo de entrar na Terra Santa, é exortado à obediência, avisado solenemente que por meio da rebeldia poderia perdê-la mais tarde.

Os israelitas deveriam manterem-se fiéis ao Deus que com eles estabeleceu  uma aliança, lhes revelou o seu mandamento e o conduziu desde o Horebe até a Terra Prometida (Deuteronômio 4.5, 23-26).

Qual é o propósito do Dez Mandamentos?

Os Dez Mandamentos não foram dados a Israel como meio de salvação, foram dados com a finalidade de ensinar ao povo israelita a viver segundo a vontade do Senhor (Êxodo 20.1-17; Deuteronômio 5.6-21). A instrução moral contida no Decálogo também não serve para a salvação do cristão, que é salvo pela fé, no entanto é importante observá-lo pelo prisma existente neotestamentário. Todos os mandamentos se repetem no Novo Testamento, menos o quarto, que se refere ao dia de descanso.

Os preceitos divinos foram entregues a Moisés em duas placas de pedras. Na primeira placa há quatro mandamentos, os quais tratam dos deveres das pessoas para com Deus; na segunda há seis mandamentos, que tratam dos deveres que temos para com as outras pessoas (Êxodo 34.28).

Ele serve para:

1 - Mostrar que sem Deus o homem não conseguiria obedecer plenamente à lei moral (Gálatas 3.11);
2 - Apontar para Jesus Cristo, que nos resgatou da maldição da Lei  (Gálatas 3.13);
3 - Sem lei não existe transgressão. O propósito dos Dez Mandamentos é expor e condenar os pecados dos israelitas e os nossos (Gálatas 3.24).

Conclusão:

Quando a Lei de Moisés era quebrada, impunha uma maldição - o juízo de Deus sobre o transgressor. Quando Jesus Cristo morreu na cruz, o episódio não era apenas sinal que alguém estava amaldiçoado (Deuteronômio 21.23), porém, muito mais do que isso, foi o sinal de que Ele recebeu a punição de Deus pelo nosso pecado.

Os Dez Mandamentos revelam o caráter de Deus, o que Ele valoriza e o que espera daqueles que dizem ser seus servos, portanto, são imutáveis.

Jesus Cristo não veio revogar a lei e os profetas. Ele resumiu os dez mandamentos em dois, ensinou que a lei de Deus é indivisível e pode ser resumida em uma palavra: amor. Primeiro a Deus e depois ao próximo. Rebelar-se contra a lei do amor é transgredir tudo (Mateus 22.34-40).

O cristão precisa vigiar sempre, para "amar de todo o coração " ao Senhor e ao próximo, pois pode perder as bênçãos espirituais se consentir com a prática de transgressões em sua vida.

E.A.G.

Consulta
A Bíblia Explicada/ S.E. McNair, edição 1983, páginas 71, 326. Rio de Janeiro (CPAD).
Bíblia de Estudo Almeida, página 206, Dicionário, página 33, edição 2006, Barueri - SP, (SBB)
Ensinador Cristão, página 39, ano 15, nº 57, 1º trimestre de 2014 Rio de Janeiro (CPAD).

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Pirraça de Fábio Porchat gera ameaça contra ele


O pseudo humorista Fábio Porchat escreveu e encenou esquete criticando jocosamente a corporação da Polícia Militar.. "Pseudo", porque fazer humor é a arte do autêntico palhaço, é a capacidade de fazer toda a plateia gargalhar, é muito mais que fazer metade do público sorrir e outra parte se contorcer de raiva. Humor é alegria total, jamais é pirraçar alguém ou alguns com o que se diz ser a piada.

Porchat, criticou a classe de policiais, sem nenhuma inteligência. Generalizou negativamente atacando todo um grupo de valor, composto de gente trabalhadora, pessoas honestas que colocam a vida em risco em favor da sociedade, tropa feita de pais e mães de família. Todos os profissionais são profissionais exemplares? Não, é sabido que em todo meio há maçã pobre. O exemplo clássico disso é o próprio Porchat, que é incapaz de fazer comédia de verdade e embaça o brilho de verdadeiros comediantes. 

A pirraça de Porchat contra policiais teria recebido uma resposta em forma de ameaça: “ele merece ter sua carinha totalmente furada por tiros de fuzil” - teria escrito um determinado internauta em site não oficial de apoio aos militares. Quem digitou, deletou a frase, segundo ele. Mas mesmo assim foi prestar queixa, numa delegacia de polícia - pediu socorro à polícia que ele mesmo estupidamente zombou.

É claro, nós cristãos, evangélicos e católicos, vítimas de sua pirraça algum tempo atrás, não desejamos o mal para ninguém. O crente em Cristo defende a paz, a liberdade de expressão. Sempre.

Tenha brio e mude de profissão, Porchat. Você não possui talento para criar humor de verdade.

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Dilma empresta dinheiro a estrangeiros inconstitucionalmente

Em entrevista ao jornalista Heródoto Barbeiro, no programa Jornal da Record News, da Rede News, a professora de Relações Internacionais da USP, doutora em direito internacional, Maristela Basso, afirmou que os empréstimos secretos a Cuba e outros países são, além de inconstitucionais, questionáveis em sua viabilidade econômica, porque, em primeiro lugar, teria que ter aprovação do Congresso e Câmara.

Na opinião deste blogueiro, esses empréstimos são motivos mais do que suficientes para não votar no PT nas próximas eleições.

 

 Fonte: http://noticias.r7.com/jornal-da-record-news/

Lição de vida das batatinhas felizes


O bom humor no Facebook:

"Esqueci minhas batatas Smiles no forno além do tempo recomendado e quando fui ver elas ainda estavam sorrindo.

Que lição de vida!!!"

Abecedário motivacional

Valdirene Amorim Bispo dos Santos

Abra os olhos para ver as coisas como realmente são.
Basta apenas acreditar em você mesmo e esperar em Deus.
Considere as coisas por vários ângulos.
Desistir e entregar-se jamais.
Entenda a si mesmo para compreender melhor o próximo.
Família e amigos são tesouros escondidos, procure encontrá-los e desfrutar de suas riquezas.
Ganha mais quem faz e ajuda a quem precisa, bem mais do que planejou.
Hoje aproveite a vida. Ontem já passou e o amanhã pode nunca chegar.
Ignore aqueles que desejam te desencorajar.
Já chegou a hora de agir. Faça!
Leia e estude a Bíblia, aprenda sobre tudo que faz bem.
Mais do que tudo, ame sem exigir o amor em troca.
Nunca minta, nunca trapaceie ou roube em qualquer circunstância.
Obtenha mais paz e harmônia evitando fontes: pessoas, lugares, coisas e hábitos negativos.
Prioridade máxima: Ser feliz.
Quem desiste nunca vence, e os vencedores nunca desistem.
Ressalte e defina os seus objetivos e vá em direção a eles.
Sonhe, mas não se esqueça da realidade.
Tome a palavra de Deus e caminhe por ela.
Uma boa atitude: Sorria!
Visualize o que você quer e as coisas pelas quais você luta.
X é o "x" da questão. É você, é uma criação única de Deus, nada nem ninguém pode substituir você!
Zele por sua auto-estima.

Fonte: v@l

Telefonia brasileira: protesto contra o alcance de sinal da Tim, Claro, Oi e Vivo

Olhar Digital | Facebook

"Nem Oi nem ui; nem Claro nem escuro; nem Vivo nem morto. Operadoras, onde estão vocês? Aqui também é Brasil. Vila Cardoso."

A crítica é bastante criativa. A região citada na placa é incerta. A foto está compartilhada na página Olhar Digital, que representa um programa de televisão muito bom.

E.A.G.


segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

CPAD - EBD: 2º trimestre 2014 - Dons Espirituais e Ministeriais - servindo a Deus e aos homens com poder extraordinário

Dons Espirituais e Ministerias - servindo a Deus e aos homens com poder extraordinário.

Este é o nome da revista Lições Bíblicas (CPAD) a ser disponibilizada ao segundo trimestre de 2014 aos estudiosos da Palavra de Deus, com os comentários do Pr. Elinaldo Renovato.

1. E deu dons aos homens
Efésios 4.10-11: os cinco dons de Cristo para qualificar você a trabalhar naIgreja
2. O propósito dos dons espirituais
3. Dons de revelação
4. Dons de poder
5. Dons de elocução
6. O ministério de apóstolo
7. O ministério de profeta
8. O ministério de evangelista
A importância do evangelista no plano divino da salvação
9. O ministério de pastor
10. O ministério de mestre ou doutor
11. O presbítero, bispo ou ancião
12. O diaconato
13. A multiforme sabedoria de Deus

E.A.G.



domingo, 9 de fevereiro de 2014

sábado, 8 de fevereiro de 2014

UBE Blogs: A Tragédia da Guanabara – 456 anos do contexto do primeiro martírio de cristãos no Brasil

Sidnei Moura

O contexto da Tragédia da Guanabara*, como ficou conhecida mais tarde, ocorrida em 9 de fevereiro de 1558, teve como cenário a França Antártica, uma colônia criada na baía de Guanabara, no estado do Rio de Janeiro, em novembro de 1555, pelo militar Nicolas Durand de Villegaignon. Desejoso por colonos com valores mais sólidos, o comandante escreveu à Igreja Reformada em Genebra, liderada por João Calvino, pedindo o envio de pessoas de bem para o auxiliarem no trabalho. Em resposta, a igreja mandou um grupo de quatorze pessoas, entre as quais dois pastores. O pequeno contingente desembarcou no Rio de Janeiro no dia 10 de março de 1557, ocasião em que foi realizado o primeiro culto protestante no Brasil, e provavelmente das Américas.

No início, Villegaignon que era descendente de uma importante família católica, mostrou-se simpático aos protestantes recém-chegados. Na ocasião da celebração da primeira Santa Ceia em terras brasileiras em 21 de março de 1557, chegou a confessar publicamente a sua fé na doutrina reformada Calvinista, todavia, logo começou a divergir dos reformados em relação a singela celebração da Ceia do Senhor e a outras diversas questões doutrinárias.

Segundo relatos históricos da época, Villegaignon tornou-se um tirano cruel. Passou a obrigar seus trabalhadores a efetuarem trabalhos forçados, privando-os de alimentação, descanso e vestuário adequados. Muitos de seus mordomos foram consumidos pela fome e doenças por sua negligência e omissão.

No final de outubro... [continue a ler no UBE Blogs].

E.A.G.

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Rachel Sheherazade: "adote um bandido"



Adotem um bandido! A proposta, irônica, da apresentadora do SBT Brasil, Rachel Sheherazade, cristã evangélica, foi dirigida aos ativistas de Direitos Humanos que defendem marginais, e dificilmente procuram ajudar as vítimas, inclusive aquelas mais terrivelmente violentadas. A ironia, exibida na noite de 4 de fevereiro passado, causou furor em alguns, que responderam ser ela apologista da violência. O Sindicato dos Jornalistas emitiu nota de repúdio à fala; o Deputado Federal Ivan Valente - PSOL / SP (eleitores paulistas, anotem o nome e o partido, para não errarem votando nele ou na chapa dele nas próximas eleições) anunciou pelo Twitter que seu partido encaminharia ao Ministério Público uma representação contra a jornalista e a emissora por apologia à tortura e ao “justiçamento”. 

Entendi o que Sheherazade quis dizer. Ela apenas falou que é compreensível a indignação do povo. E descreveu o caos: Justiça falha; Estado omisso; alta taxa de crimes não solucionados por uma polícia desmoralizada. Não disse que a violência é aceitável, explicou que podemos compreender o erro de se fazer justiças pelas próprias mãos. 

Em tempo: O cidadão de bem tem seu direito assegurado por lei de exercer legítima defesa pessoal e de terceiros sempre que necessário. E os justiceiros devem ser punidos sempre, tanto quanto os bandidos comuns, porque um crime jamais justificará outros crimes.

A opinião de Sheherazade foi emitida após a apresentação dessa reportagem: "Justiceiros" espancam e amarram menor com passagens pela polícia.

Fonte: SBT Vídeos

Como devo testemunhar a um homossexual?

Ray Comfort,  organizador  de  Evidence
Bible  (Bridge - Logos  Publishers,  Flórida,
USA). Publicada no Brasil pela Editora Vida
com o nome Bíblia Evangelismo em Ação.
"Sabemos, porém, que a lei é boa, se alguém dela usa legitimamente; sabendo isto, que a lei não é feita para o justo, mas para os injustos e obstinados, para os ímpios e pecadores, para os profanos e irreligiosos, para os parricidas e matricidas, para os homicidas, para os devassos, para os sodomitas, para os roubadores de homens, para os mentirosos, para os perjuros, e para o que for contrário à sã doutrina, conforme o evangelho da glória de Deus bem-aventurado, que me foi confiado -1 Timóteo 1.8-11.

Em vez de ofender um homossexual, confrontando diretamente seu estilo de vida pecaminoso, o evangelismo moderno preferiu suavizar a abordagem ao declarar: 'Deus odeia o pecado mas ama o pecador". Este conceito nada tem de novidade.

Charles Finney já afirmava: Deus não se ira simplesmente contra o pecado, que se abstrai do pecador, mas contra o próprio pecador. Algumas pessoas trabalharam com afinco para criar esta abstração ridícula e absurda; elas adorariam apresentar um Deus que se ira com o pecado, mas não com quem comete o pecado. Esse Deus odiaria o roubo mas amaria o ladrão. Ele se aborreceria com o adultério, mas ao mesmo tempo estaria contente com a pessoa adúltera. Obviamente, trata-se aqui de grande contra-senso. O pecado não tem qualquer caráter moral dissociado do executor.  A ação não pode estar separada do agente. O que Deus odeia e desaprova não é o simples ato - o ato dissociado do executor; mas o próprio executor é que é repudiado. Deus se aborrece quando um agente moral racional, que está debaixo da sua autoridade, se rebela contra o próprio Pai e Criador, contra tudo que é certo e justo no universo. É isso que verdadeiramente ofende a Deus. O pecador é quem passa a ser ele mesmo o objeto da ira divina.

"Portanto, é isso o que a Bíblia ensina. Deus é um juiz justo, que cada dia manifesta o seu furor contra o homem que não se arrepende (Salmo 7.11), e não contra o pecado abstrato. Se o pecador não se arrepender, o próprio Deus empunhará a sua espada - o arco e a flecha já estão preparados e apontados - não contra o pecado, mas contra o pecador, ou seja, o ímpio que executou a abominação" (The Guilt of Sin / A Culpa é do Pecado).

A maneira bíblica de testemunhar a um homossexual não é indispondo-se com ele no que se refere ao estilo de vida, mas utilizando a Lei para levar até ele o conhecimento do pecado. Isto mostrará a ele sua transgressão, que ele é culpado por quebrar a santa Lei de Deus e, portanto, maldito, independentemente, da opção sexual. A Lei foi feita tanto para homossexuais como para outros transgressores.

"Os loucos não pararão à tua vista; odeias a todos os que praticam a maldade" - Salmos 5.5.

"E condenou à destruição as cidades de Sodoma e Gomorra, reduzindo-as a cinza, e pondo-as para exemplo aos que vivessem impiamente; e livrou o justo Ló, enfadado da vida dissoluta dos homens abomináveis (porque este justo, habitando entre eles, afligia todos os dias a sua alma justa, por isso via e ouvia sobre as suas obras injustas) - 2 Pedro 2.6-8.

Fonte: Bíblia Evangelismo em Ação, Ray Comfort (organização), página 1231, edição 2005, São Paulo-SP (Editora Vida).

As 7 postagens mais acessadas na semana

As 7 postagens mais acessadas nos últimos 30 dias

As 7 postagens mais populares (geral - desde 12 de junho de 2007)

Assuntos abordados em Belverede / clique sobre a palavra para acessar os artigos sobre o tema

.Vida Cristã .Artigo e Comentário .cosmovisão .Comportamento .Televisão .Devocional .Vídeo .Política .CPAD .Líderes e liderados .Blogosfera Evangélica .Lições Bíblicas .Pais e Filhos .Atualidade .Família .Louvores .Charge Tirinha Cartum e Gravura .Dinheiro .Fé .Fruto do Espírito X Carne .Motivacional .Mulher .Casamento .Apologia Bíblica .Sexualidade .Crente Politizado .Música .Silas Malafaia Pr .CGADB .Frases & Imagens Impactantes .Etimologia Bíblica .Prosperidade .Profetas .Saúde .Meio Ambiente e Sustentabilidade .Hermenêutica .Livros e Leitores .redes sociais .Bom humor .Jovens .Conceitos e Preconceitos .Dupla Cidadania .Você sabia? .Ateísmo e Agnosticismo x Fé .neopentecostais .Cinema .Esporte .José Wellington Bezerra da Costa - Pr .Grupo de Colaboradores em Belverede .Personagens da Bíblia .Antigo Testamento .Dica de Blogueiro .Salmos .Introspecção .Natal .Soteriologia .Marco Feliciano Pr .Verdades e Mentiras .Pérolas .Sociedade Bíblica no Brasil .Ecologia .Aborto .Comunicado .Internet .óbito .Escatologia Bíblica .pentecostalismo .Samuel Câmara-Pr .Teologia .Gif .Novo Testamento .Ana Paula Valadão Bessa .[Fotos Belverede] .UBE .Questões (des)complicadas .RR Soares .Facebook .Belverede .Daladier Lima .Missões .animal doméstico .Carlos Roberto Silva Pr:: Blog Point Rhema .Provérbios de Salomão .Fanatismo .Pneumatologia - A Doutrina do Espírito .Quem sou eu? .Aline Barros .Crônicas e fábulas .Diante do Trono .Bíblia de Estudo .Cosmovisão Cristã .Dízimos e ofertas .João Cruzue .Billy Graham .Poema e Poesia .Namoro .Virtualidade Real e Realidade Virtual .Editora Vida .Páscoa .Sermão do Monte .Educação .Guerra e Paz .Gênesis .Nani Azevedo .Hamartilogia - A doutrina do pecado .Julio Severo .Sociedade Bíblica Trinitaria do Brasil .Jeremias .Nova Tradução na Linguagem de Hoje .Postagem Factual .Valmir Nascimento Milomen-Pb .Carta de Tiago .Geremias do Couto-Pr .Lília Paz .Fotos - Templos Evangélicos .Homilética .Virada de Ano .Altair Germano - Pr .Bem aventurança .Randy Glasbergen .Sammis Reachers .rádio .André Valadão .Angeologia .Arlete Oliveira .Arqueologia Bíblica .Carnaval .Crianças .Dia das Mães .Livros da Bíblia .Nova Versão Internacional .Patmos Music .Banda Voz da Verdade .Editora Central Gospel .Geografia Bíblica .Opinião .Priscila B Gomes .Rachel Sheherazade .YouTube .animal selvagem .Eclesiologia .Thalles Roberto .Wilma Rejane EBD / sumário .Cassiane .Editora Vida Nova .Política Brasileira .Editora Mundo Cristão .Ezequias Soares-Pr. .Jabes de Alencar - Pr. .LUCAS - O Evangelho escrito por Lucas .Magno Malta .Pesquisa .Prêmio Carta de Paulo aos Filipenses Smilinguido .Dia dos Pais .Exegese .Martinho Lutero .Mensageiro da Paz .Botânica .Dia das Crianças .Islamismo .animal aquático .Barack Obama .Cartas do Apocalípse .Charles Darwin .Fotos .Gutierres Siqueira .Insetos .Max Lucado .Shirley Carvalhaes X criacionismo versus darwinismo .A Bíblia Viva .Arminianismo .CONAMAD .Calvinismo .Editora Betânia .Eyshila .Fernanda Brum .Harpa Cristã .Jaime Kemp - missionário .Livro de Daniel .Lydia Moisés .Mulheres na Bíblia .Primavera .Tania Guahyba .Twitter .grafite .pássaros na Bíblia .Cristologia .Dia dos Namorados .Donald Zolan .Marisa Lobo .Árvores da Bíblia Charles Haddon Spurgeon .Dia da Bíblia .Edições Vida Nova .Futebol .Josué Gonçalves - Pr. .Livro de Jeremias .Montes da Bíblia .Neiva Silva .Paulo César Baruk .Reinaldo Azevedo .Soraya Moraes .Verão .Walter Brunelli - Pr. .teatro .Abba Press .Abraão de Almeida-Pr. .Bruna Karla .Carla Ribas .Dia Internacional das Mulheres .Dia de Finados .Esdras Costa Bentho-Pr .Instagram .Livro de Jó .Michael W. Smith .Oficina G3 .Oprah Winfrey .Outono .Regis Danese .Silas Daniel - Pr .Valdomiro Santiago - Apóstolo .Vanderleia M. Silva Yosef Nadarkhani .Albert Einstein .Antonio Gilberto - Pr .Cristina Mel .Dia da Mentira .Evangelho de Mateus .Flamir Ambrosio .Gediel Mendes .Gunnar Vingren .Jorge Tadeu Mudalen .João Ferreira de Almeida .Lauriete .Lázaro (ex-Olodum) .Morris Cerullo .Política Internacional .Slide . A. W. Tozer . Pregador Luo . Silmar Coelho - pastor .Adhemar Campos .August Rodin .Bom dia .CPAD Music .Claudionor de Andrade - pastor .Elaine de Jesus .Hillsong .Inverno .John Piper .Lea Wasiliew .Livro de Êxodo .Lucilene Batista de Brito Shirota .Nova Bíblia Viva .Quarteto Harmonia Celeste .Rose Nascimento .Timidez e Ousadia .orai por Israel .publicidade WhatsApp .Alan Kardec .Apocalípse 16 .Bete Gomes .Canon .Carta aos Romanos .Casamento em jugo desigual .Central Gospel Music .Daniel Berg .Danielle Cristina .David Quinlan .Editora Chamada da Meia-Noite .Editora Hagnos .Eduardo Cunha .Elinaldo Renovato - pastor .Enéas Tognini - Pr. .Genivaldo Tavares de Melo .Gesiel Gomes - Pr. .Google .Hernades Dias Lopes .João Alexandre .Livro de Isaías .Livro de Rute .Lourival de Almeida - Pr .MK Music .Marcelo Santos .Martin Luther King .Nito [Rubens Eduardo] .Pena de Morte .Ray Comfort .Robinson Monteiro .Russel P. Shedd .Third Day .Tim Laheye .Voltaire .Watchman Nee Damares .2 Carta de Pedro .2 Coríntios- Carta de Paulo .A Mensagem .Adolf Hitler .Alda Célia .Amizade .Andrea Fontes .Anita Malfatti .BLOG .Banda Catedral .CIMEB .CPAD News .Carta aos Gálatas .Cintia Kaneshigue .Dia Nacional da Consciência Negra .Dia do Professor .Dia do Trabalho .Downloads .Dwight L. Moody .Eber Cocareli - Pr .Editora Betel .Editora Candeias .Editora United Press .Edna Goetten .Escola Dominical .Evangelho de João .Fecomex .Feliciano Amaral .Google Plus (G+) .Gutemberg - Johannes .História Mundial .Isaac Newton .Içami Tiba .Jairo Elin Gollmann-Ev .John Wesley .Jorge Araujo .Katie Bivens .Katsbarnea .Kelem Gaspar - Missionária .Link Quebrado .Literatura .Livro de Amós .Livro de Juízes .Livro de Malaquias .Marcelo Crivella .Orquestra Jahn Sorheim .Ozeias de Paula .Paulo Romeiro-Pr .Quatro por Um .Raquel Melo .Retrospectiva 2017 .Robson Silva .Ronaldo Bezerra .Sociedade Bíblica Internacional .Sonia Hernades - bispa .Superstições e Lendas Urbanas .Talita Pagliarin .Tradução King James Atualizada (KJA) .Victorino Silva .folhetos evangelísticos Esequias Soares pastor Graça Music Juliana Bezerra Gomes Nésia de Araujo Gomes William Brassey Hole . .Introspecção . C. S. Lewis . Stephanie Colbert- vocalista Starship .1 Timóteo .A Nova Bíblia Viva .Adilson Lopes .Anderson Freire .Antropologia Bíblica .Antônio Cirilo .Ao Cubo .Arautos do Rei .Bezerra da Silva .Bill Gates .Boa noite .Boa tarde .Brenda-Santos .Bruna Olly .Bruna Surfistinha .C.I. Scofield .CPOL - Curso Preparatório para Obreiros de Pirituba .Caramuru Afonso .Carlos Alberto Bezerra Jr .Carta aos Efésios .Carta de Paulo aos Colossenses .Charles C. Ryrie .Ciclo das quatro estações .Claudio Duarte - pastor .Cleber Lucas .Comunidade Internacional da Zona Sul .Contos .Cristiano Santana .Curiosidades bíblicas .Danny Berrios .Dany Grace .Davi - rei .Deigma Marques .Discopraise .Donald Trump .E-books .EBI .Editora Atos .Editora Bom Pastor .Editora Cultura Cristã .Editora Dynamus .Editora SEPAL .Editora Sextante .Eduardo Campos .Elienai Cabral - pastor .Eliseu - profeta .Estevan Hernandes - Apóstolo .Estevão - o primeiro mártir .Evangelho de Marcos .ExpoCristã. .Fatos Curiosos - internacional .Fernandinho .Ficção Evangélica .Filho do Homem .Flamarion Rolando .Frederick K.C.Price .Geisa Iwamoto .Graça Editorial .Grupo Elo .Heber Sousa - pastor .Hebraico .Hieronymus Bock .Homenagem .Igreja Evangélica Indiana .Il Divo .Imprensa Bíblica Brasileira .Instituto Cristão de Pesquisa - ICP .Jair Messias Bolsonaro .Jamily .Jeanne Mascarenhas .Jimmy Swaggart .John Bevere .John Bunyan .John Lennon .Jonas .Josias Botelho .José Wellington Bezerra da Costa Junior - pastor .José Wellington Costa Neto - pastor .José do Egito .Kathy Fincher .Kleber Lucas .Leandro Marques .Lidia Caetano de Sousa - missionária .Livro de Deuteronômio .Livro de Eclesiastes .Livro de Habacuque .Livro de Joel .Livro de Josué .Livro de Miquéias .Livro de Números .Livro de Oséias .Livro do Apocalipse .Lições Bíblicas - Jovens .Ludmila Ferber .Lívia Malta .Magno Paganelli .Manuel Ferreira - Bispo .Marcio Melânia .Mariana Valadão .Marina Silva .Mario Teixeira .Marquinhos Gomes .Michelangelo .Mike Smith .Ministério Hebrom .Ministério de Adoração .Missões na Índia .Neemias .Notícia comentada .O Livro de Ageu .Oração .Os presidenciáveis para 2018 no Brasil .Paul Wilbur .Pedofilia .Profetas .Você sabia? .Quarteto Gileade .Rachel Novaes .Rebanhão .Recursos .Ressurreição .Rob Bell .Rodolfo Abrantes .Ron Kenoly .Salomão - rei .Saudade .Snezhana Soosh .Sociedade Bíblica Íbero-Americana .Sofonias .Sony Music .T.A. Hegre .Templo Soul .Vineyard .Voices .Walciley Vieira .William Shakespeare .Wim Malgo .áudio 1 Coríntios Alberto Rezende - pastor Charles Studd Elizeu Martins - pastor George R. Foster

▲ Clique na imagem para retornar ao topo do blog.

Sobre ilustrações no Belverede

O Direito Autoral de algumas imagens encontradas aqui não pertence ao Editor do blog. Esta situação se dá porque elas estão na Internet sem que haja a informação de quem seja o Dono.

Caso você seja o detentor do conteúdo, queira que seja feita a indicação autoral, ou não seja de sua vontade o compartilhamento, solicitamos que nos faça saber disto. Por favor, acesse a página do próprio texto e deixe recado no próprio texto em questão, ou use a página Contato.

Arquivo de postagens

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes
Cidade Ocean - Praia Grande - São Paulo/SP - Brasil.