Select the language

Research | Pesquisar artigos de Belverede

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

A religião verdadeira


Neste mundo existe a necessidade alheia e a frieza de quem pode ajudar e não ajuda o próximo. Lembro-me das Escrituras Sagradas e de quatro episódios que ocorreram em minha vida. 

A Palavra de Deus:

"Meus irmãos, que aproveita se alguém disser que tem fé, e não tiver as obras? Porventura a fé pode salvá-lo? E, se o irmão ou a irmã estiverem nus, e tiverem falta de mantimento quotidiano, e algum de vós lhes disser: Ide em paz, aquentai-vos, e fartai-vos; e não lhes derdes as coisas necessárias para o corpo, que proveito virá daí? Assim também a fé, se não tiver as obras, é morta em si mesma." - Tiago 2.14-17.   

Experiências: 

1ª - Encontrar o próximo necessitado é uma ótima oportunidade para que possamos compartilhar a bênção que Deus nos deu; para que façamos o bem. Primeiro, fazer o bem a nós mesmos, pois dessa forma obedecemos ao mandamento de Cristo. Em segundo lugar, fazemos o bem quando passamos o bom exemplo aos nossos filhos, mostrando que é preciso praticar o amor, praticando-o. E em terceiro, pelo fato de suprir aos necessitados. 

2ª - Em nossa casa, acostumamos dar alimentos e roupas, junto com literatura cristã. Alguns dias atrás, uma pedinte apertou nossa campainha. Nossa filha atendeu, levando para ela um sanduíche que havia especialmente preparado e voltou com ele nas mãos: "Pai, a senhora quer comprar remédio, pediu dinheiro". Respondi: "não damos dinheiro aos estranhos, não sabemos se de fato será usado como é dito que será."

Em 1979 ocorreu um fato que me levou a agir assim. Numa manhã, por volta de 9 horas, uma mulher com criança no colo passou em meu local de serviço, um estabelecimento comercial na Lapa, região oeste de São Paulo, ela pedia dinheiro para alimentar o bebê em seu colo, era uma criancinha que aparentava ter aproximadamente três anos. Eu dei o valor que pedia. Instantes depois, não mais que cinco minutos, saí para comer lanche e beber um refrigerante do outro lado da esquina, e encontrei a mesma pessoa, sem a criança, com um copo de cerveja sendo levado à boca. O dinheiro foi usado para o vício!

3ª - Na região onde moramos estamos bem longe das favelas (o "politicamente correto" exige que se use o sofisma "comunidades") De tempos em tempos, passam alguns moradores desses lugares mais pobres pedindo comida ou roupa. Uma jovem senhora, tímida, por muito tempo passou em nossa porta uma vez por semana e, sem muito diálogo, levava o alimento do corpo e da alma, Depois de uns meses não mais voltou. E, em uma determinada noite fomos surpreendidos quando estávamos em visita na congregação de um parente. No meio do grupo de louvor, lá estava ela cantando para Deus. Ao final do culto, tivemos a felicidade de saber que era uma nova-convertida. 

4ª - Uma vizinha, incomodada com a presença de pedintes em nossa rua, gente com aparência desagradável por falta de banho, uso de roupas velhas e falta de uso de pente nos cabelos, queixou-se: "Não doe nada, ao doar incentiva que eles sempre retornem". Ouçamos o que Deus diz, e nunca corações duros como esse!

E.A.G.

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

O melodrama dos ativistas gays

Os ativistas gays dizem que Deus é amor. Mas ao definir Deus como a essência do amor, não cogitam no amor ágape (que perdoa os inimigos, capaz de orar pelo bem dos perseguidores). Eles pensam no amor-erótico entre pessoas do mesmo sexo, a relação afetiva que o Criador não projetou. Deus fez macho e fêmea e colocou ambos no jardim do Éden. Esta é a ilustração do casamento segundo a vontade de divina: um homem e uma mulher!

Aí, para sair fora dessa resposta bíblica, os ativistas gays tentam colocar a Ciência acima da fé. Ora, quem fez a matéria, que a Ciência estuda e tenta descrever? Quem criou o mundo material? Deus! A matéria e tudo o que nela há têm as mãos do Criador, o Ser Espiritual que uniu Adão e Eva.
 
Jesus mandou ensinar. Disse: "Ide por todas as nações e ensinai..." (Mateus 28.19). Citar a Bíblia é um dos métodos de ensino. O ensino abrange todos os aspectos da vida humana, inclusive as relações sexuais aos moldes que o Criador estipulou.
 
Deus é sábio. Em Coríntios 6.9-11 existem vocábulos, que identificam homossexuais passivos (efeminados) e ativos (sodomitas). E com o passar dos anos surgiram pessoas dizendo que há interpretação errada ao se dizer que Paulo escreveu contra a atividade homossexual neste trecho. Na suprema sabedoria divina, Deus anteviu que haveria quem tentasse confundir o modo correto de interpretação, então, inspirou Paulo a escrever o mesmo assunto, mas descrevendo as práticas de efeminados e sodomitas.
 
Eis, Romanos 1.24-28: "Por isso também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si; pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém. Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza. E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro. E, como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso, para fazerem coisas que não convêm".
 
Romanos 1.24-28 é um texto claro sobre sexo entre homem com homem e mulher com mulher. Esclarece que os praticantes dessas modalidades são rejeitadas por Deus, porém antes O rejeitaram. Não devemos nos esquecer que o Senhor leva em consideração quem vive a prática e não quem esteja tentado a praticar.
 
O problema de ativistas gays (não estou dizendo dos homossexuais, muitos até reprovam esses ativistas) é que eles ouvem o texto de Romanos 1, que condena a conjunção carnal entre pessoas do mesmo sexo, e dizem que o cristão ao fazer tal citação invade a vida íntima deles, julga, pratica homofobia. Amar homossexuais não é silenciar quanto ao fato que Deus condena o romance entre pessoas do mesmo sexo, é exatamente o contrário, amá-los é fazê-los saber e entender que Deus não aceita tal tipo de relacionamento físico.
 
Sem resultados à contento, a estratégia do ativismo gay é partir para a zombaria, ofensas, tentativas de impor o terror.

E.A.G.

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Priscila, serva do Senhor

http://istologio.org/?p=1854&utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed%3A+istologio+%28Alive+blog%29
Há uma esposa, na Bíblia, de quem temos algumas informações a respeito. Trata-se de Priscila, esposa de Áquila, um dos mais esforçados missionários da Igreja primitiva. Seu nome é mencionado seis vezes e, se bem que as referências sejam poucas, temos o suficiente para pintar o retrato de uma companheira ideal para um ministro. É possível reconhecer, nas menores referências, a nobre fidelidade, primeiro a seu marido, depois à Igreja e por fim e melhor de tudo, a Jesus Cristo.
 
Áquila levava uma vida errante; a primeira vez que seu nome é mencionado, está em Ponto, depois em Roma, Corinto, Éfeso, mais tarde novamente em Roma e em seguida volta à Éfeso. E em todos os lugares sua fiel esposa está ao seu lado, visto que os nomes figuram sempre juntos. Às vezes é Áquila e Priscila, prova de que é ela a mais importante do par e a atividade do marido é essencialmente devida a esposa.

A fidelidade é a base da verdadeira compreensão dos deveres conjugais, e principalmente na esposa do ministro ou missionário, porque esta precisa acompanhar seu marido a lugares que muitas vezes nada têm de atrativos. E uma das principais qualidades que precisa ter em seu caráter é poder sentir bem e útil em qualquer lugar. Uma vez perguntaram à esposa de um ministro, em que lugar ela preferia morar, ao que ela respondeu: "no lugar em que meu marido se sentir mais feliz".

Priscila mostra fidelidade à igreja, quando é consultada por Áquila para deixar o negócio do armazém que possuíam em Corinto e passaram a acompanhar o grupo dos auxiliares de Paulo no serviço de Cristo, fazendo naquela cidade um grande trabalho para o Senhor. Tendo talvez uma casa maior do que a maioria dos cristãos primitivos, iniciaram aquela igreja  em sua casa, e parece que fizeram isso em todos os lugares onde estiveram, porque sabemos que também o fizeram em Roma. "A igreja que está em sua casa" (Romanos 16.3-5), dá a entender que Priscila é a principal interessada nesse negócio, porque teria sido impossível a Áquila receber a igreja em sua casa se a esposa não tivesse acordo, apontando assim um ideal à todas as mulheres.

Atos 18.24-26: a verdade com amor a Cristo

O casal estava em Éfeso quando chegou àquela cidade, vindo de Alexandria, um pregador interessante: Apolo, homem eloquente nas Escrituras. Porém, tinha um defeito muito sério, só conhecia um Jesus ético, pregador da justiça e do sermão da montanha, mas não o Jesus sacerdote e rei. Priscila e Áquila sentiam que precisavam ajuda-lo.

Podemos então imaginar Priscila convidando-o uma noite, depois da conferência, para ir cear com o casal, principiando com muito tato e delicada tarefa de ensinar-lhe o caminho mais excelente para Deus. Alimentado com o forte alimento espiritual ministrado por Paulo, o casal sabia muito bem como mostrar a Apolo o que significava a presença de Cristo no crente.

Priscila foi sempre fiel ao Senhor Jesus e a última notícia que temos dela é a referência em 2 Timóteo, capítulo 4 e versículo 19, última carta de Paulo, poucos meses antes de sua morte. Nesta carta, não há longa lista de amigos e só três são mencionados em Éfeso, dois dos quais são Priscila e Áquila. Tinham se passado  quase dez anos e eles e eles permaneciam unidos e, o que é melhor, fiéis a Jesus Cristo.

Não há dúvida que existem muitas mulheres que são excelentes esposas de ministros, e destas uma das primeiras e mais ilustre foi uma antiga senhora romana, fiel ao seu marido, à igreja, à verdade, e principalmente ao Senhor Jesus.

E.A.G.

_________

Texto extraído com adaptação da revista Círculo de Oração, 1º trimestre de 1987, página 9, (CPAD). Autoria não revelada.

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Nostalgia e gratidão a Deus

http://www.panoramio.com/photo_explorer#view=photo&position=2&with_photo_id=43923537&order=date_desc&user=4497865
Avenida Mutinga - Jardim Mangalot - São Paulo/SP



Nesta tarde, encontrei uma postagem do Pr. Geremias do Couto em meu perfil do Facebook. O título dela era Em Tudo Dai Graças. Ela relata momentos de sua infância. Coloquei meu comentário. E o conteúdo é compartilhado neste blog.

Tenho a teoria que o passado sempre aparece em nossa memória com sabor de nostalgia porque o tempo da infância antecede o ápice de nossas vidas. Experimentamos a curva crescente da força e da beleza e elas se vão com os anos, sem que tenhamos a noção de importância desse estágio da vida enquanto estamos nela. Penso assim me baseando nos belos versículos poéticos que encontramos em Eclesiastes 11.7-10; 12.1-7. 
 
Nasci em 1965. Vivi minha infância  num clima rural, o quintal do meu pai, presbítero assembleiano e professor de música na igreja, tinha árvores frutíferas, milharal, galinhas, coelhos. Os quintais da vizinhança também. Sempre houve energia elétrica em casa. A lâmpada de Thomas Edison chegou ao nosso vilarejo antes do meu pai comprar o lote de terra e construir a nossa residência, comigo ao lado fazendo vezes de servente de pedreiro para ele aos finais de semana e para pedreiros de profissão de segunda à sexta-feira (fazia isso eventualmente pelo prazer de ser útil e não como obrigação).
 
As ruas da região em que cresci  só receberam asfalto e luz elétrica quando já era bem grandinho. A criançada brincava solta por todos os lados, com pés no chão. Não havia preocupação com violência e banditismo. As casas ficavam de portas abertas. O leiteiro deixava o leite empilhado em caixas na esquina todas as manhãs e ia embora. Os moradores pegavam sua quota diária e pagava depois em dia predeterminado.
 
Havia um rádio embutido num móvel enorme de mogno em nossa casa. Ele era tão grande para meu corpo então pequenino que encontrava espaço para me esconder dentro durante as brincadeiras de esconde-esconde/pique-esconde. Fechava uma portinhola e me mantinha quieto dentro de um compartimento onde eram guardados discos de vinis do Feliciano Amaral!
 
Os dias atuais são diferentes. Quando visito meu pai, 70 e poucos anos, relembro o tempo em que era um homem forte. As forças dele se foram e a empatia com a vizinhança é a mesma. Não existem mais árvores, o espaço de quintal foi usado para aumentar o espaço residencial. Não há bichos, a Prefeitura proíbe a criação porque classificou a área como zona urbana. Não vejo mais tantos pardais e bem-te-vis como via antes. As casas dos vizinhos não possuem mais jardins e as cercas baixas de madeiras foram trocadas por cercas de ferros com pontas de lanças e muros altos. O empreendimento imobiliário avançou na região, derrubou bosques e matas, colocou velhas residências no chão e levantou prédios.
 
Olho os dias do passado com nostalgia. Dou graças a Deus por ter vivido o que vivi. Agradeço também pelo presente momento que vivo agora. Minha fase infantil era boa, minha fase de adulto é ótima!
 
E.A.G.

EBD 1º Trimestre de 2013 - O legado de Elias


Por Eliseu Antonio Gomes

A chamada ministerial é uma situação de especificidade, é uma característica única na vida das pessoas, algo impossível de ser copiado, repetido por outros. É uma relação entre o Senhor e a personalidade do servo.
Deus prepara o ser humano para a missão a ser desempenhada, coloca nas entranhas de sua alma talentos próprios, para cumprir sua função ministerial, dá-lhe situações na vida para aprimorar sua vocação.

Características distintas entre a vida de Elias e Eliseu

Qual a profissão do profeta Elias? Talvez não tivesse nenhuma ocupação especializada, pois a Bíblia Sagrada relata apenas seu local de origem e não sua atividade de trabalho secular. Por sua vez, Eliseu era boiadeiro e trocou o ofício terreno pelo sagrado.

A Bíblia não relata a morte de Elias, informa que ele foi arrebatado numa carruagem de fogo. Mas, informa a morte de Eliseu, e que seu cadáver continha virtude e foi capaz de ressuscitar um homem morto.

Imitadores de Eliseu?

Quando o profeta Elias encontrou o jovem Eliseu, ele arava a terra usando doze juntas de bois. Elias passou sobre ele o seu manto. Após o ato simbólico, Eliseu fez uma mesa de confraternização usando como alimento as carnes dos animais que usava para trabalhar na terra, para isso usou o jugo dos bois como madeira  de combustão para preparar o fogo. Isto é, deixou a sua profissão para exercer o ministério de profeta em tempo integral.

Alguns cristãos tomam a atitude como um exemplo para a carreira de obreiro. É preciso situar e contextualizar. Não é possível comparar sem fazer as devidas proporções. Eliseu era um profeta no Antigo Testamento, viveu na Dispensação da Lei, não conheceu Cristo e não pregou as Boas Novas do Calvário. Nós somos almas que estamos na Dispensação da Graça, conhecemos a Jesus e seu sacrifício vicário, temos a missão de anunciar ao Senhor como Salvador.

O legado cultural tem a ver com o idioma, costumes e tradições, que passam de uma a outra geração. Mas, para o cristão, a herança que é uma obrigação ser transmitida é apenas a fé em Cristo, como Senhor e Salvador. A missão do cristão é ensinar seu semelhante a imitar a Cristo (1 Coríntios 11.1).

E.A.G.

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

A ira, o discernimento e o perdão

Perdão
Após alguém próximo de nós demonstrar não merecer a confiança que depositamos nela, uma pessoa agir com ingratidão em resposta à mão de ajuda que estendemos a ela, ou ainda vivenciar a agressão de um estranho, devemos perdoar os tais.

Mas não precisamos agir como se nada de ruim tivesse acontecido. Proteja-se. Siga adiante sem guardar mágoas, esforçando-se para viver a sua vida em paz e deixando o outro viver a dele em paz também.
Perdão é abrir mão da vingança. O perdão não é amnésia e não é uma chave para abertura de portas que colocarão sua vida em riscos constantes.

Ira

Algumas pessoas interpretam errado o que a Palavra de Deus diz sobre a ira. Eles dizem que a ira é pecado. Não é! Irar-se não é pecado (Efésios 4.26). A ira é um sentimento dado por Deus, que junto à adrenalina capacita o ser humano à autodefesa. Compete a cada um usá-la junto com o autocontrole, controlando-se o irado não peca.

Outra turma de leitores da Bíblia, interpretam de maneira errada Tiago 1.19: "Portanto, meus amados irmãos, todo o homem seja pronto para ouvir, tardio para falar, tardio para se irar." Usam essa passagem bíblica para protelar os compromissos das tomadas de decisões mais importantes. Parecem usar o texto para permanecer em posição confortável, não ir à luta, não parecer antipático.

Discernimento

Muitas pessoas pensam que o exercício da mansidão é comportar-se como frouxo. Ledo engano. "Se te mostrares frouxo no dia da angústia, a tua força será pequena" - Provérbios 24.10. Ser manso é ter a sabedoria para agir ou parar de agir no momento ideal.

De fato, falar muito não é uma virtude. E do outro lado, silenciar quando é necessário marcar posição é um hábito a ser corrigido.

"Como maçãs de ouro em salvas de prata, assim é a palavra dita a seu tempo." - Provérbios 25.11.  A sabedoria divina nos recomenda discernir os momentos corretos de abrir e fechar a boca (Eclesiastes 3).

Acredito que o mundo está cheio de cristãos emudecidos, que se negam a se pronunciar em assuntos relavantes para a nossa geração. Deveria haver mais vozes de lideranças cristãs evangélicas se posicionando contra o aborto, por exemplo. Essas vozes, com certeza, teriam apoio nacional, não ficariam sozinhas.

E.A.G.

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Petição pela não cassação do registro de psicólogo de Silas Malafaia

ABAIXO ASSINADO PELA NÃO CASSAÇÃO DO PR. SILAS MALAFAIA. Vote --> http://abaixoassinado.vitoriaemcristo.org/_gutenweb/_site/gw-inicial/

Após polêmica gerada em torno da entrevista do Pr. Silas Malafaia ao programa “De frente com Gabi”, foi criada uma petição pública on-line na tentativa de cassar seu registro de psicólogo. Entretanto, em nenhuma das entrevistas concedidas à imprensa Silas Malafaia se apresenta como psicólogo, e sim como pastor, o que não justifica uma petição que envolva o Conselho Regional de Psicologia.

Vale ressaltar também que o artigo 5º da Constituição Federal garante ao cidadão brasileiro a liberdade para expressar seus pensamentos. Segundo a Carta Magna, “ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política”. Por isso, criamos um abaixo-assinado pela NÃO cassação do registro de psicólogo do Pr. Silas Malafaia. Abaixo-assinado pela não cassação do Pr. Silas Malafaia como psicólogo.
 
Campanha em favor da família cristã e da liberdade de expressão.
 
Se você é a favor da família aos moldes bíblicos, precisa participar votando favoravelmente à continuidade de Malafaia como psicólogo. Clique no link e informe-se.  Site ‘Avaaz’, de abaixo-assinados, a serviço da causa gay; ‘Que vergonha!’ Pr. Silas responde


Ao final do texto, entre no site indicado pelo Verdade Gospel e vote. Se preferir, siga o nosso atalho: Eu apoio Silas Malafaia. Convide mais pessoas para participar.
 
Entenda o que está acontecendo:
 
Após a entrevista do Pr. Silas Malafaia ao programa “De frente com Gabi”, foi criada uma petição pública on-line, no site Avaaz, na tentativa de cassar seu registro de psicólogo. Em seguida, neste mesmo site foi criada outra petição, favorável ao pastor. Quando o segundo abaixo-assinado ultrapassou o primeiro, os desenvolvedores o retiraram do ar. Agora, em outro site similar, Malafaia refaz a mesma petição.
 
Observações:
 
1. Em nenhuma das entrevistas concedidas à imprensa Silas Malafaia se apresenta como psicólogo, e sim como pastor, o que não justifica uma petição que envolva o Conselho Regional de Psicologia. 
 
2. O artigo 5º da Constituição Federal garante ao cidadão brasileiro a liberdade para expressar seus pensamentos. Segundo a Carta Magna, “ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política”.
 
Fonte: Verdade Gospel
 

O culto que Deus recebe



O culto a Deus é mais do que uma reunião no templo.

É preciso ser perspicaz para entender que não basta reunir-se, porque é impossível cultuar de verdade se não houver a confraternização dos irmãos. Sem a fraternidade, Deus não recebe as orações, não recebe os louvores.

A saudação é uma maneira de confraternizar. Então, saudemos uns aos outros com atitudes positivas (Tiago 1.27; 2.1-8; 2.15-17). Não é possível amar a Deus se não houver a comunhão entre os irmãos (1 João 1.7).

"Que fareis, pois, irmãos? Quando vos ajuntais, cada um de vós tem salmo, tem doutrina, tem revelação, tem língua, tem interpretação. Faça-se tudo para edificação" - 1 Coríntios 14.26.
"Oh! quão bom e quão suave é que os irmãos vivam em união. É como o óleo precioso sobre a cabeça, que desce sobre a barba, a barba de Arão, e que desce à orla das suas vestes. Como o orvalho de Hermom, e como o que desce sobre os montes de Sião, porque ali o SENHOR ordena a bênção e a vida para sempre" Salmos 133.1-3.

E.A.G.

Mudanças


http://wallpapers-mobilewallpapers.blogspot.com.br/2011/05/refreshing-rainy-mobile-wallpapers.html
Na vida da gente, existem momentos em que mudamos. Pela vontade de outros, por decisão própria, pela força do curso da vida - que uns chamam de destino e outros, assim como eu, acreditam ser a soberana vontade de Deus.
http://wallpapers-mobilewallpapers.blogspot.com.br/2011/05/refreshing-rainy-mobile-wallpapers.html
Cristãos evangélicos ou não, estamos neste mundo, submetidos às intempéries das quatros estações. Debaixo de sol e chuva, dependentes de luz elétrica e de água mineral fluoretada.

http://favim.com/image/46468/

Como vai sua vida? Bebendo água com flúor ou esperando a transposição do rio São Francisco?  Chove em sua região ou a longa estiagem castiga as narinas com a poeira seca e o sol causticante? Seja qual for a situação, não reclame e nem se curve diante delas. Considere seus problemas como novas oportunidades de ultrapassar barreiras e as dificuldades como chances de vencer.

A minha vida está nas mãos de Deus. Estou vivendo o verão paulistano, com o calor das manhãs e os temporais da tarde. Raios cortam os céus e trovões ensurdecedores nos faz lembrar o quão pequeninos somos diante da magnitude da natureza.


Em plena Capital do Estado de São Paulo, recebo o incômodo fornecimento de energia elétrica pela AES Eletropaulo, distribuição inconstante ao chover. Apagões, cortes abruptos, idas e vindas rápidas de energia, provocam queimas de aparelhos elétricos. Meu computador, um Windows 7 está nas mãos do técnico com a placa-mãe AMD queimada... É estranho passar por isso na Capital de São Paulo, porque essa situação parece não combinar com uma cidade que é considerada uma das maiores metrópoles do mundo.

E durante três dias seguidos, a distribuidora de Internet da minha região deixou a desejar, fiquei sem a Rede Mundial de Computadores, sem telefone, e perdi a conexão de HD nos canais de televisão - acho que a entrada HDMI do televisor queimou, ou o modem da operadora de TV a cabo... Depois de muitas ligações pedindo restabelecimento de serviço, um técnico apenas constatou o defeito e se foi... Outro, trocou o aparelho e deixou o novo inoperante "no prazo de seis horas tudo voltará à normalidade", disse.



Você quer ter dias felizes? Jesus Cristo mencionou a chuva e sol, para nos lembrar que o Criador não faz distinção entre justos e injustos, maus e bons, ao fornecer luz e água. Para ser feliz é preciso imitar ao Senhor e também amar indistintamente as pessoas, fazer o bem como Deus faz a todos (Mateus 5.43-45).

O apóstolo Pedro escreveu: "Porque quem quer amar a vida, e ver os dias bons, refreie a sua língua do mal, e os seus lábios não falem engano. Aparte-se do mal, e faça o bem; busque a paz, e siga-a. Porque os olhos do Senhor estão sobre os justos, e os seus ouvidos atentos às suas orações; mas o rosto do Senhor é contra os que fazem o mal" - 1 Pedro 3.10-12.


E.A.G.

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

EBD 2013: 1º Trimestre - A vinha de Nabote

Não devemos ficar surpresos quando a injustiça e a maldade são companheiras das práticas de uma nação quando a mesma se afasta da lei do Senhor. De igual forma, o coração que despreza a Palavra de Deus.

Por ser cobiçoso e invejoso, o rei Acabe desprezou a orientação do Senhor, quando viu a bela plantação de uvas de Nabote e a quis para si. O monarca foi ao súdito e lhe disse: "Dá-me a tua vinha para que ela me sirva de horta, pois está vizinha, ao pé da minha casa; e te darei por ela outra vinha melhor que ela; ou, se parece bem aos seus olhos, dar-te-ei a sua valia em dinheiro" - 1 Reis 21.2.

A Lei de Moisés impedia que as terras dos israelitas fossem vendidas, pois pertenciam a Deus, deveriam permanecer em família, ser repassadas de pai para filho. Nabote manteve-se fiel ao Senhor, não cedeu à pressão de Acabe e por causa disso pagou com sua própria vida (Levítico 25.23; 1 Samuel 10.25; 1 Reis 21.8-14).

A raiz da cobiça

No  texto de Ezequiel 28, a partir do versículo 12, o profeta nos apresenta um quadro da possível origem de Satanás. De acordo com o texto, Satanás era um querubim que possuía uma função especial até rebelar-se contra Deus, cobiçando o trono do Criador. Então partiu para o ataque e contagiou um terço dos anjos à rebelião, sendo todos expulsos do céu; conseguiu uma grande vitória quando levou o ser humano a desobedecer a Deus.

Neste cenário, nossa luta aqui na terra é maior do que imaginamos. Ela não é somente na esfera humana, mas também acontece na esfera espiritual. A nossa maior batalha é contra os exércitos de Satanás, que procuram nos desviar do caminho certo e nos conduzir ao pecado. O conhecimento das Escrituras Sagradas, o jejum e a oração são poderosas armas contra Satanás. Vale a pena lutar com essas armas espirituais para que a batalha seja vencida.

Estratégia para não ser destruído

Em Oséias 4.1-3, vemos que o Senhor cobra a responsabilidade da liderança quanto ao ensino das Escrituras Sagradas ao povo. A rejeição ao conhecimento de Deus leva ao desvio da vontade divina e produz consequências duras e desagradáveis. A prática do pecado resulta em crises dentro da ordem natural da vida social: a cobiça, a ganância, a inveja, o furto, o assassinato, etc.

O coração de Acabe era materialista, mundano, hedonista, porque ele não se apegava à lei do Senhor. Assim, era induzido a buscar os prazeres dessa vida passageira.

A vigilância

O apóstolo Tiago ensina que é preciso resistir ao diabo, através da resistência ele foge de nós. E  Jesus Cristo nos informa que o coração humano pode estocar todas as espécies de males. Um desses males é a avareza. Portanto, precisamos armazenar a Palavra de Deus dentro de nós para não viver em pecado, orar e vigiar para não cair em tentação (Tiago 4.7; Marcos 7.21-23; Salmo 119.11).

E.A.G.

Bíblia de Estudo de Avivamento e Renovação Espiritual, 2009, Barueri - SP, (SBB).

domingo, 10 de fevereiro de 2013

O espinho e a graça de Deus em Paulo


http://photolight.co.il/gallery/20531.html
Espinhos e cardos em solo de Israel.

"E, para que não me exaltasse pela excelência das revelações, foi-me dado um espinho na carne, a saber, um mensageiro de Satanás para me esbofetear, a fim de não me exaltar" -   2 Coríntios 12.7.

Por quarenta anos, após deixar para trás a escravidão no Egito o povo judeu caminhou pelo deserto. Portanto, sabiam muito bem que espinhos são encontrados em cardos e arbustos silvestres, plantas que crescem em terras áridas e inférteis ao plantio de árvores frutíferas.

Literalmente, Jesus Cristo sentiu a dor provocada por pontas de espinhos. Para zombar, os soldados romanos fizeram com que Ele vestisse roupa púrpura, colocaram em sua cabeça uma coroa espinhosa, esbofetearam o Filho de Deus, e de forma irônica o apresentaram como rei dos judeus (João 19.1-5).

A única certeza que podemos ter quando Paulo menciona um espinho em sua carne é que tal espinho era uma metáfora para um mensageiro de Satanás com a missão de esbofeteá-lo para que não ficasse orgulhoso. Mas não são poucas as suposições sobre qual seria o espinho que fez Paulo sofrer.

Paulo, talvez, ao citar a palavra “espinho” estivesse fazendo alusão à profecia contra Sidom, capitulada em Ezequiel 28.20.26, que apresenta o juízo divino contra os inimigos do povo de Deus. Os perseguidores são chamados de espinhos e abrolhos no versículo 24. O apóstolo, ao mencionar o seu espinho também menciona ser alvo de perseguições (2 Coríntios 12.10). Possivelmente o apóstolo tenha pedido ao Senhor que seus perseguidores fossem impedidos de o alcançarem e o maltratarem.

É importante ressaltar que Sidom fazia fronteira com Israel, os sidônios não eram uma ameaça militar, seus males eram perigosos no sentido de se aproximarem “amigavelmente” dos judeus, por usarem a diplomacia e através de relacionamento social prazeroso propagar o paganismo de maneira muito bem organizada, e assim influenciar os israelitas a pecarem contra Deus.

Acerca deles, Salomão escreveu: “Filho meu, se os pecadores procuram te atrair com agrados, não aceites.” – Provérbios 1.10.

Em Atos 17, Lucas descreve duas espécies de perseguidores de Paulo e três causas do grande sofrimento em sua vida:

1 - Perseguidores judeus violentos (1-13); 
2 - Por ver cidadãos atenienses em pecado de idolatria (16-17); 
3- Como debatedor em roda de conversas com pessoas cultas, atenienses pacíficos, filósofos epicureus e estóicos, defensores da idolatria no Areópago (18-28).

Seja o espinho de Paulo “inimigos amigáveis” ou violentos, ou outra espécie de mal, é certo que provocava muita dor e quis livrar-se do incômodo e não conseguiu.

Lembramos que o próprio apóstolo ensinou que o ser humano colhe o que planta (Gálatas 6.7-8). Paulo foi perseguidor de cristãos e responsável por muitas mortes horríveis, inclusive de Estevão por apedrejamento (Atos 22.20). Ele plantou o mal físico e deveria colhê-lo fisicamente. Por este motivo, ao orar e pedir ao Senhor que retirasse dele a causa de sua dor, recebeu a resposta “a minha graça te basta” (2 Corintios 12.9). 

E.A.G.

sábado, 9 de fevereiro de 2013

EBD 2013 - Elias e a viúva de Sarepta

Por Eliseu Antonio Gomes

O artigo é escrito com o objetivo de servir de subsídio à lição bíblica A Viúva de Sarepta, nº 6, contida na revista Lições Bíblicas, comentada por José Gonçalves, publicada pela Casa Publicadora das Assembleias de Deus. Apesar de estar direcionado aos alunos que fazem uso dessa material pedagógico, também visa colaborar com todos os estudantes da Palavra de Deus, que não têm qualquer contato com o periódico    

O estado civil do profeta

Elias era um homem solteiro. E como tal tinha maior liberdade de agir, em viagens e colocar a sua vida em risco, ao desafiar os monarcas hereges de sua nação, estar sujeito às intempéries e ser alimentado por corvos à beira de um riacho no meio da mata. Contudo, a Palavra de Deus anuncia "Deus faz que o solitário viva em família" - Salmos 68.6a.

Em Gênesis 2.18, temos a declaração do Criador "não é bom que o homem esteja só" e providenciou a Adão uma companheira idônea.

O apóstolo Paulo, enfatizando que não falava da parte do Senhor, apenas emitia opinião pessoal, escreveu que preferia que os obreiros não casassem, porque os casados têm a obrigação e dividir as atenções entre os compromissos desse mundo e os compromissos referentes à eternidade. Ele pensava que viver tal estilo de vida solitária deveria ser de fórum íntimo, sem pressões de terceiros, porque praticar relação sexual fora da instituição casamento é pecado (1 Coríntios 7.8-11).

O sexo heterossexual é uma bênção. Deus criou o casamento para que homens e mulheres desfrutem dele dentro do casamento, inclusive para procriar. Alguns dados interessantes sobre isso:

1 - Gênesis, o primeiro livro da Bíblia, e primeiro do Antigo Testamento, mostra o Criador unindo Adão e Eva, instituindo o casamento heterossexual (Gênesis 2.21-22);

2 - Malaquias, o último livro do Antigo Testamento, apresenta o profeta avisando que o Criador detesta o repúdio/divórcio, referindo ao desprezo do esposo a sua esposa (Malaquias 2.16); 

3 - O primeiro milagre de Jesus foi em uma casamento (João 2.3; 4.46);

4 - O último livro do Novo Testamento e da Bíblia apresenta a união da Igreja com Cristo nos céu, usando a simbologia do casamento heterossexual. Isto é, Jesus é o Marido e a Igreja a esposa (Apocalipse 21.12).

O estado emocional da viúva de Sarepta

Elias foi homem fiel, zeloso diante do Todo-Poderoso ao confrontar a apostasia no reino do norte. Por sua coragem e fé era um perseguido político. Como Pai amoroso, Deus o guiou para fora de Israel, para Sarepta, uma cidade fenícia entre Tiro e Sidom, território em que o rei Acabe e a rainha Jezabel não tinham autoridade para matá-lo.

Jesus Cristo, ao narrar o episódio em terra siro-fenícia, revelou que a caminhada de quinze quilômetros do profeta até essa mulher foi um esmerado cuidado e providência divina (Lucas 4.25-26). Entendemos que o Senhor usou a fé e o  ministério de Elias para que ela e seu filho sobrevivessem à estiagem de três anos e meio e usou o talento de cozinheira da viúva para que o profeta se servisse de uma boa culinária.

O profeta encontrou a pobre viúva com a mente triste, pensando em morrer de fome, ela havia desistido de lutar por sua sobrevivência e de seu filho, apanhava gravetos para fazer a última refeição, depois não havia mais com o que se alimentar e alimentar a criança. Quando Elias lhe pediu água e algo para comer, ela já estava instruída por Deus a obedecê-lo (1 Reis 17.9) Com certeza, ao ver-se como parte do plano do Senhor, que poderia ser útil ao profeta, exilado político, servindo um prato de comida, animou-se. Vendo o ânimo da mulher, Elias profetizou a ela que ela e o filho seriam abastecidos de comida enquanto não chovesse: "Assim diz o Senhor, Deus de Israel: A farinha da panela não se acabará, e o azeite da botija não faltará, até ao dia em que o SENHOR dê chuva sobre a terra." - 1 Reis 17.14.

Reparem, economicamente, a viúva quase nada tinha a oferecer, mas possuía a experiência para cozinhar. Se se recusasse compartilhar a água e a confecção do bolo, o profeta teria seguido adiante em sua fuga. O relato bíblico não diz que ela recusou-se a servir ao estranho homem estrangeiro. Ao contrário, a viúva recebeu o profeta como hóspede por muitos dias e neste período ele esteve debaixo de seu teto bebendo e comendo. Ela foi abençoada por Deus pelo fato de ser hospitaleira, abrir porta de sua instalação domiciliar ao profeta. Um dia o filho dela veio a falecer, e Deus usou o profeta para ressuscitá-lo. Caso Elias não estivesse ali, aquela senhora não teria enterrado apenas o marido, mas o filho também, ou até morrido antes dele (1 Reis 17.17-24).

Por tudo isso, a dona de casa fenícia, que as Escrituras não divulga o nome, apenas seu coração bondoso e dotes culinários, foi uma bem-aventurada.

"Tenho-vos mostrado em tudo que, trabalhando assim, é necessário auxiliar os enfermos, e recordar as palavras do Senhor Jesus, que disse: Mais bem-aventurada coisa é dar do que receber." - Atos 20:35.

Conclusão

O Senhor é o mesmo, é o nosso Provedor, tem uma variedade de formas de ajudar o seu povo, está sempre disposto a socorrer e sustentar os seus filhos, Ele usa os meios mais inesperados. Sempre cuidará daqueles que se dispõe a fazer a sua vontade (Salmo 37.6).

E.A.G.

Belverede - Eliseu Antonio Gomes - A família pela pespectiva bíblica - http://belverede.blogspot.com.br/2013/02/a-familia-pela-perspectiva-biblica.html
Ensinador Cristão, ano 14, nº 56 (CPAD)
Lições Bíblicas, 1º Trimestre 2013, José Gonçalves (CPAD).

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

A família pela perspectiva bíblica

http://belverede.blogspot.com.br

O sexo heterossexual é uma bênção. Deus criou o casamento para que homens e mulheres desfrutem dele dentro do casamento, inclusive para procriar. Alguns dados interessantes sobre isso:

1 - Gênesis, o primeiro livro da Bíblia, e primeiro do Antigo Testamento, mostra o Criador unindo Adão e Eva, instituindo o casamento heterossexual (Gênesis 2.21-22);

2 - Malaquias, o último livro do Antigo Testamento, apresenta o profeta avisando que o Criador detesta o repúdio/divórcio, referindo ao desprezo do esposo a sua esposa (Malaquias 2.16); 

3 - O primeiro milagre de Jesus foi em uma casamento (João 2.3; 4.46);

4 - O último livro do Novo Testamento e da Bíblia apresenta a união da Igreja com Cristo nos céu, usando a simbologia do casamento heterossexual. Isto é, Jesus é o Marido e a Igreja a esposa (Apocalipse 21.12).

 E.A.G.

Eike Batista: fortuna, fama, família... E, fracassos?

http://www.flickr.com/photos/11136077@N06/5118760101/lightbox/
Hoje eu acordei saindo de um pesadelo com a Bolsa de Valores. Não, não tenho investimento nela... Acordei porque já havia dormido mais de 10 horas e antes de pegar no sono a minha esposa mostrou para mim a foto de Eike Batista na Internet, feições de desespero, e me disse que ele está empobrecendo. Será?

O empresário mineiro, nascido em Governador Valadares, Eike Fuhrken Batista, atua nos setores de petróleo, logística, energia, mineração, indústria naval, carvão e entretenimento - comprou em 2011 a companhia de marketing Brasil 1, responsável por trazer ao território nacional as populares lutas do UFC. Em sua juventude morou no exterior. É filho de mãe alemã.  O pai, brasileiro, Eliezer Batista, foi presidente da mineradora Vale do Rio Doce, uma das maiores empresas do ramo no planeta. Eike esteve casado como a modelo Luma de Oliveira, que chegou a desfilar no carnaval com uma peça de sexshop - coleira em volta do pescoço contendo seu nome (logo depois disso a separação do casal). Thor Batista, um de seus filhos, frequenta as noites cariocas em carros de luxo e enfrenta processo judicial por atropelamento fatal de um ciclista, que não socorreu. 

Eike Batista é considerado empreendedor inovador, sua fortuna tem origem em esforço próprio e não por herança.

Em entrevista à Bloomberg News, se autodenominou exemplo de "sonho brasileiro". Certa vez declarou merecer uma estátua por seu empreendedorismo, mas vê suas empresas perderem valor de mercado na Bolsa de Valores nos últimos 24 meses. Provavelmente, se as coisas continuarem no mesmo ritmo, em breve o nome dele não figurará na lista de bilionários da Bloomberg (agência de notícias que tem um ranking diário das pessoas mais ricas do mundo). O ranking dos abastados possui 100 colocações e recebe atualizações todos os dias. Eike já esteve na oitava posição das pessoas mais ricas do mundo e a mais rica do Brasil, despencou à 93ª na lista internacional e perdeu o posto de primeiro brasileiro mais rico do país.

Por quê? Os motivos seriam a desvalorização das ações de suas empresas na bolsa de valores, motivadas pela vendas de 5,63% da holding EBX, por US$ 2 bilhões para um fundo de Abu Dhabi, que não foi um negócio vantajoso; e desvalorização de commodites da OGX Petróleo e Gás Participações S/A, empresas tidas como molas propulsoras de todos os seus negócios.

O site da Bloomberg afirma que as empresas OSX Brasil S/A e LLX Logística S/A sofrem processos por desrespeito ao meio ambiente e que todas as suas empresa não cumprem as suas metas de crescimento. Ainda, segundo a própria Bloomberg, desde o início do ano, Eike  "perdeu" US$ 10,1 bilhões em 2012., a maior queda global, e o classifica como a pessoa do mundo dos negócios que mais perdeu dinheiro nos últimos meses.  E assim, dá adeus ao título de brasileiro mais rico - que hoje pertence a Jorge Paulo Lemann, com US$ 18,9 bilhões - como também o segundo lugar - que cabe agora a Dirce Camargo, da Camargo Corrêa, com US$ 13 bilhões.

E.A.G.

Com informações de:
• Bloomberg - http://www.bloomberg.com/news/2013-02-07/brazilian-batista-drops-from-world-s-100-richest-ranking.html
• Diário de Pernambuco - http://blogs.diariodepernambuco.com.br/ringuediario/2011/09/bilionario-brasileiro-por-tras-do-ufc/
• Época - http://epocanegocios.globo.com/Informacao/Resultados/noticia/2013/02/eike-batista-perde-posicao-em-lista-de-bilionarios-e-cai-para-quarto-mais-rico-do-pais.html 
• G 1 - http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2012/03/filho-de-eike-batista-se-envolve-em-acidente-com-morte-no-rj-diz-policia.html
• Wikipedia - http://pt.wikipedia.org/wiki/Eike_Batista

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Biólogo Eli Vieira admite existir homossexualidade comportamental

Imagem: YouTube
Vieira: insegurança, contradições e genética
Referente vídeo: http://youtu.be/3wx3fdnOEos

No Domingo de  3 de Fevereiro, o  Pastor Silas Malafaia esteve no programa De Frente com Gabi e de maneira contundente afirmou que a prática homossexual tem a ver com comportamento. A sabatina, com mescla de debate, rendeu boa audiência, está em primeiro lugar no ranking de entrevistas de Marília Gabriela no SBT e comenta-se que a direção da emissora pretende fazer novo "round".

O biólogo, mestre em genética e doutorando em genética Eli Vieira, gravou uma crítica aos posicionamentos de Malafaia e postou o conteúdo em sua conta no YouTube. Quis aparecer categórico ao rebater a afirmação do Pastor Malafaia, quanto a dizer que uma pessoa ser homossexual é consequência de uma decisão, um comportamento que o mesmo adota. Mas, o próprio vídeo de contra-argumentação mostra que o assunto é amplo e há muita água para rolar debaixo dessa ponte. Não há declaração final sobre o assunto por parte do biólogo. 

Ontém pela manhã, uma das primeiras postagens que eu encontrei ao acessar a Internet foi esse tal vídeo do geneticista Eli Vieira. Não o assisti. Parti para outras atividades, e só depois de retornar com a família para casa fui ao YouTube. 

Talvez, querendo mostrar que era uma casualidade, ele fez pose antes da explanação, bebericou algo em uma xícara no início do vídeo. Ao fim da fala fez alguns segundos de silêncio e voltou a falar dizendo que é diferente e não deseja dar lição de moral no Malafaia, sendo que o fato de dizer isso já era a própria lição de moral que ele dizia não querer dar. 

Nas argumentações, o geneticista deixa transparecer que em parte concorda com o pastor, embora em nenhum momento admita isso diretamente. A situação aparenta algum tipo de conflito, se manter fiel ao ramo da Ciência e agrado à classe homossexual que o pressionou a pronunciar-se. 

Nas entrelinhas, Vieira também afirma que uma pessoa pode adotar as práticas homossexuais induzido pelo meio em que estiver vivendo. Em outras palavras, há o surgimento de atividade homossexual por comportamento e não característica de personalidade ao nascer.

Falando sobre sexo das borboletas e de répteis, Vieira mostra-se menos seguro. Ele faz cortes de edição no vídeo, tem olhar de soslaio dirigido para anotações e cai no ridículo ao esquecer dos órgãos genitais dos seres humanos, que indicam quem é homem e quem é mulher.

Confira as transcrições acessando o vídeo: 

4:25 - "Não, a natureza não é rígida desse jeito, para determinar o que é fêmea e o que é macho. Muito menos nos seres humanos em que além das contribuições dos fatores biológicos há contribuição da cultura e do ambiente. E etc."

Ao novamente querer refutar que possa haver pessoas homossexuais por decisão e não por nascimento, outra vez se contradiz: 

8;02 - "Nós sabemos que coisa como altura, cor de pele e comportamento tem influência tanto genética quanto ambiental. E no caso do comportamento parte da influência é inclusive cultural nos seres humanos".

E.A.G.

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Quem vai para o céu?

Quando uma pessoa falece, algumas vezes alguns ficam a pensar qual seria o destino da alma lá do outro lado além túmulo. Da minnha parte, acho que não é uma das melhores opções cogitar sobre hipóteses; só Deus é cpaz de saber o destino dessa alma.

É importante pensar neste assunto examinando a nós mesmos.

O primeiro impedimento para entrar no céu é não crer que Jesus é o salvador: 

"Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim." - João 14.6.

O segundo impedimento para não entrar no céu é guardar mágoas, não agir com amor com quem não merece ser amado:  

"Porque o juízo será sem misericórdia sobre aquele que não fez misericórdia; e a misericórdia triunfa do juízo" - Tiago 2.13.

Jesus ensinou os discípulos a orar, e na estrututura da oração está embutida a condição para receber a misericórdia fivina e o perdão do Senhor:

"Portanto, vós orareis assim: Pai nosso, que estás nos céus, santificado seja o teu nome; Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu; O pão nosso de cada dia nos dá hoje; E perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores; E não nos induzas à tentação; mas livra-nos do mal; porque teu é o reino, e o poder, e a glória, para sempre. Amém."- " Mateus 6:9-13.

"E ele lhes disse: Quando orardes, dizei: Pai nosso, que estás nos céus, santificado seja o teu nome; venha o teu reino; seja feita a tua vontade, assim na terra, como no céu. Dá-nos cada dia o nosso pão cotidiano; E perdoa-nos os nossos pecados, pois também nós perdoamos a qualquer que nos deve, e não nos conduzas em tentação, mas livra-nos do mal" - Lucas 11:2-4.

E.A.G.

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

SBT: Malafaia e Marília Gabriela frente a frente

reprodução imagem YouTube


Foi ao ar ontem no SBT, exatamente quando o relógio marcava meia noite, mais um programa De Frente com Gabi. A jornalista por cerca de uma hora fez perguntas a Silas Malafaia, o pastor-preesidente da igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVC) e apresentador do Vitória em Cristo, programa de televisão.

Marília Gabriela fez um programa bastante profissional. Ela foi imparcial, apesar de - segundo informações em redes sociais e que não confirmo - possuir em sua família uma pessoa homossexual envolvida no ativismo gay.

Um dos momentos que considerei mostras da imparcialidade da Marília Gabriela foi quando ela deu ao Malafaia um gancho para ele responder ao jornalista João Batista Jr, da Veja - SP. Nenhum dos dois citou o nome do jornalista e nem da revista (talvez devido um acordo prévio, por questões da ética profissional). Qual foi o guancho? A entrevistadora perguntou sobre como são formados pastores na ADVC, e o pastor rebateu o que o jornalista desinformou em sua matéria. Quem quiser conferir: Veja-SP.

Malafaia disse não prometer enriquecimento aos assembleianos que congregam em seu ministério e nem aos que o assistem em seus programas de televisão. Disse que anuncia bênçãos de Deus e que essas bênçãos não são necessariamente o enriquecimento financeiro. A descrição sobre prosperidade que ele fez não é nova. As palavras da resposta inclusive já são bastante conhecidas de quem acompanha suas preleções. Segundo ele, ser próspero é ter paz no lar, ter estabilidade financeira, afirmou ilustrando com as figuras de uma pessoa que ganha pouco e é feliz consigo mesma e em sua casa e outra que ganha salário melhor e deve ao agiota e não é feliz.

Sobre patrimônio anunciado pela Forbes, um dado importante foi o Malafaia trazer a sua declaração de renda ao estúdio. Algo que eu nunca vi alguém fazer antes. Creio que isso repercutirá na mídia. É esperar e ver.

Sessenta minutos passaram rápidos. Ficou um gostinho de quero mais.

O conteúdo da entrevista já está disponível no site oficial do programa. Para quem quer ver e não teve a oportunidade de assistir: Parte 1 | Parte 2 | Parte 3 | Parte 4

E.A.G.

domingo, 3 de fevereiro de 2013

Fracos e desprezados nas mãos de Deus


Por Watchman Nee

"Deus escolheu as coisas humildes do mundo, e as desprezadas, e aquelas que não são" - 1 Corintios 1.28.

A cruz é o maior nivelador do universo. Leva cada um de nós ao marco zero. Oferece a toda a humanidade um novo começo. A diferença entre um cristão que progride rápido e um que progride vagarosamente está na fidelidade e obediência do primeiro, nunca em algo que ele possua por natureza. 

Há muitas coisas demasiadamente fortes e pomposas para que Deus as use. Ao invés disso, Ele não apenas escolhe as coisas fracas e desprezadas, vai mais longe. O apóstolo parece quase perdido para saber como definir as coisas que Deus escolhe usar, tão fracas e desprezíveis são aos olhos humanos. Numa frase de grande discernimento ele as resume como "aquelas que não são".

Você se enquadra nessa categoria? Não desespere. Longe de estar em desvantagem em comparação com outros, você realmente pode ter uma margem de vantagem sobre eles, pois pelo menos você já está no marco zero, e não tem que andar muito para chegar ao ponto de partida de Deus! Simplesmente creia nEle e obedeça-O.

Fonte: Uma Mesa no Deserto - Meditações Diárias, São José dos Campos (CLC Editora).

Foi justo?

Por Helmuth Matschulat

"Homens israelitas, escutai estas palavras: A Jesus Nazareno, homem aprovado por Deus entre vós com maravilhas, prodígios e sinais, que Deus por ele fez no meio de vós, como vós mesmos bem sabeis; A este que vos foi entregue pelo determinado conselho e presciência de Deus, prendestes, crucificastes e matastes pelas mãos de injustos; Ao qual Deus ressuscitou, soltas as ânsias da morte, pois não era possível que fosse retido por ela" - Atos 2.22-24.

Certa ocasião recebi o pedido de um ilustre desembargador, já aposentado, para conversar sobre o julgamento de Cristo. Ele admitia a inocência de Jesus, mas, como profundo conhecedor do direito romano, concluiu que o julgamento não estava bem contado. Segundo ele, não seria correto o justo sofrer pelo injusto. Cada um deve arcar com as consequências de seus próprios erros. Se Pilatos, representando o Império Romano, não achou culpa em Jesus, então não poderia ser condenado. O jurista concluiu que a narrativa do Novo Testamento não estava correta.

Apresentei diversos livros sobre o assunto, mas com muita habilidade ele refutava os argumentos dos escritores, sempre defendendo que o registro bíblico não estava correto. Passaram-se meses. Um dia estudamos Romanos, carta na qual Paulo faz uma dissertação jurídica sobre a justificação e conclui que a lei não é suficiente para a salvação, mas sim a graça de Deus. Ao ler os versículos "Deus demonstra o seu amor por nós: Cristo morreu em nosso favor quando ainda éramos pecadores" (Romanos 5.8) e "o amor é o cumprimento da lei" (Romanos 13.10b), o desembargador disse que se rendia e aceitava o julgamento de Jesus. Depois foi mais fácil entender e aceitar o que o apóstolo Pedro registrou: "Cristo sofreu pelos pecados de uma vez por todas, o justo pelos injustos" (1 Pedro 3.18a).

Recordei, então, a palavra que Deus fala pelo profeta Jeremias (23.29b): "Não é a minha palavra ... como um martelo que despedaça a rocha?" e também através de Paulo a Timóteo: "Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção e para a instrução na justiça" (2 Timóteo 3.16). Quando há dúvidas, procure na Palavra de Deus as respostas!

Toda a justiça de Deus cabe dentro da sua graça, e ainda sobra espaço para a nossa restauração.

Fonte: Pão Diário, edição 2012 (Rádio Trans Mundial).

sábado, 2 de fevereiro de 2013

Livro sobre Blogs Evangélicos será lançado na VINACC


BLOGS EVANGÉLICOS: O IMPACTO DA MENSAGEM CRISTÃ NA INTERNET (VCP)

Por Valmir Nascimento

Em virtude da sua simplicidade operacional, interatividade e facilidade de uso, nos últimos anos os blogs se transformaram em um dos principais meios de expressão e comunicação social. Essa nova ferramenta da cibernética tem sido responsável por uma verdadeira revolução na forma como se produz e compartilha conhecimento na rede mundial de computadores. 

Graças a essa nova interface, a publicação de conteúdo não é, nos dias atuais, monopólio das grandes empresas de comunicação e do jornalismo tradicional. Hoje, qualquer pessoa é capaz de produzir e distribuir informação para uma infinidade de pessoas em todos os cantos da terra. 

Pensando nisso, a Visão Nacional para a Consciência Cristã (VINACC) e a União de Blogueiros Evangélicos (UBE) idealizaram a presente obra, com o objetivo de abordar o surgimento dos blogs e analisar a atuação e o impacto da blogosfera evangélica no contexto da igreja brasileira. Trata-se de uma obra inédita na literatura evangélica, propondo-se a investigar o fenômeno da blogosfera evangélica à luz das Sagradas Escrituras e da cultura cristã. 

O livro foi escrito por um grupo composto por blogueiros cristãos consagrados e reconhecidos no Brasil, trazendo reflexões valiosas a respeito da utilização dessa ferramenta para a divulgação e defesa do evangelho na internet. Participam deste projeto Valmir Nascimento (Organizador da obra), Walace Sousa, Vinicios Musselman Pimentel, Tiago Santos, Leonardo Gonçalves, Geremias do Couto, Norma Braga, Uziel Santana, Carlos Roberto Silva, Renato Vargens, Eliseu Antonio Gomes e Wilma Rejane. O livro conta ainda com uma entrevista exclusiva com o casal de escritores norte-americanos Richard e Nancy Pearcey.

O prefácio da obra foi elaborado por Mauro Meister, um dos editores do blog Tempora Mores. Meister diz que um das razões de ler o livro "Blogs Evangélicos" é a sua originalidade. "Já existem milhares de livros sobre blogs, mas não conheço em nossa língua um que tenha o foco na avaliação aqui feita: o que os blogs estão fazendo no meio cristão evangélico. O tema dos diversos capítulos vai lhe dar acesso a uma percepção singular sobre o impacto da blogosfera na igreja brasileira, incluindo uma introdução ao tema com  uma pesquisa a respeito do que os tais blogueiros fazem". 

O livro será lançado pela Visão Cristã Publicações na 1º Feira do Livro na 15º Consciência Cristã.

Fonte: UBE Blogs

1 Encontro Nacional de Blogueiros Evangélicos será gratuíto

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

TV Gazeta - Cátia Fonseca: programa Mulheres faz publicidade de novelas da Rede Globo


Assistia ontem o programa É 10, um talk show apresentado pelo jornalista Décio Piccinini (1), que vai ao ar às 22 horas das quintas-feiras e reprisado no mesmo horário aos domingos no canal Rede Brasil. Estavam lá os atores Alexandre Frota e Vagner Molina sendo entrevistados. E em determinado momento, o apresentador comentou sobre seu pensamento sobre a razão da Rede Globo estar em primeiro lugar em audiência nas transmissões de sinal aberto. Ele afirmou: "O abismo existente entre a Rede Globo e as outras emissoras acontece por causa da incompetência das outras (das concorrentes)".

A análise é muito lúcida. Tenho uma ilustração que serve de bom exemplo a esse comentário.

A TV Gazeta, emissora integrante do complexo Cásper Líbero, lançou uma campanha para aumentar o número de telespectadores. Entre a grade da programação aparece um comercial da Casa informando em quais operadoras por assinatura ela pode ser encontrada. O slogan dessa campanha é “queremos você mais perto da gente”. É algo bem elaborado, mas não parece ser uma ideia coesa em todos os departamentos dessa televisão.

De segunda à sexta-feira, às 14 horas, entra no ar o programa Mulheres, com temática variada, apresentado pela simpática Cátia Fonseca (2). Hoje, um dos quadros apresentados era sobre novelas. Por aproximadamente 20 minutos, acompanhada de mais duas pessoas, a apresentadora ocupou o tempo para elogiar capítulos de novela da Rede Globo, até se dizendo noveleira. Em dado momento, apresentou-se um quadro com Renata Banhara, personalidade que desfila em carnavais, que continham perguntas sobre as novelas globais dirigidas a ela 

É incrível! A Coca Cola nunca fará propaganda de Pepsi e a Ford jamais custeará publicidade para a Fiat, mas a TV Gazeta faz anúncios para a Rede Globo!

Eu não cedi aos apelos da Cátia e continuei sintonizado na emissora que ela trabalha. Com certa regularidade eu vejo Gazeta Esportiva (3), às 18 horas, e depois ao Jornal da Gazeta (4), às 19. Durante o telejornal., é praxe a apresentação de uma entrevista realizada por Maria Lydia Flandoli. E ontem o entrevistado era Netinho de Paula, que compõe a equipe de secretariado do Prefeito Fernando Haddad (SP), comandando a Secretaria Municipal de Promoção da Igualdade Racial, a pauta era sobre racismo na Capital paulista. (5)

O que isso tem a ver com o que estou falando? Bem, lá no programa Mulheres assisti apenas comentários sobre a novela da Globo, em nenhum momento foi mencionado a presença de Netinho de Paula no programa jornalístico da Casa e que haveria abordagem de um assunto tão importante para a cidade de São Paulo e consequentemente para todo o Brasil. Digamos que não seria possível anunciar isso porque o Mulheres é voltado ao entretenimento. Aí vem mais duas perguntas. Qual seria o motivo para ignorar programas como Todo Seu; Gazeta Esportiva; A Máquina? Por que não prestigiar colegas da Casa como Ronnie Von, Goulart de Andrade, Fabrício Carpinejar Thiago Oliveira, Michelle Glanella, entre outros tantos?

Não vamos culpar a Cátia Fonseca. No site oficial do programa, ela não consta como diretora. Além disso, essa prática de puxar para cima a Rede Globo e para baixo a Casa em que se trabalha também existe em outros programas da TV Gazeta e também em outros canais de televisão brasileira.

Enfim, é como disse o Piccinini: a Rede Globo faz sucesso por causa da incompetência das emissoras concorrentes! Quando as altas cúpulas das televisões do Brasil abrirem os olhos e perceberem que o sistema digital os coloca em igualdade de imagem e som, no sinal aberto com todas as emissoras, talvez cogitem em valorizar sua programação e deixarão de "competir" com as  agências publicitárias - as únicas que faz todo sentido realizar propagandas de novelas globais.

E.A.G.

1 - http://www.rbtv.com.br/programas/variedades/e10/index.html
2 - http://mulheres.tvgazeta.com.br/quem-faz
3 - http://esporte.tvgazeta.com.br/equipe
4 - http://jornaldagazeta.tvgazeta.com.br/equipe
5 - http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=X3papeRz5WE

As 7 postagens mais acessadas na semana

As 7 postagens mais acessadas nos últimos 30 dias

As 7 postagens mais populares (geral - desde 12 de junho de 2007)

Assuntos abordados em Belverede / clique sobre a palavra para acessar os artigos sobre o tema

.Vida Cristã .Artigo e Comentário .cosmovisão .Comportamento .Televisão .Devocional .Vídeo .Política .CPAD .Líderes e liderados .Blogosfera Evangélica .Lições Bíblicas .Pais e Filhos .Atualidade .Família .Louvores .Charge Tirinha Cartum e Gravura .Dinheiro .Fé .Fruto do Espírito X Carne .Motivacional .Mulher .Casamento .Apologia Bíblica .Sexualidade .Crente Politizado .Música .Silas Malafaia Pr .CGADB .Frases & Imagens Impactantes .Etimologia Bíblica .Prosperidade .Profetas .Saúde .Meio Ambiente e Sustentabilidade .Hermenêutica .Livros e Leitores .redes sociais .Bom humor .Jovens .Conceitos e Preconceitos .Dupla Cidadania .Você sabia? .Ateísmo e Agnosticismo x Fé .Cinema .neopentecostais .Esporte .José Wellington Bezerra da Costa - Pr .Grupo de Colaboradores em Belverede .Personagens da Bíblia .Antigo Testamento .Dica de Blogueiro .Salmos .Introspecção .Natal .Soteriologia .Marco Feliciano Pr .Verdades e Mentiras .Pérolas .Sociedade Bíblica no Brasil .Ecologia .Aborto .Comunicado .Internet .óbito .Escatologia Bíblica .Samuel Câmara-Pr .pentecostalismo .Teologia .Gif .Novo Testamento .Ana Paula Valadão Bessa .[Fotos Belverede] .UBE .Questões (des)complicadas .RR Soares .Facebook .Belverede .Daladier Lima .Missões .animal doméstico .Carlos Roberto Silva Pr:: Blog Point Rhema .Provérbios de Salomão .Fanatismo .Pneumatologia - A Doutrina do Espírito .Quem sou eu? .Aline Barros .Crônicas e fábulas .Diante do Trono .Bíblia de Estudo .Dízimos e ofertas .João Cruzue .Billy Graham .Poema e Poesia .Virtualidade Real e Realidade Virtual .Cosmovisão Cristã .Editora Vida .Namoro .Sermão do Monte .Educação .Páscoa .Guerra e Paz .Gênesis .Nani Azevedo .Hamartilogia - A doutrina do pecado .Julio Severo .Sociedade Bíblica Trinitaria do Brasil .Jeremias .Nova Tradução na Linguagem de Hoje .Postagem Factual .Valmir Nascimento Milomen-Pb .Carta de Tiago .Geremias do Couto-Pr .Lília Paz .Fotos - Templos Evangélicos .Homilética .Virada de Ano .Altair Germano - Pr .Bem aventurança .Randy Glasbergen .rádio .André Valadão .Angeologia .Arlete Oliveira .Carnaval .Dia das Mães .Livros da Bíblia .Nova Versão Internacional .Patmos Music .Sammis Reachers .Arqueologia Bíblica .Banda Voz da Verdade .Crianças .Editora Central Gospel .Geografia Bíblica .Opinião .Priscila B Gomes .Rachel Sheherazade .YouTube .animal selvagem .Eclesiologia .Thalles Roberto .Wilma Rejane EBD / sumário .Cassiane .Editora Vida Nova .Política Brasileira .Editora Mundo Cristão .Ezequias Soares-Pr. .Jabes de Alencar - Pr. .LUCAS - O Evangelho escrito por Lucas .Magno Malta .Pesquisa .Prêmio Carta de Paulo aos Filipenses Smilinguido .Dia dos Pais .Exegese .Martinho Lutero .Botânica .Dia das Crianças .Islamismo .Mensageiro da Paz .animal aquático .Barack Obama .Cartas do Apocalípse .Charles Darwin .Fotos .Gutierres Siqueira .Insetos .Max Lucado .Shirley Carvalhaes X criacionismo versus darwinismo .A Bíblia Viva .Arminianismo .CONAMAD .Calvinismo .Editora Betânia .Eyshila .Fernanda Brum .Harpa Cristã .Jaime Kemp - missionário .Livro de Daniel .Lydia Moisés .Mulheres na Bíblia .Primavera .Tania Guahyba .Twitter .grafite .pássaros na Bíblia .Cristologia .Donald Zolan .Marisa Lobo .Árvores da Bíblia Charles Haddon Spurgeon .Dia da Bíblia .Dia dos Namorados .Edições Vida Nova .Futebol .Josué Gonçalves - Pr. .Livro de Jeremias .Montes da Bíblia .Paulo César Baruk .Reinaldo Azevedo .Soraya Moraes .Verão .Walter Brunelli - Pr. .teatro .Abba Press .Abraão de Almeida-Pr. .Bruna Karla .Carla Ribas .Dia Internacional das Mulheres .Dia de Finados .Esdras Costa Bentho-Pr .Instagram .Livro de Jó .Michael W. Smith .Neiva Silva .Oficina G3 .Oprah Winfrey .Outono .Regis Danese .Silas Daniel - Pr .Valdomiro Santiago - Apóstolo .Vanderleia M. Silva Yosef Nadarkhani .Albert Einstein .Antonio Gilberto - Pr .Cristina Mel .Dia da Mentira .Evangelho de Mateus .Flamir Ambrosio .Gediel Mendes .Gunnar Vingren .Jorge Tadeu Mudalen .João Ferreira de Almeida .Lauriete .Lázaro (ex-Olodum) .Morris Cerullo .Política Internacional .Slide . A. W. Tozer . Pregador Luo . Silmar Coelho - pastor .Adhemar Campos .August Rodin .Bom dia .CPAD Music .Claudionor de Andrade - pastor .Elaine de Jesus .Hillsong .Inverno .John Piper .Lea Wasiliew .Livro de Êxodo .Lucilene Batista de Brito Shirota .Nova Bíblia Viva .Quarteto Harmonia Celeste .Rose Nascimento .Timidez e Ousadia .orai por Israel .publicidade WhatsApp .Alan Kardec .Apocalípse 16 .Bete Gomes .Canon .Carta aos Romanos .Central Gospel Music .Daniel Berg .Danielle Cristina .David Quinlan .Editora Chamada da Meia-Noite .Editora Hagnos .Eduardo Cunha .Elinaldo Renovato - pastor .Enéas Tognini - Pr. .Genivaldo Tavares de Melo .Gesiel Gomes - Pr. .Google .Hernades Dias Lopes .João Alexandre .Livro de Isaías .Livro de Rute .Lourival de Almeida - Pr .MK Music .Marcelo Santos .Martin Luther King .Nito [Rubens Eduardo] .Pena de Morte .Ray Comfort .Robinson Monteiro .Russel P. Shedd .Third Day .Tim Laheye .Voltaire .Watchman Nee Damares .2 Carta de Pedro .2 Coríntios- Carta de Paulo .A Mensagem .Adolf Hitler .Alda Célia .Amizade .Andrea Fontes .Anita Malfatti .BLOG .Banda Catedral .CIMEB .CPAD News .Carta aos Gálatas .Cintia Kaneshigue .Dia Nacional da Consciência Negra .Dia do Professor .Dia do Trabalho .Dwight L. Moody .Eber Cocareli - Pr .Editora Betel .Editora Candeias .Editora United Press .Edna Goetten .Escola Dominical .Evangelho de João .Fecomex .Feliciano Amaral .Google Plus (G+) .Gutemberg - Johannes .História Mundial .Isaac Newton .Içami Tiba .Jairo Elin Gollmann-Ev .John Wesley .Jorge Araujo .Katie Bivens .Katsbarnea .Kelem Gaspar - Missionária .Link Quebrado .Livro de Amós .Livro de Juízes .Livro de Malaquias .Marcelo Crivella .Orquestra Jahn Sorheim .Ozeias de Paula .Paulo Romeiro-Pr .Quatro por Um .Raquel Melo .Retrospectiva 2017 .Robson Silva .Ronaldo Bezerra .Sociedade Bíblica Internacional .Sonia Hernades - bispa .Superstições e Lendas Urbanas .Talita Pagliarin .Tradução King James Atualizada (KJA) .Victorino Silva .folhetos evangelísticos Esequias Soares pastor Graça Music Juliana Bezerra Gomes Nésia de Araujo Gomes William Brassey Hole . .Introspecção . C. S. Lewis . Stephanie Colbert- vocalista Starship .1 Timóteo .A Nova Bíblia Viva .Adilson Lopes .Anderson Freire .Antropologia Bíblica .Antônio Cirilo .Ao Cubo .Arautos do Rei .Bezerra da Silva .Bill Gates .Boa noite .Boa tarde .Brenda-Santos .Bruna Olly .Bruna Surfistinha .C.I. Scofield .CPOL - Curso Preparatório para Obreiros de Pirituba .Caramuru Afonso .Carlos Alberto Bezerra Jr .Carta aos Efésios .Carta de Paulo aos Colossenses .Casamento em jugo desigual .Charles C. Ryrie .Ciclo das quatro estações .Claudio Duarte - pastor .Cleber Lucas .Comunidade Internacional da Zona Sul .Contos .Cristiano Santana .Curiosidades bíblicas .Danny Berrios .Dany Grace .Davi - rei .Deigma Marques .Discopraise .Donald Trump .Downloads .E-books .EBI .Editora Atos .Editora Bom Pastor .Editora Cultura Cristã .Editora Dynamus .Editora SEPAL .Editora Sextante .Eduardo Campos .Elienai Cabral - pastor .Eliseu - profeta .Estevan Hernandes - Apóstolo .Estevão - o primeiro mártir .Evangelho de Marcos .ExpoCristã. .Fatos Curiosos - internacional .Fernandinho .Ficção Evangélica .Filho do Homem .Flamarion Rolando .Frederick K.C.Price .Geisa Iwamoto .Graça Editorial .Grupo Elo .Heber Sousa - pastor .Hebraico .Hieronymus Bock .Homenagem .Igreja Evangélica Indiana .Il Divo .Imprensa Bíblica Brasileira .Instituto Cristão de Pesquisa - ICP .Jair Messias Bolsonaro .Jamily .Jeanne Mascarenhas .Jimmy Swaggart .John Bevere .John Bunyan .John Lennon .Jonas .Josias Botelho .José Wellington Bezerra da Costa Junior - pastor .José Wellington Costa Neto - pastor .José do Egito .Kathy Fincher .Kleber Lucas .Leandro Marques .Lidia Caetano de Sousa - missionária .Literatura .Livro de Deuteronômio .Livro de Eclesiastes .Livro de Habacuque .Livro de Joel .Livro de Josué .Livro de Miquéias .Livro de Números .Livro de Oséias .Livro do Apocalipse .Lições Bíblicas - Jovens .Ludmila Ferber .Lívia Malta .Magno Paganelli .Manuel Ferreira - Bispo .Marcio Melânia .Mariana Valadão .Marina Silva .Mario Teixeira .Marquinhos Gomes .Michelangelo .Mike Smith .Ministério Hebrom .Ministério de Adoração .Missões na Índia .Neemias .Notícia comentada .O Livro de Ageu .Oração .Os presidenciáveis para 2018 no Brasil .Paul Wilbur .Pedofilia .Profetas .Você sabia? .Quarteto Gileade .Rachel Novaes .Rebanhão .Recursos .Ressurreição .Rob Bell .Rodolfo Abrantes .Ron Kenoly .Salomão - rei .Saudade .Snezhana Soosh .Sociedade Bíblica Íbero-Americana .Sofonias .Sony Music .T.A. Hegre .Templo Soul .Vineyard .Voices .Walciley Vieira .William Shakespeare .Wim Malgo .áudio 1 Coríntios Alberto Rezende - pastor Charles Studd Elizeu Martins - pastor George R. Foster

▲ Clique na imagem para retornar ao topo do blog.

Sobre ilustrações no Belverede

O Direito Autoral de algumas imagens encontradas aqui não pertence ao Editor do blog. Esta situação se dá porque elas estão na Internet sem que haja a informação de quem seja o Dono.

Caso você seja o detentor do conteúdo, queira que seja feita a indicação autoral, ou não seja de sua vontade o compartilhamento, solicitamos que nos faça saber disto. Por favor, acesse a página do próprio texto e deixe recado no próprio texto em questão, ou use a página Contato.

Arquivo de postagens

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes
Cidade Ocean - Praia Grande - São Paulo/SP - Brasil.