Research | Pesquisar artigos de Belverede

Select the language

quinta-feira, 31 de julho de 2008

CPAD - O CRENTE E A PROSPERIDADE - O LIVRO DO PASTOR SEVERINO PEDRO DA SILVA

CPAD.
.
Arte: Cecconi | CPAD
.
"Este livro foi escrito para ajudá-lo! Depois de sua leitura, você irá sair desse caos em que se encontra agora! Sua vida vai mudar. Sua fé irá reagir e sua esperança será novamente renovada nas promessas de Deus. A prosperidade virá ao seu encontro automaticamente. Através da Bíblia, descobriremos que não fomos criados para sermos pobres. A pobreza foi ocasionada pelo pecado. Entretanto, quando nos tornamos novas criaturas este estado deve desaparecer e, em seu lugar, devem vir as bênçãos do Senhor".
.
Severino Pedro da Silva
.
Ministro do Evangelho, bacharel em Filosofia e Teologia, autor dos livros Daniel, versículo por versículo; Apocalípse, versículo por versículo; Os anjos, sua natureza e ofício; Escatologia, doutrina da últimas coisas; e O homem: corpo, alma e espírito.
.
Prefácio:
.
"O Crente e Prosperidade surgiu em tempo oportuno! Mormente quando atravessamos dias tão difíceis como os dias atuais.
.
Entretanto, através deste livro o leitor poderá '...penetrar até o interior do véu' onde nossa esperança encontrará apoio e descanso nas promessas de Deus. Sua leitura agradável, seu estilo inspirador, conduzirá sua fé ao mais elevado patamar da confiança naquele que disse: '...tudo (tudo mesmo) é possível ao que crê'.
.
Seu autor, todos nós já conhecemos: pastor Severino Pedro da Silva, cuja pena sagrada tem trazido edificação espiritual para milhões de cristãos na face da Terra. Ele procura, através de sua leitura, transformar nossas pobres idéias em afluentes ideais. Depois de sua leitura você não será o mesmo".
.
São Paulo - Capital, 1989.
.
José Wellington Bezerra da Costa.
.
.
E.A.G.

KUNG FU PANDA, OS JOVENS E ECLESIASTES 11.9-10; E 12.1

.
Fernando G. Paez / Flickr
Kung Fu Panda: grande sucesso nas férias escolares de 2008

"Jovem, aproveite a sua mocidade e seja feliz enquanto é moço. Faça tudo o que quiser e siga os desejos do seu coração. Mas lembre-se de uma coisa: Deus o julgará por tudo o que você fizer. Não deixe que nada o preocupe ou faça sofrer, pois a mocidade dura pouco.

Lembre-se do seu Criador enquanto você ainda é jovem, antes que venham os dias maus, e cheguem os anos em que você dirá: "Não tenho mais prazer na vida".


Nova Tradução na Linguagem de Hoje

quarta-feira, 30 de julho de 2008

ANÔNIMOS


Embora respeite, este blog não vê com bons olhos manifestações de protestos anônimas (duplo clique >>> AQUI).Assim sendo, não publica e nem responde, salvo raras exceções, postagens desta categoria. Este procedimento ocorre porque não há motivos para viver nas sombras. Somos livres para opinar. Então o blog sugere aos que sentem necessidade de se expressar assim, anonimamente, que esqueçam a timidez e encampem suas questões com coragem e toda a dignidade dos valentes.

Oro em favor dos que ainda não encontraram forças para apresentar seus nomes.

Quanto a responder e publicar postagens anônimas, excetuo aos que buscam aconselhamentos. Sempre respondo nestes casos.

Esclareço que este blog não está em disputa de nenhuma espécie. O objetivo é evangelizar e edificar vidas, tão-somente. E sem buscar nenhuma espécie de lucro pessoal.

Eliseu Antonio Gomes

segunda-feira, 28 de julho de 2008

EFEITOS DAS OBRAS DA CARNE - ILUSÕES

.
Carta do apóstolo Paulo aos Gálatas


16Portanto, vos afirmo: Vivei pelo Espírito, e de forma alguma satisfareis as vontades da carne! 17Porquanto a carne luta contra o Espírito e o Espírito contra a carne. Eles se opõem um ao outro, de modo que não conseguis fazer o que quereis. 18Contudo, se sois guiados pelo Espírito, já não estais subjugados pela Lei. 19Ora, as obras da carne são manifestas: imoralidade sexual, impureza e libertinagem, 20idolatrias e feitiçarias; ódio, discórdia, ciúmes, ira, egoísmo, dissensões, facções e 21inveja; embriaguês, orgias e tudo quanto se pareça com essas perversidades, contra as quais vos advirto, como já vos preveni antes: os que as praticam não herdarão o Reino de Deus!

22Entretanto, o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, paciência, benignidade, bondade, fidelidade, 23mansidão e domínio próprio. Contra essas virtudes não há Lei.


Fonte: versão King James Atualizada (Abba Press).

SALMO 15 - TRADUÇÃO NOVA VERSÃO INTERNACIONAL

.
SENHOR, quem habitará no teu santuário?

Quem poderá morar no teu santo monte?

.
Aquele que é íntegro em sua conduta e pratica o que é justo,

que de coração fala a verdade.

.

e não usa a língua para difamar,

que nenhum mal faz ao semelhante

e não lança calúnia contra o seu próximo,

.

que rejeita quem merece desprezo, mas honra os que temem o SENHOR,

que mantém a sua palavra, mesmo quando sai prejudicado,

.

que não empresta o seu dinheiro visando lucro nem aceita suborno contra o inocente.

Quem assim procede nunca será abalado.

.

.

domingo, 27 de julho de 2008

2ª TIMOTEO 3.16 - A BÍBLIA ADAPTADA AO GOSTO DO LEITOR. PODE?

Uma Edição Adaptável

Por e-mail: Anne M. Cetas

Meditação: Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino… e para a instrução na justiça. (2 Timóteo 3:16).

Leitura: Mateus 5. 43.48.

Conheço um homem que acha que poderia haver interesse em um novo tipo de Bíblia. Ele diz, sarcasticamente, que uma editora deveria criar uma Bíblia eletrônica que permitisse ser reescrita enquanto é lida nos bancos das igrejas. Dessa forma, as pessoas e as igrejas poderiam fazer com que a Bíblia dissesse aquilo que elas gostariam de ouvir. Essa versão poderia ser chamada de B.E.A.L. (Bíblia Ecumênica Adaptável Localmente), e poderia ser vendida a qualquer igreja, independentemente do que ela crê.

É claro, ele estava brincando, mas nós podemos ser tentados a aceitar tal produto. Jesus nos dá alguns ensinamentos difíceis! Como cristãos, nosso desejo é de sermos obedientes a ele nas nossas escolhas e atitudes, porém às vezes resistimos à Palavra de Deus e talvez desejaríamos abrandar os seus mandamentos.

Encontramos alguns dos ensinamentos difíceis de Jesus, no Sermão do Monte. Em Mateus 5 ele diz: "Amem os seus inimigos e orem por aqueles que os perseguem" (v. 44). É isso que ele nos diz que devemos fazer, e sabemos que não podemos simplesmente apagar esse ensinamento. Temos que aplicá-lo à nossa situação pessoal com a capacitação do Espírito Santo.

A Palavra de Deus deve ser obedecida pelos seus filhos. Somos nós os que precisamos ser "revisados" – e não as Escrituras.

Fonte: Nosso Andar Diário - Ministério RBC

Inscrição no gupo “Mensagens Q Edificam” (Google): E-mail: mensagensqueedificam@gmail.com

sábado, 26 de julho de 2008

PROGRAMA RAUL GIL COM ANA PAULA VALADÃO BESSA GERA CONVERSÃO

.
.
Ana e pessoal do DT!

Chamo-me Renata, sou nova convertida e gostaria de dizer que aquele programa do Raul Gil, em que a Ana esteve presente, contribuiu pra que isso acontecesse. Minha história é a seguinte: minha mãe e irmã são evangélicas há dois anos mais ou menos e desde que o meu filho de exatos dois anos nasceu, elas me convidam para conhecer a Igreja que frequentam. Até então eu era espírita (kardecista) e não via sentido em metade das coisas que minha mãe contava sobre a nova doutrina, mas mesmo assim visitei algumas vezes a Igreja.
Imagem: YouTube
Nos meses de abril e maio comecei a passar por algumas dificuldades que estavam me afligindo e

Oração em favor da petizada

angustiando, tudo parecia dar errado. Naquele sábado (exibição do programa) eu tinha acabado de fazer meu filho dormir e "por acaso" comecei a zapear e vi a Ana (eu já a conhecia por causa do Crianças DT), então resolvi assistir.Todos os depoimentos e louvores foram mexendo comigo até ao ponto de eu desejar sentir a mesma coisa que aquelas pessoas sentiam. Ver a Ana glorificando a Deus me fazia querer mais e mais sentir o que ela parecia sentir.
A partir daquele momento me senti como o solo que foi preparado para ser semeado, então aceitei mais um convite da minha mãe para ir a Igreja. Senti-me muito bem. Naquela mesma semana ou na semana seguinte não tenho certeza, sonhei com a pastora da Igreja e em meu sonho ela percorria todos os cômodos da minha casa com um semblante sério. Antes mesmo de contar à minha mãe, ela veio até minha casa sugerir que eu pedisse à pastora que me visitasse. Foi uma confirmação, pois ela veio, orou e ungiu minha casa e a mim. Depois disso, fui ao culto e aceitei Jesus.

Posso afirmar com certeza que aquele programa teve grande influência na minha conversão.

Quero aproveitar para parabenizar o DT pelos louvores de adultos e crianças, dizer que vocês são canais abençoados da palavra de Deus, e desejar que o Senhor continue usando vocês como instrumentos de evangelização.

Que Deus abençoe todos vocês!!

Renata Giovanna - São José dos Campos/SP

sexta-feira, 25 de julho de 2008

Bem-aventurado é...

.
O que despreza ao seu companheiro peca, mas o que se compadece dos humildes é bem aventurado - Provérbios 14.21.

Não é de bom alvitre desprezar ninguém, seja por motivo de cor, etnia, credo ou classe social porque Deus não julga as pessoas se baseando nestas características. Ele observa a fé que temos no coração.

Provérbios 11.12, na Nova Tradução na Linguagem de Hoje, afirma ser uma tolice agir de maneira discriminatória. Deus criou tanto os ricos quanto os pobres à sua imagem (Jó 31.15; Tiago 3.9).

Preconceituosamente há quem diga que os pobres são pobres porque são amigos do ócio. Outros, presos ao sentimento de perseguição, dizem que a pobreza existe porque os ricos controlam o sistema. Mas o livro de Provérbios apresenta um ponto de vista equilibrado sobre o dinheiro e seu significado.

Uma das mais importantes funções do dinheiro é possibilitar a expressão do amor.

É verdadeiramente feliz quem tem a possibilidade de tratar bem os necessitados, quem possui bons olhos, vê com benevolência e compaixão e age generosamente. Quem usa de misericórdia, revelando o amor de Deus, honra ao Criador.

Evitar o mal produz um enorme estado de alegria, grande sensação de bem-estar, é uma bênção reservada aos que reverenciam ao Senhor cumprindo a Sua vontade.

Existem várias maneiras de demonstrar bondade ao semelhante:

• Ao alimentar os famintos – Provérbios 22.9;

• Ao emprestar – Provérbios 28.8;

• Ao defender o direito dos oprimidos – Provérbios 31.9.

Quem faz essas coisas agrada a Deus e tem a promessa que nada lhe faltará (Provérbios 14.31; 17.5).

Jesus Cristo, Mateus 25.40, ensinando que é um grande pecado faltar com o exercício do amor verdadeiro, disse que quem faz o bem aos necessitados faz a Ele próprio.


E.A.G.

quinta-feira, 24 de julho de 2008

MINHA ESPERANÇA BRASIL GRAVA CLIPE COM PAULO CESAR BARUK

"Luz .. câmera .. ação!"

Paulo C Baruk....................................O diretor deu a voz de comando para que os cinegrafistas movam suas câmeras para gravar uma tomada da canção: “Quem sabe, hoje”. A voz de barítono do conhecido cantor cristão, Paulo Baruk, mistura-se ao som das ondas quebrando na costa do oceano atlântico, na América do sul. A cena final desse novo vídeo musical está sendo rodada para o próximo Projeto Minha Esperança, no Brasil, previsto para ir ao ar em novembro.
A música retrata a história do filho pródigo, que complementará no mesmo dia a pregação de Franklin Graham, baseada em Lucas capitulo 15.

A equipe do Projeto Minha Esperança Brasil está bastante ocupada em preparar todas as partes que comporão os três programas de TV, os quais proclamarão o Evangelho de Jesus Cristo para esse país com mais de cento e oitenta e cinco milhões de pessoas. Uma filmagem externa no inverno brasileiro pode ser imprevisível.

Embora não tão frio, o clima costeiro pode variar nesta época do

ano. Tempestades inesperadas podem arruinar semanas de planejamento.

O dia começou muito cedo em São Paulo. Com 120 quilômetros por terra a serem percorridos e para vencer o tráfego da segunda maior cidade do mundo, a equipe de cinegrafistas deveria estar de pé às quatro horas da manhã. O céu parecia ameaçador. Duas horas mais tarde, a equipe chega à cidade costeira de São Lourenço, onde seriam feitas as gravações. Enquanto o local era preparado com iluminação, as câmeras eram montadas e os geradores ligados, a equipe observa ansiosa uma chuva fina que começava a cair.

Em Charlotte, Carolina do Norte, há muitos quilômetros ao norte, em outro hemisfério, os funcionários do BGEA oram pela gravação na costa brasileira. Eles pedem ao Senhor para preparar um dia perfeito para que a equipe completasse o trabalho das filmagens para um dos programas de Minha Esperança Brasil.

Momentos antes da conclusão da tomada da primeira cena, a chuva fina pára. Uma fina camada de nuvens encobre o sol. E então a iluminação torna-se perfeita para a filmagem. O cantor Baruk entoa a letra, em português, de uma música que já emocionou milhões de pessoas de fala hispana em toda a América Latina. É a história que sempre se repete do Filho Pródigo e do Pai que o ama e o convida a voltar.

Escrita e cantada pelo cantor evangélico cubano-americano, Ricardo Rodriguez, a música tem sido parte integrante dos programas de televisão de Minha Esperança em toda a América Latina. Com a permissão do artista, a equipe de Minha Esperança traduziu a canção para o português para ser transmitida em todo o Brasil. Será parte da série de três programas que serão televisionados para a nação brasileira em horário nobre.

A esperança em Cristo será apresentada na primeira noite com música, testemunho e uma mensagem de Billy Graham. Franklin Graham compartilhará a história do filho pródigo e apresentará a esperança em Jesus Cristo no programa de sexta feira à noite. No sábado a noite, será apresentado um filme dublado da World Wide Pictures, explicando a mudança de vida que acontece na vida das pessoas mediante a esperança encontrada somente em Jesus Cristo.

Até o momento, mais de cinqüenta mil pastores brasileiros de mais de trinta denominações já se registraram para fazer parte do Projeto Minha Esperança Brasil. Esses pastores receberão treinamento nos próximos meses para capacitarem suas congregações a participar da estratégia Mateus e Seus Amigos. A estratégia é simples: cristãos estarão convidando amigos, familiares e vizinhos não-salvos a assistirem aos programas de Minha Esperança em suas casas. Após cada programa o Mateus anfitrião compartilhará um breve testemunho e, em seguida, fará um apelo aos seus convidados para aceitarem a Jesus.

Mateus e seus Amigos é a estratégia central de Minha Esperança e uma das razões pelas quais o projeto resultou numa colheita tão abundante ao redor do globo. Os líderes da igreja brasileira estão trabalhando e orando por mais de um milhão de lares que estarão participando da estratégia Mateus e seus Amigos em novembro.

De volta à costa brasileira, a equipe terminou a gravação da cena final da música do vídeo. Assim que os últimos equipamentos estão sendo embalados, uma chuva tropical cobre toda a região. Os participantes das filmagens ficam surpresos com a “sorte” em relação ao clima. Esta é mais uma oportunidade para os membros da AEBG - Minha Esperança compartilharem as boas novas de um Deus que nos ama, que enviou seu Filho para morrer por nós e nos perdoar, um Deus que dá as boas-vindas a qualquer um que receber o Seu Filho como seu Salvador para um relacionamento vital através do qual Ele revela a sua graça diariamente.

Fonte: Divulgação

Prostrado - Paulo César Baruk

.
.
.
.

quarta-feira, 23 de julho de 2008

MEDICINA CONFIRMA QUE A FÉ FAZ BEM A SAÚDE

.
Por Carlos Fernandes
.
Médicos e pesquisadores estão cada vez mais convencidos de que a religiosidade faz bem à saúde.

Cristianismo Hoje
Foi no ambiente monocrômico de um ambulatório médico que o comerciante Cleber Claudinei, de 37 anos, recebeu a dura notícia: sua mulher, Sílvia, 33, internada às pressas com suspeita de apendicite tinha, na verdade, um tumor cancerígeno de 10 centímetros de diâmetro alojado no abdômen. Pior – a doença já entrara na fase de metástase, com comprometimento de fígado e intestino. De modo geral, diagnósticos assim equivalem a uma sentença de morte, cujo cumprimento é apenas questão de tempo. Evangélico, Cleber preferiu apegar-se à sua fé. Ele pediu aos irmãos da Igreja Internacional da Graça de Deus da zona leste de São Paulo, que o casal freqüenta, para que começassem a orar pela cura da companheira. Não por acaso, a denominação dá forte ênfase à contemporaneidade de sinais e milagres como os relatados na Bíblia, sobretudo a cura divina.

Imediatamente, iniciou-se uma campanha de intercessão. Silvia foi internada, e no dia seguinte, diante de seu leito, um grupo de crentes fez um breve culto, rogando a Deus por sua restauração. Logo em seguida, a paciente passou por um exame mais acurado, através de tomografia computadorizada. Nenhuma lesão foi encontrada. “Eu glorifiquei o nome do Senhor”, exulta Claudinei. No entanto, mesmo diante dos dois exames – o primeiro, revelando a existência do tumor, e o segundo, demonstrando que ele sumira –, o médico preferiu operá-la. “Ele continuou sem acreditar e quis fazer a biópsia de um fragmento do meu fígado”, conta Silvia. “Precisei ficar no hospital por mais de dez dias”. Segundo ela, o médico se convenceu de que não havia nada em seu organismo, e embora não tenha usado a expressão “milagre” em nenhum momento, disse não entender como uma paciente internada com diagnóstico de câncer pode ter ficado sã sem qualquer tipo de tratamento.

Histórias como as de Silvia pipocam nas igrejas evangélicas todos os dias. O enredo costuma ser o mesmo: uma doença incurável, médicos céticos e um final feliz, atribuído à ação divina. Mas, se crentes e agnósticos sempre se bateram em torno da questão, de uns tempos para cá tanto profissionais de saúde como os mais empedernidos pesquisadores têm concordado em um aspecto: ainda que, para a ciência, não haja qualquer base científica para dizer que Deus cura doentes, já está comprovado que a crença religiosa – qualquer crença, diga-se – é capaz de promover a melhora da saúde. Para se ter uma idéia, do ano 2000 para cá, nada menos que 2,7 mil estudos relacionando a espiritualidade à saúde já foram realizados, a maioria deles nos Estados Unidos. E isso, justamente numa época em que, acreditava-se, o avanço da ciência soterraria a religiosidade.

Na prestigiada faculdade de medicina da Universidade de Duke, na Carolina do Norte, funciona o Centro para Espiritualidade, Teologia e Saúde, dirigido pelo médico psiquiatra Harold G. Koenig. Fundador e dirigente do núcleo de pesquisas da instituição, Koenig começou a investigar a ligação entre espiritualidade e saúde no início dos anos 1980. Desde então, já descobriu, por exemplo, que quem ora todos os dias e freqüenta cerimônias religiosas semanalmente tem um sistema imunológico mais resistente, sofre menos com hipertensão e outras moléstias e, mesmo se hospitalizado, tolera melhor os tratamentos e apresenta respostas mais rápidas às terapias do que as pessoas sem religião. Estudos do gênero têm sido publicados sistematicamente em publicações especializadas internacionais, como as revistas Nature, Science ou Lancet. “Quando você tem pacientes que lhe dizem como sua fé faz diferença em suas vidas ou que estão vivas graças a ela, é difícil argumentar intelectualmente”, diz Koenig.

Interesse acadêmico – Cada vez mais, essa intrigante relação entre a espiritualidade e a saúde física tem saído do terreno da especulação para ocupar o centro de um debate acadêmico. No Brasil, o tema também atrai atenção. Nos últimos anos, diversos estudos realizados aqui dão conta dos efeitos profiláticos e terapêuticos desse santo remédio que é a fé. Um deles foi desenvolvido conjuntamente pela Universidade Federal de São Paulo, a Unifesp, e a Universidade Católica de Pelotas (RS). A pesquisa investigou a relação entre bem-estar espiritual e distúrbios psiquiátricos e concluiu que, quanto maior a prática religiosa, melhor é a saúde mental do indivíduo.

O levantamento abordou os hábitos religiosos e o estado de saúde de 464 pessoas, e, a partir das análises dos resultados, os pesquisadores concluíram que existe estreita relação entre eles. “Indivíduos com bem-estar espiritual baixo apresentaram o dobro de chances de possuir transtornos psiquiátricos”, diz a pesquisa, lembrando que a literatura médica vem destacando as evidências de que a espiritualidade seria um fator de proteção do organismo. “Em pacientes idosos com câncer, esse bem-estar espiritual representou um fator de proteção, estando relacionado a atitudes positivas de combate à enfermidade”, enfatiza a pesquisa.

“Nossas pesquisas apontam que esta relação é, em sua maioria, saudável e que a fé faz bem ao paciente”, concorda Alexandre Moreira de Almeida, fundador do Núcleo de Pesquisa em Espiritualidade e Saúde (Nupes) da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Juiz de Fora (MG). Um dos maiores pesquisadores brasileiros da área, Almeida obteve seu doutorado em psiquiatria orientado por outro expert no assunto, o evangélico Francisco Lotufo Neto, psiquiatra e coordenador do Núcleo de Estudos de Problemas Espirituais e Religiosos, o Neper, da Universidade de São Paulo (USP). Moreira explica que, no Nupes, a proposta é estudar a histórica relação da medicina com a espiritualidade. “A comunidade médica está mais interessada neste tipo de pesquisa”, garante. Como exemplo, ele cita a publicação de um suplemento na revista Psiquiatria Clínica da USP. “É a primeira publicação, em língua portuguesa, de um material em uma revista cientifica que contemple as questões da espiritualidade e da saúde”, observa.

Para ele, outro exemplo deste interesse são os trabalhos de capelanias hospitalares, tipo de serviço em que os evangélicos se destacam. “Os profissionais médicos estão mais receptivos para entender a religião dos pacientes e trabalhar em conjunto com os religiosos no tratamento das doenças”, destaca. Entusiasta das recentes descobertas científicas que comprovam os benefícios na saúde das pessoas que vivenciam uma fé, o médico Franklin Santana Santos, orientador do curso de pós-graduação na Faculdade de Medicina da USP, investiga os efeitos neurobiológicos da fé. Sua especialidade, a geriatria, o coloca em contato constante com pacientes idosos, para quem a morte é uma perspectiva real. E, mesmo nessas condições extremas, o médico tem observado os efeitos terapêuticos da religião. Ele já propôs, por exemplo, terapias de intervenções espirituais. “São reuniões de leituras da Bíblia, de oração. Não podemos medir quanta fé tem a pessoa, mas podemos quantificar seu comportamento, sua freqüência à igreja, a quantidade de orações que faz e coisas nessa linha”.

Franklin reclama que sua linha de pesquisa é vista com certo preconceito entre os médicos brasileiros. “Muitos desconhecem as inúmeras associações positivas da espiritualidade e saúde. Outros consideram esse ramo como uma ciência de menor valor”, comenta. “Na verdade, a fé cura, mas é coadjuvante. O que as pesquisas demonstram é que a crença, associada ao tratamento médico, produz bons resultados. Mas eu nunca prescreveria somente o tratamento espiritual”, assegura o professor, que é adepto do espiritismo e ministra curso de tanatologia (educação para a morte) na Faculdade de Medicina da USP. O bem-estar geral do indivíduo é um dos resultados da devoção, segundo ele. “Uma pesquisa, realizada por professores de Campinas, demonstrou que os que oram pedindo perdão por seus pecados, por exemplo, conseguem controlar de forma melhor as pressões sofridas”.

Soberania de Deus – Presidente da Associação de Capelania Evangélica Hospitalar (ACEH), a capelã Eleny Vassão de Paula Aitken, ligada à Igreja Presbiteriana, tem prestado assistência espiritual a milhares de pacientes internados em seus 25 anos de trabalho. Já presenciou diversos casos de curas divinas – “Inclusive, de pacientes contaminados pelo vírus da Aids”, diz –, mas observa que, mesmo quando o milagre não acontece de maneira tão direta, a fé remove montanhas de problemas. “Os doentes que confiam em Deus encaram melhor o tempo de hospitalização, colaboram com os tratamentos prescritos e encontram sentido no sofrimento e na morte”, enumera. Eleny acrescenta que algumas pesquisas mostraram até mesmo que as pessoas religiosas sangram menos durantes cirurgias e recuperam-se em menos tempo em relação a pacientes com patologia semelhante.

“A fé melhora o estado clínico dos doentes”, faz coro o pastor Eudóxio Mendes dos Santos, capelão do Hospital Presbiteriano Doutor Gordon, em Rio Verde (GO). Em sua rotina de visitas diárias pelos 120 leitos do hospital, Santos tem confirmado a tese na prática. Crente convicto, ele não abre mão de orar pelos doentes – por isso mesmo, sempre tem um testemunho quentinho para contar, como o caso de uma moça de 14 anos, ocorrido poucos dias antes de o pastor atender a reportagem de CRISTIANISMO HOJE “Devido a um problema cardíaco grave, ela teve que seguir para um centro mais equipado, em Goiânia. Lá, o diagnóstico foi confirmado. Nós reunimos as igrejas e começamos a orar por ela”. De acordo com Santos, os médicos não encontraram no coração da menina, durante a cirurgia, nenhum dos danos revelados pelos exames.

O oncologista Célio Galante, presidente da União Nacional Evangélica da Saúde, já teve a satisfação de ver alguns de seus prognósticos mais sombrios caírem por terra. Ele atua no Serviço de Radioterapia da Santa Casa de Misericórdia de Belo Horizonte (MG), por onde passam muitos pacientes desenganados. O médico conta já ter vivenciado curas que, como profissional, nunca conseguiu explicar. “Eu mesmo fui curado de duas enfermidades, sendo que uma delas vinha comigo desde infância e perdurou até meus 48 anos de idade, obrigando-me ao uso constante de medicamentos”, conta. “Devemos orar pelos enfermos. A doença é uma ótima oportunidade para Deus agir com amor e poder na vida de uma pessoa”, prega.

Profissional experiente, com 36 anos de carreira, Galante diz que os piores momentos na vida do médico são quando seus esforços para curar um paciente não dão resultados. Pior ainda quando o profissional é crente em Jesus. “Essa situação nos traz certa frustração, pois sempre queremos que Deus aja conforme nossa vontade. Mas não podemos nos esquecer que o Senhor é soberano sobre todas as coisas”, sentencia.

“Cura plena” – Para o presidente da Associação Nacional dos Médicos de Cristo, Wilson Bonfim, separar a vida profissional da espiritual é um erro, principalmente no caso dos profissionais da área médica. “A relação entre religião e saúde já foi demonstrada cientificamente”, afirma. Membro da Igreja Metodista na cidade do Rio de Janeiro, o cirurgião já presenciou curas inexplicáveis sob a ótica puramente orgânica. “Creio firmemente que Deus pode curar qualquer enfermidade”, frisa. Ele explica que, nos círculos médicos, episódios desse tipo são referidos como fruto do chamado “efeito placebo” – isto é, atribui-se a melhora do paciente a uma predisposição psicológica favorável, que acaba melhorando seu quadro. “Além disso”, acrescenta, “a legislação que nos rege impede que o médico declare que uma cura foi resultado de uma ação sobrenatural ou divina”, ressalva.

Ciente de suas responsabilidades, Bonfim diz que não aborda aspectos religiosos na sua relação com os clientes – a menos, é claro, que estes se mostrem dispostos a ouvir sua palavra. “Quando se dá espaço para a fé, mas sem se abrir mão do profissionalismo e da ética médica, os pacientes não ficam incomodados. Ao contrário, sentem-se melhor e mais confiantes”, afirma. Para ele, é preciso reencontrar o verdadeiro lugar da religiosidade na busca pela saúde. “A grande efervescência mundial pós-moderna que contra-atacou o cientificismo moderno iluminista pode ajudar nesse processo”, prevê. “Em especial, resgatar o papel da nossa fé cristã na cura plena”.

Bem mais prática é a abordagem com que a pedagoga Sheila Nunes, 41 anos, refere-se à cura pela fé. “Meus filhos estão aqui, como prova do milagre”, diz, apontando para Marcos Henrique, de 10 anos, Giovanni Lucca, 7, e o pequeno Guilherme Matheus, de apenas um ano de vida. Até os 30 anos de idade, ela era portadora de uma enfermidade ginecológica denominada ovário policístico, que a impedia de engravidar. Segundo os médicos, seria necessário submeter-se a um longo tratamento ou a uma operação. Nos dois casos, o sucesso era incerto.

Sheila virou habitué nos consultórios. Mas, ao mesmo tempo, iniciou uma batalha em oração. “Um dia, na igreja, meu pastor revelou que Deus estava curando mulheres com problemas nos ovários”, lembra comovida. Na consulta seguinte, ela viu o resultado de sua fé. “O ginecologista, surpreso, me perguntou sobre a operação que eu tinha feito. Expliquei que não tinha realizado nenhuma cirurgia, mas ele afirmou que havia uma cicatriz no meu útero e que os cistos não estavam mais lá”, conta Sheila, ao lado do marido Marcos de Palma Nunes e da prole. Para eles, assim como para outros milhões de crentes, não resta a menor dúvida de que a fé faz bem à saúde.

Os benefícios de se crer

Nas universidades de Iowa, Stanford e Duke, todas nos EUA, um levantamento incluindo dados de 42 pesquisas, com o total de 126 mil questionários respondidos, concluiu que quem freqüenta cultos e pratica uma religião vive, em média, 29% a mais do que as pessoas que não possuem nenhum tipo de fé

Estudos da Academia Americana de Neurologia associaram “comportamentos religiosos” com uma progressão mais lenta nas doenças;

Pacientes portadores de vírus HIV e que mostraram um aumento na espiritualidade após o diagnóstico tiveram diminuição da carga viral – fator determinante no combate às infecções oportunistas – e uma evolução mais lenta dos malefícios associados à Aids;

Tratamentos que causam grande desconforto físico, como a quimioterapia e a radioterapia, são melhor tolerados por doentes que professam alguma fé religiosa;

Ao contrário do que se poderia imaginar, pacientes que crêem na possibilidade de cura sobrenatural costumam seguir com mais rigor a medicação prescrita;

De um modo geral, membros de comunidades religiosas costumam receber muitas visitas quando internados, o que melhora sua auto-estima e produz resultados benéficos à saúde;

O nível de estresse dos pacientes terminais é menor naqueles que acreditam na vida após a morte.


Fonte: Cristianismo Hoje

PL 122/2006 GERA RISCO ÀS SINAGOGAS, IGREJAS CATÓLICAS E EVANGELICAS

Os grupos homossexuais costumam dizer que o PL 122/2006 é inofensivo às sinagogas e igrejas. Será?

Na redação do PL 122/2006, por “ordem filósifica ou psicológica”entenda-se a livre interpretação de quem acordar e pôr o pé esquerdo no chão e quiser abrir processos contra religiosos porque se sentiu mal consigo mesmo naquele dia. E por “locais públicos ou privados abertos ao público” entenda-se sinagogas e igrejas evangélicas e católicas.

Veja as partes do texto do PL 122/2006 que os homossexuais que defendem a aprovação dele evitam mostrar para os desavisados:

§ 5º O disposto neste artigo envolve a prática de qualquer tipo de ação violenta, constrangedora, intimidatória ou vexatória, de ordem moral, ética, filosófica ou psicológica; (NR)”

Art. 9º A Lei nº.71 6, de 5 de janeiro de 1989, passa a vigorar acrescida dos seguintes arts. 20-A e 20-B:

Art. 8º-A. Impedir ou restringir a expressão e a manifestação de afetividade em locais públicos ou privados abertos ao público, em virtude das características previstas no artigo 1º;

Pena: reclusão de dois a cinco anos.”

Art. 8º-B. Proibir a livre expressão e manifestação de afetividade do cidadão homossexual, bissexual ou transgênero, sendo estas expressões e manifestações permitidas ao demais cidadãos ou cidadãos.


E.A.G.

VELHA POLÍTICA BRASILEIRA - O PÃO E O CIRCO

.
Imagem: Emerson Oliveira das Chagas
.
.
Outdoor espalhado por Recife -Pe, julho de 2008.

terça-feira, 22 de julho de 2008

ELEITORES ELABORAM PROPOSTAS AOS CANDIDATOS À NOVA GESTÃO DA PREFEITURA DE SP

Candidatos à prefeitura de São Paulo recebem propostas de eleitores
.
Priscila Bezerra Gomes

Durante evento promovido pelo Movimento Nossa São Paulo na segunda-feira, dia 21 de julho, os principais candidatos à Prefeitura da capital paulista receberam mais de 1,5 mil propostas para melhorar a qualidade de vida na cidade.
.
As propostas elaboradas pela sociedade civil foram
.
Pátio do Colégio - São Paulo / SP
coletadas no processo de mobilização do 1º Fórum
Nossa São Paulo - Propostas para uma Cidade Justa e Sustentável, que teve plenárias finais realizadas em maio.
.
As sugestões foram divididas por 15 temas: Acessibilidade, Assistência Social, Cultura, Democracia Participativa, Educação,Esportes, Habitação e Urbanismo, Indicadores, Juventude, Meio Ambiente, Orçamento, Saúde, Segurança Cidadã, Trabalho e Renda, Transporte e Mobilidade.
.
Os candidatos também receberam um documento com dez propostas escolhidas pelo Movimento Nossa São Paulo para acompanhamento durante todo o processo eleitoral e, principalmente, a gestão do próximo prefeito e vereadores.
.
A entrega das propostas aos candidatos visa contribuir com a elaboração dos programas de governo para a próxima gestão, que se iniciará em 2009. De acordo com a emenda 30 da Lei Orgânica do Município, aprovada em fevereiro deste ano, o próximo prefeito (a) terá que apresentar um programa detalhado de metas, baseados em indicadores, para cada área da Administração Municipal, cada uma das 31 subprefeituras e dos 96 distritos.
.
Diferentes repertórios estão refletidos nas propostas. O resultado é uma diversidade de vozes e olhares sobre a cidade, num rico conjunto que aborda praticamente todas as áreas de políticas públicas municipais.
.
Alguns exemplos de propostas para São Paulo:
.
•Criar uma carteirinha única para ônibus, Metrô e trens da CPTM.
•Criar legislação que incentive empresas e organismos públicos a liberarem, no mínimo, 8 horas por ano para que seus colaboradores possam desenvolver atividades voluntárias.
•Criar "Intertecas" - mistura de bibliotecas com centros de informática - dentro ou fora das escolas.
•Implantar linhas de transporte para roteiros culturais da cidade, a preços acessíveis ou gratuitos.
•Implantar pontos de distribuição de livros nos terminais rodoviários, assim como intervenções artísticas.
•Instituir eleições diretas para os 31 subprefeitos.
•Desenvolver e aplicar no município um sistema livre para empréstimos de livros, brinquedos e ferramentas.
•Estimular o plantio de árvores por casa, com desconto no IPTU.
•Criar cadastro informatizado único de leitos hospitalares públicos.
•Criar políticas que estimulem o trabalho no local da residência do trabalhador.
.
Leia a íntegra das propostas em: http://www.nossasaopaulo.org.br/portal/1500propostas
.
.
Fonte: Movimento Nossa São Paulo

INTELECTO HUMAMO VERSUS SABEDORIA DIVINA

.
.
O conhecimento bíblico válido é o que armazenamos dentro do coração
.
.
"Tenha cuidado com o que você pensa, pois a sua vida é dirigida pelos seus pensamentos" - Provérbios 4.23 (NTLH).

É importante conhecer as Escrituras. Mas o mais importante é colocá-la no coração, praticá-la.

Paulo disse que o saber ensoberbece (1ª Corintios 8.1). Ora, o que isso significa? Significa que o conhecimento não é o suficiente, o mais necessário é a prática. Não bastam os diplomas na parede, é preciso fazer o que o cristianismo exige - amar a Deus acima de todas as coisas e ao próximo como a nós mesmos.

O sábio, segundo a perspectiva cristã, usa, antes, a sua sabedoria em favor do próximo e não de si mesmo - Tiago 3.13-18. Lembremos de Salomão, que pediu para ser sábio com a intenção de governar bem, ser útil ao povo.

Há quem goste de trazer novidades bíblicas - e isso é bom. Mas é sempre importante analisar se o tema traz informação relevante. Se é básica para que sejamos salvos... Nestes momentos me lembro do seguinte versículo: "As coisas encobertas pertencem ao SENHOR, nosso Deus, porém, as reveladas nos pertencem, a nós e a nossos filhos, para sempre..." - Deuteronômio 29.29.

Uma das característica da sabedoria é a humildade. Sejamos humildes em deixar com Deus as informações que Ele não catalogou nas Escrituras. Administremos nosso tempo com as coisas mais importantes, elas estão clarificadas na Bíblia Sagrada, sem que seja preciso gastar o tempo em querer obtê-las.
.
.
E.A.G.
. .

sábado, 19 de julho de 2008

Resposta do Pastor Silas Malafaia Malafaia ao editor e jornalista da revista Veja

.
A revista Veja se enganou e errou feio.
Assista ao vídeo do programa Vitória em Cristo, leia os artigos da revista e as cartas do Pr Silas Malafaia ao diretor de radação e ao jornalista da Veja, como também o conteúdo do PLC 122/2006.

• Vídeo (acesso livre)

• Artigos da revista Veja [aqui]

• Cartas à revista e ao jornalista [aqui]

• PLC 122/2006 (atenção aos artigos 8º alíneas A e B, e 16º, parágrafo 5º) [aqui].


Ainda mais:
DALARDIER LIMA DESMACARA EDITOR DA REVISTA VEJA - OS NÚMEROS DAS CARTAS CONTRA O PRECONCEITO DE ANDRÉ PETRY

PROVERBIOS 28.27

.
.

sexta-feira, 18 de julho de 2008

HAKANI – A PEQUENA INDÍGENA BRASILEIRA ENTERRADA VIVA (QUE NÃO MORREU) - 2

Por: Atini - Voz Pela VidaHakani ficou órfã quando tinha dois anos de idade. Por não se desenvolver como as outras crianças, ela foi alvo do desprezo e do preconceito de seu povo. Sobreviveu por alguns anos sem assistência alguma, sem que ninguém cuidasse dela. Quando finalmente foi entrege a um casal de missionários, eles a levaram para São Paulo onde sua doença foi diagnosticada. Ela tinha hipotireodismo congênito. Hakani foi adotada e com o tratamento adequado, começou a andar e se desenvolver, superando todas as expectativas dos médicos. Hakani mora com seus pais e, além de cursar a primeira série, ela faz tratamento com uma psicóloga e uma fonoaudióloga. Seu nome significa sorriso e ela adora desenhar pequenas sereias.

Veja mais sobre essa criança neste blog:

HAKANI - A PEQUENA INDÍGENA BRASILEIRA ENTERRADA VIVA (QUE NÃO MORREU)

quinta-feira, 17 de julho de 2008

UNIÃO DE BLOGUEIROS EVANGÉLICOS SORTEIA MAX LUCADO

O União de Blogueiros Evangélicos, junto com a Editora Thomas Nelson lança nova promoção. Dessa vez é de o livro "3.16" de Max Lucado.

Para participar, responda:


O que existe de especial em João 3:16?


Para participar da promoção basta deixar um comentário (no máximo 4 linhas) neste post (aqui), até o dia 30 de julho de 2008.

As cinco melhores respostas ganharão o livro "3:16", a ser enviado pela própria Editora.

LIDERANÇAS INDÍGENAS DECLARAM APOIO A FILME QUE DENUNCIOU SACRIFÍCIO DE CRIANÇAS

O Conselho de Pastores e Líderes Evangélicos Indígenas (Conplei) encaminhou ofício à ONG Atini – Voz pela Vida, promotora do filme “Hakani”, apoiando a iniciativa da entidade de mobilizar a opinião pública nacional em torno da questão do infanticídio nas tribos indígenas brasileiras.

(Fonte: Paranashop) - No documento, as lideranças indígenas destacam a decisão tomada durante congresso realizado em 2005, na cidade de Porto Velho (RO), de ser contra qualquer prática cultural que se choque com o direito à vida.
“No artigo 5º de nosso estatuto, o Conplei tem como base as garantias dos direitos fundamentais da Constituição Federal e também cláusulas da Declaração Universal de Direitos Humanos, onde propomos a resgüardar, defender e pleitear os direitos indígenas junto à sociedade civil e aos poderes públicos constituídos. Esta implícita o direito a vida, tanto de um povo como de cada indivíduo que compõe este grupo. Somente pleiteando os direitos individuais poderemos de fato pleitear os direitos coletivos.”, diz o documento assinado por Henrique Terena, diretor nacional do Conplei, e Luiz Bittencourt, primeiro-secretário do Conselho.
Sobre o filme “Hakani”, cuja divulgação está sendo criticada por alguns antropólogos, as lideranças indígenas afirmam que “esse filme traduz de maneira muito eloqüente o grito dos nossos corações diante destes fatos que concorrem para dizimar nosso povo. A maneira que foi filmada, fala uma linguagem que chama a atenção da sociedade contemporânea. A estratégia usada aproximou bastante da realidade. Mesmo assim, ninguém poderá traduzir toda a dimensão dos corações esmagados de famílias inteiras tendo que sacrificar seus queridos.”
A direção do Conplei contesta as dúvidas lançadas sobre a participação dos indígenas nas cenas do filme. “Não temos dúvida quanto a espontaneidade de cada participante, porque se trata de membros de nosso Conselho, que são idôneos o suficiente para decidir. Aliás, temos certeza que cada um deles tentou expressar ao máximo o gemino que tem estado preso, porque temos companheiros que foram salvos de maneira semelhante a do filme e viram uma oportunidade expressar um pouco do sofrimento da alma indígena. Portanto, nem adultos ou crianças foram exploradas”, ressalta o documento.
O Conplei também destaca a necessidade de se ouvir as lideranças indígenas nas questões relacionadas à política indigenista no Brasil. “Chegou o tempo de sermos ouvidos com a mesma dignidade de um ser humano e brasileiro por inteiro e não apenas meio cidadão. (...) Há entre nós, indígenas bem preparados que podem dialogar de maneira prática e singular em seus argumentos, usando de maneira sábia e inteligente a língua nacional. Morando na aldeia ou na cidade, não deixamos de lado nossas riquezas culturais. Somos capazes de discernir o que é bom ou ruim à vida e à cultura e, com isso, somos responsáveis em assumir nosso destino e escolhas que vão contribuir para o nosso crescimento. Recusamos veementemente de ser meros fantoches (...)”, destaca o ofício.
Por fim, a liderança do Conplei pede que o Estado brasileiro trate o infanticídio indígena de forma ativa, informando e dialogando com a sociedade e as tribos alternativas para a solução desse problema. “Não aceitamos o infanticídio como prática cultural justificável, como também a opinião equivocada de antropólogos e indigenistas inescrupulosos com pretensão de justificar estes atos e assim decidir pelos povos indígenas, colocando em risco o futuro de etnias inteiras. A vida é um direito fundamental de qualquer pessoa na face da terra”, conclui o documento.
Cópias do ofício do Conplei enviado aos diretores da Atini, Edson e Márcia Suzuki, serão encaminhadas à presidência da OAB-Brasil e aos parlamentares do Congresso Nacional envolvidos com a questão indigenista no Brasil.
Fonte: O Verbo

CNBB ALERTA PARA OS PERIGOS DO PL 122/2006 QUE TRAMITA NO SENADO


BRASIL (*)
- A lei da homofobia (PL 122/2006), que tramita no Senado brasileiro, concederia privilégios ao homossexualismo, comenta o bispo de Dourados (Mato Grosso do Sul).

Segundo dom Redovino Rizzardo, a lei, destinada a proteger quem opta por atitudes e práticas homossexuais, "não é tão inofensiva como parece".

"Para defender e amparar pessoas que até agora se sentiram marginalizadas, corre-se o perigo de violentar a quem pensa e age diferente", escreve o bispo, em artigo difundido pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

De acordo com dom Redovino, se aprovado, "o projeto criará situações constrangedoras para a Igreja Católica que, em seu proceder, procura se pautar pelo Evangelho".

Assim - comenta o prelado- , "um sacerdote que, em sua homilia, condenar o homossexualismo, poderá ser julgado por “ação constrangedora de ordem moral, ética, filosófica ou psicológica”.

A decisão do reitor de não admitir no seminário um candidato homossexual poderá lhe acarretar de três a cinco anos de reclusão.

Pelo que tudo indica -destaca o bispo de Dourados-, "a partir da vigência do decreto de lei, além dos direitos fundamentais garantidos pela Constituição Federal a todos os cidadãos brasileiros, os homossexuais terão privilégios e benesses que derivam de sua opção sexual".

Preparem-se para ocupar uma cela em algum presídio do país

"Em contrapartida, todos aqueles que não se conformam com comportamentos homossexuais, deverão silenciar ou preparar-se para ocupar uma cela em algum presídio do país", afirma.

Segundo dom Redovino, "a lei que pretende conceder privilégios ao homossexualismo, criando a figura penal da “homofobia”, não é tão inofensiva como parece".

Se já agora as organizações homossexuais, com o apoio do governo e o aplauso dos meios de comunicação social, conseguem, junto ao Poder Judiciário, indenizações não insignificantes por “danos morais”, ninguém imagina o que poderá acontecer após a aprovação do decreto-lei."

Fonte: Portas Abertas

quarta-feira, 16 de julho de 2008

DALARDIER LIMA DESMACARA EDITOR DA REVISTA VEJA - OS NÚMEROS DAS CARTAS CONTRA O PRECONCEITO DE ANDRÉ PETRY


A emenda ficou pior que o soneto!!!

A VEJA desta semana está brava com os evangélicos. Quem acompanha o blog lembra da resenha crítica que fizemos a um artigo postado na coluna de André Petry, onde ele diz que nosso protesto, no dia 24/06/2008, no Senado, encabeçado pelo Pastor Silas Malafaia, procura fazer com que a homofobia latente dos evangélicos consiga a oportunidade de perseguir os gays. Segundo o colunista desejamos uma licença para perseguir o grupo. Como se os duzentos gays que morreram este ano no Brasil houvessem sido assassinados por nós, ou em nossas igrejas.

VEJA disse que Silas Malafaia foi inconsequente ao pedir aos seus telespectadores que escrevessem à revista, criticando o artigo de André Petry. Segundo a revista ele devia ter direcionado os e-mails para o colunista, que tem autonomia para dizer o que quiser, e se eximiu da responsabilidade quanto ao que ele o faz. Você pode ler a chamada clicando na imagem abaixo.

A "emenda ao soneto" publicada em VEJA afirma que 1452 evangélicos escreveram à mesma, a maioria criticando o artigo, mas, habilmente, omitiu tais comentários, ressaltando apenas os que concordaram com Petry, e aí a revista, já tomou o partido dele. Ele não era independente? Então que se defenda, mas a revista preferiu abrir o espaço para isso.

O editor afirma, ao final, que (vejam meus comentários em azul):
1) Citando um dos missivistas, os evangélicos respeitam os gays, mas não concordam com sua práticas. Que novidade?! Estou alarmado por só descobrir isso agora!
2) Já ouviu Silas Malafaia em outras ocasiões sobre assuntos evangélicos, mas ele se enganou ao encaminhar as críticas para a VEJA e não para o autor do artigo. Todos estamos carecas de saber que tais críticas são publicadas como parte da revista, na seção Cartas, então...;
3) Os leitores evangélicos têm liberdade para criticar seus artigos. Que eu saiba sempre devemos fazê-lo, não é uma concessão de VEJA ou qualquer outro veículo.

A esta altura vocês devem estar perguntando: o que houve demais? Onde está a emenda? Vamos lá: VEJA não é tão democrática quanto parece. Diz que houve 1452 cartas, mas na imagem abaixo, da edição de 09/07, a que se seguiu à da coluna em apreço no primeiro post, vemos que a contagem está errada. Ela mostra as mensagens enviadas na revista anterior:


Foram 60 ou 1452, sem contar as mensagens de apoio a ele? Parece que uma mentira está em curso... Por que em meio a tantas mensagens VEJA publicou somente uma? Uma que era água com açucar? Nem criticava diretamente, nem defendia? Tendenciosidade?

Para tentar esclarecer o que realmente houve, se é que podemos usar estar palavra, Petry reservou uma parte de sua coluna desta semana, 16/07, para se referir às "centenas de pessoas que acusaram este colunista de evangelicofóbico, por denunciar a campanha homofóbica de certos evangélicos contra a lei que criminaliza a discriminação dos gays". Ele pinçou, como compete a um "bom" jornalista e a uma revista "isenta", três comentários favoráveis à sua causa, feitos por evangélicos, classificando-os de "um clarão de luz"!

Vamos ver esta nova emenda. Primeiro, ele teve o cuidado de distinguir evangélicos de evangélicos, o que nunca fez em seus artigos sobre. Aliás, a revista segue a mesma abordagem, como a mídia em geral. Ele e a revista entendem tanto de evangélicos que ao citar um comentário classificou o missivista como cristão luterano! Qual o luterano que não é cristão!? Segundo, nós não somos homofóbicos. Temos uma posição diferente, baseada na Palavra de Deus, que é nosso guia e regra de conduta e fé. Se André Petry a acha ultrapassada, problema dele. Não queimamos gays na fogueira, nem hoje nem na história, nem aconselhamos ninguém a fazê-lo!

Como disse no outro post, queremos ter o direito de criticar e ser criticados. Como boa parte dos 1452 (Será? Já duvido do número!) leitores o fizeram. O que não poderá ocorrer com a aprovação do PL 122/06. Aliás, o Petry diz que foram centenas de leitores, logo corrobora o erro da contagem da revista.

Termina sua coluna falando em bom senso, segundo ele existe para todos, ou seria para os outros? Aliás, quando a mídia falar esta palavra sobre nós, fiquem alertas. Eles só não usam o bom senso para nos compreender. Para exemplificar, quando vocês viram uma resenha em VEJA, sobre o lançamento de um álbum de cantor evangélico, mesmo uma Aline Barros da vida. 1452 (Será? Tenho dúvidas!) leitores agradecem.

Pois é, amigos, a emenda ficou pior que o soneto! Como eu sei que VEJA não publicaria o conteúdo desta resenha o fiz aqui.

Fonte: Reflexões Sobre Quase Tudo

PROFECIA DE ANA PAULA VALADÃO COMEÇOU A SE CUMPRIR?

.No dia 13 de julho no blog Querido Leitor, da jornalista Rosana Hermann, foi publicada uma nota como se segue:

Onda Gospel
O programa Raul Gil vem exibindo com altos índices de audiência, há duas semanas, homenagens a cantoras do gênero Gospel. Na cola do sucesso do Raul, o Superpop, conhecido por levar pautas eróticas, pornográficas e barraqueiras, apelou para o gênero e exibiu cantores gospel também. Agora, o Faustão acabou de pedir para o cantor interpretar uma música gospel. E não é que a audiência subiu imediatamente e ele recuperou o primeiro lugar que estava com o SBT? Será que a onda gospel é a que mais mobiliza o publico no momento? O mais provável é que isso já esteja acontecendo há muito tempo e eu só percebi agora.

----------------------------------------------------------------
A jornalista fez referência às participações das cantoras Aline Barros, Ana Paula Valadão (que representava na ocasião o Diante do Trono) e Cassiane nas últimas semanas nos programas apresentados por Raul Gil.
No 9º Congresso de Louvor e Adoração realizado entre pelo grupo Diante do Trono no último mês de março durante a Páscoa, Ana Paula Valadão profetizou que a mídia secular seria invadida pelos cristãos, entre outras coisas.
.
Confira o artigo na íntegra: Amenidades da Cristandade

A ANALOGIA DE MARTINHO LUTERO ENTRE JESUS CRISTO E O APÓSTOLO PAULO

Contudo, se ele te causou algum prejuízo ou te deve qualquer coisa, lança todo custo na minha conta" - Filemon 18.

o teólogo reformador, alemão, Martinho Lutero, ligado à ordem dos agostinianos e professor de teoria bíblica em Witternberg em 1510, ao visitar Roma ficou horrorizado com o estado de corrupção e imoralidade do clero e da corte papal. No dia 13 de fevereiro de 1517, mediante a bula Exsurge Domine, ele foi excomungado. Perseguido pelo clero, refugiou-se no castelo de Warburg, pertencente ao amigo Frederico da Saxônia.

Dedicou-se à tradução da Bíblia´para o idioma alemão, e ao ler esse texto (supracitado) afirmou:

"O que Jesus Cristo fez em nosso benefício diante de Deus, o Pai, Paulo fez em favor de Onésimo diante de Filemon".

Em 1524, abandona sua ordem católica e casa-se com a ex-freira Catarina von Bora. Tiveram seis filhos naturais e quatro adotivos. Lutero costumava dizer que "o casamento é uma escolha muito melhor para o caráter do que qualquer monastério".

Fonte: King James Atualizada / Novo Testamento Edição de Estudo - Abba Press

terça-feira, 15 de julho de 2008

BANDEIRANTES QUER TIRAR SHOW DA FÉ DO HORÁRIO NOBRE

Reunião da cúpula artística da Band na semana passada acena para mudanças profundas na grade de programação da casa, especialmente no horário nobre.
Publicidade


(Fonte: UOL) - Assim como a Record e SBT, a Band também decidiu investir e tentar elevar a qualidade da programação nessa faixa horária. A primeira medida deverá ser a retirada do programa religioso do missionário R.R. Soares do horário nobre.É consenso que, embora a emissora tenha muito lucro com a venda de horário para a igreja de Soares (vide a fórmula da Record-Universal), sua presença bem às 21h é ruim para a imagem da Band, prejudica a sua imagem editorial.O fato é que a Band tem um jornalismo de qualidade, vem investindo de forma constante e racional em dramaturgia (ainda sem grande repercussão), acaba de lançar um programa de razoável sucesso comercial e de ibope, o "CQC", e o programa de Soares se tornou um fardo nesse conjunto.

Fonte: O Verbo

domingo, 13 de julho de 2008

A DEFINIÇÃO DO SUBSTANTIVO VERDADE NOS IDIOMAS BÍBLICOS E EM LATIM

Por Marilena Chauí

Nossa idéia de verdade foi construída ao longo dos séculos, com base em três concepções diferentes, vindas da língua grega, da latina e hebraica.

GREGO

Em grego é alétheia ("a" indica negação e "léthe" significa esquecimento). Em outras palavras, o não-esquecido, o não-escondido, o não-dissimulado. "é uma auto-manifestação da realidade ou manifestação dos seres à visão intelectual dos humanos. Ela é uma qualidade das próprias coisas (o manifestar-se ou mostrar-se a si mesmas e o verdadeiro está nas próprias coisas, quando o que elas manifestam é a sua realidade própria. Conhecer é ver e dizer a verdade que está na própria realidade, e portanto a verdade depende de que a realidade se manifeste, enquanto a falsidade depende de que ela se esconda ou se dissimule em aparências. Por isso, na concepção grega, o verdadeiro é o ser (o que algo realmente é) e o falso é o parecer (o que algo aparenta ser e não é).

LATINO

Em latim, verdade se diz veritas e se refere à precisão, ao rigor e à exatidão de um relato, no qual se diz com detalhes, pormenores e fidelidade o que realmente aconteceu. Verdadeiro se refere, portanto à linguagem como narrativa de fatos acontecidos, refere-se a enunciados que dizem fielmente as coisas tais como foram ou aconteceram"

Em outras palavras, no grego a aparência (refere-se ao fato) é o contrário da verdade, e no latino, o contrário da verdade é a mentira e a falsificação (refere-se à linguagem)!

HEBRAICO

Em hebraico, verdade se diz emunah e significa "confiança". Agora são as pessoas e é Deus que são verdadeiros. Um Deus verdadeiro e um amigo verdadeiro são aqueles que cumprem o que prometem, são fiéis a palavra dada ou a um pacto feito: enfim, não traem a confiança.

A verdade se relaciona com a presença de alguém (Deus ou humano) e com a espera de que aquilo que foi prometido ou pactuado irá cumprir-se ou acontecer. Emunah é uma palavra da mesma origem que "amém" e significa "assim seja". A verdade é uma crença fundada na esperança e na confiança em uma promessa , estando referida ao futuro, do que será ou virá. Sua forma mais elevada é a revelação divina e sua expressão mais perfeita é a profecia.

Resumo:

Alétheia - as coisas como são e sempre serão, tais como se manifestam agora ao nosso espírito;

Veritas - aos fatos que foram (relatados);

Emunah - em relação às coisas que serão (e que foram prometidas).


Fonte: Convite a Filosofia, capítulo 3 - As Concepções da Verdade, livro lançado pela Editora Ática.

Veja mais neste blog: O CAMINHO, A VERDADE E A VIDA

sábado, 12 de julho de 2008

Os deuses estranhos entre os protestantes do século 21

Tirai os deuses estranhos que há no meio de vós
Gênesis 35.2

Apologetas cristãos. Creio que sejam pessoas sinceras. Creio que elas acreditam nas coisas que afirmam, pensam que estão sendo justas mas, algumas delas, estão equivocadas quanto ao modo de agir.
Desde a década de 1990 alguns preletores e escritores, da linha tradicional e pentecostal, no afã de praticar apologia cristã, têm "descrito" com muita firmeza o interior dos corações alheios. Quase sempre as vítimas dessas críticas são os irmãos neopentecostais.
Os “apologetas” agem como se conhecessem todos os cantores e pregadores neopentecostais, de todos os cantos do Brasil e do mundo em todas as épocas da existência humana. Eles agem como se tivessem a especialidade de formular críticas certeiras, como se fossem pessoas todas-poderosas. Sem pensar, fazem acusações contra os cantores e pregadores neopentecostais dizendo que os tais sempre agem objetivando apenas o lucro alto e buscando adoração pessoal. Contra os cristãos que os admiram, eles os acusam de praticar idolatrias, dizem que idolatram os pregadores e cantores neopentecostais.
Nós sabemos que os atributos de onisciência e onipresença pertencem só a Deus.
Os apologetas afirmam que agem assim usando discernimento. Discernimento? Onde existe discernimento em se apresentar como conhecedor dos corações desconhecidos? Falar de pessoas que nunca viu como se as conhecesse? Esse comportamento não se chama discernimento. Consultemos os dicionários no verbete preconceito. Isso se chama preconceito!
Como um crente pode dizer que outros crentes estão idolatrando cantores evangélicos se nunca os viu na vida, nunca conversou com eles? Será que os crentes, alvos da acusação de serem idólatras, não estão apenas buscando e adorando a Deus por intermédio das pregações e dos louvores que ouvem?
Deus falou fortemente em meu coração sobre a situação de quem se coloca como se fosse portador de onisciência e onipresença: é pecado agir assim! Expressar-se como se tivesse atributos divinos, julgando pessoas desconhecidas, é um grande pecado que virou MODISMO no meio evangélico tradicional e pentecostal. Alguns pregadores têm usado púlpitos e escrito livros se comportando como deuses! E quem os têm reverenciado como se eles dissessem /escrevessem verdades, reverenciado a forma como agem contra seus semelhantes, os está recebendo como deuses!
Com neutralidade cito dois exemplos:
Quem pode sondar os corações da vocalista do Diante do Trono? Quem pode vê-la se dobra, ou não, seus joelhos e dá glórias ao Senhor atrás da porta do seu quarto fechado à chave? Deus ou o homem? Ela é vítima dos "apologetas"...
Quem pode sondar os corações dos vocalistas do conjunto Voz da Verdade? Quem pode vê-los se dobram seus joelhos, ou não, e dão glórias ao Senhor atrás das portas do seus quartos, fechado à chave? Deus ou os homens? Eles são vítimas dos "apologetas"...
Quem pode sondar os corações de quem ouve o Diante do Trono e o Voz da Verdade? Quem pode ver se esses crentes dobram seus joelhos, ou não, na intimidade das suas vidas e rendem glórias a Deus? É o Todo-Poderoso ou os homens? Eles são vítimas dos "apologetas"...
Oremos uns pelos outros!
É óbvio e ululante: todos nós, por mais consagrados que sejamos temos nossas mentes limitadas; nenhum ser humano possui a capacidade de julgar o coração alheio, ainda mais os corações de crentes desconhecidos. Não é possível saber o que se passa dentro do coração das outras pessoas. Nós seres humanos ocupamos um espaço físico por vez. Quem adota o modismo de se comportar como um deus peca, afinal, até quando presenciamos alguns fatos corremos o risco de o relatar de forma errada!
E.A.G.

As 7 postagens mais acessadas na semana

As 7 postagens mais acessadas nos últimos 30 dias

As 7 postagens mais populares (geral - desde 12 de junho de 2007)

Assuntos abordados em Belverede / clique sobre a palavra para acessar os artigos sobre o tema

.Vida Cristã .Artigo e Comentário .cosmovisão .Comportamento .Televisão .Devocional .Vídeo .Política .CPAD .Líderes e liderados .Blogosfera Evangélica .Lições Bíblicas .Pais e Filhos .Atualidade .Família .Louvores .Charge Tirinha Cartum e Gravura .Motivacional .Fé .Dinheiro .Mulher .Casamento .Fruto do Espírito X Carne .Apologia Bíblica .Sexualidade .Crente Politizado .Música .Silas Malafaia Pr .CGADB .Frases & Imagens Impactantes .Etimologia Bíblica .Prosperidade .Saúde .Profetas .Meio Ambiente e Sustentabilidade .Hermenêutica .Livros e Leitores .Bom humor .Jovens .redes sociais .Conceitos e Preconceitos .Dupla Cidadania .Você sabia? .Ateísmo e Agnosticismo x Fé .Cinema .neopentecostais .Esporte .Grupo de Colaboradores em Belverede .José Wellington Bezerra da Costa - Pr .Personagens da Bíblia .Antigo Testamento .Salmos .Dica de Blogueiro .Introspecção .Natal .Soteriologia .Marco Feliciano Pr .Verdades e Mentiras .Pérolas .Sociedade Bíblica no Brasil .Ecologia .Aborto .Internet .Comunicado .óbito .Escatologia Bíblica .pentecostalismo .Samuel Câmara-Pr .Teologia .Cosmovisão Cristã .Gif .Novo Testamento .Ana Paula Valadão Bessa .[Fotos Belverede] .UBE .Questões (des)complicadas .RR Soares .Facebook .animal doméstico .Belverede .Daladier Lima .Missões .Carlos Roberto Silva Pr:: Blog Point Rhema .Provérbios de Salomão .Fanatismo .Pneumatologia - A Doutrina do Espírito .Quem sou eu? .Aline Barros .Crônicas e fábulas .Diante do Trono .Namoro .Bíblia de Estudo .Dízimos e ofertas .João Cruzue .Billy Graham .Poema e Poesia .Sermão do Monte .Virtualidade Real e Realidade Virtual .Editora Vida .Páscoa .Educação .Gênesis .Nani Azevedo .Guerra e Paz .Catolicismo .Hamartilogia - A doutrina do pecado .Julio Severo .Política Brasileira .Sociedade Bíblica Trinitaria do Brasil .Jeremias .Nova Tradução na Linguagem de Hoje .Postagem Factual .Valmir Nascimento Milomen-Pb .Carta de Tiago .Geremias do Couto-Pr .Lília Paz .Fotos - Templos Evangélicos .Homilética .Virada de Ano .Altair Germano - Pr .Bem aventurança .Randy Glasbergen .Sammis Reachers .rádio .André Valadão .Angeologia .Arlete Oliveira .Arqueologia Bíblica .Carnaval .Crianças .Dia das Mães .Livros da Bíblia .Nova Versão Internacional .Patmos Music .Banda Voz da Verdade .Editora Central Gospel .Geografia Bíblica .Opinião .Priscila B Gomes .Rachel Sheherazade .Wilma Rejane .YouTube .animal selvagem .Eclesiologia .Thalles Roberto EBD / sumário .Cassiane .Editora Vida Nova .Prêmio Carta de Paulo aos Filipenses .Editora Mundo Cristão .Ezequias Soares-Pr. .Jabes de Alencar - Pr. .LUCAS - O Evangelho escrito por Lucas .Magno Malta .Mensageiro da Paz .Pesquisa .Primavera Smilinguido .Dia dos Pais .Exegese .Islamismo .Martinho Lutero .Botânica .Dia das Crianças .Dia dos Namorados .animal aquático .Barack Obama .Cartas do Apocalípse .Charles Darwin .Fotos .Gutierres Siqueira .Insetos .Max Lucado .Mulheres na Bíblia .Shirley Carvalhaes .grafite X criacionismo versus darwinismo .A Bíblia Viva .Arminianismo .CONAMAD .Calvinismo .Editora Betânia .Eyshila .Fernanda Brum .Harpa Cristã .Jaime Kemp - missionário .Livro de Daniel .Lydia Moisés .Tania Guahyba .Twitter .pássaros na Bíblia .Ciclo das quatro estações .Cristologia .Donald Zolan .Marisa Lobo .Árvores da Bíblia Charles Haddon Spurgeon .Dia da Bíblia .Edições Vida Nova .Futebol .Josué Gonçalves - Pr. .Livro de Jeremias .Montes da Bíblia .Neiva Silva .Outono .Paulo César Baruk .Reinaldo Azevedo .Soraya Moraes .Verão .Walter Brunelli - Pr. .teatro .Abba Press .Abraão de Almeida-Pr. .Bruna Karla .Carla Ribas .Dia Internacional das Mulheres .Dia de Finados .Esdras Costa Bentho-Pr .Evangelho de Mateus .Instagram .Livro de Jó .Michael W. Smith .Oficina G3 .Oprah Winfrey .Política Internacional .Regis Danese .Silas Daniel - Pr .Valdomiro Santiago - Apóstolo .Vanderleia M. Silva Yosef Nadarkhani .Albert Einstein .Antonio Gilberto - Pr .Cristina Mel .Dia da Mentira .Flamir Ambrosio .Gediel Mendes .Gunnar Vingren .Inverno .Jorge Tadeu Mudalen .João Ferreira de Almeida .Lauriete .Lázaro (ex-Olodum) .Morris Cerullo .Slide . A. W. Tozer . Pregador Luo . Silmar Coelho - pastor .Adhemar Campos .August Rodin .Bom dia .CPAD Music .Carta aos Romanos .Claudionor de Andrade - pastor .Elaine de Jesus .Hillsong .John Piper .Lea Wasiliew .Livro de Êxodo .Lucilene Batista de Brito Shirota .Nova Bíblia Viva .Quarteto Harmonia Celeste .Retrospectiva 2017 .Rose Nascimento .Timidez e Ousadia .orai por Israel .publicidade WhatsApp .Alan Kardec .Amizade .Apocalípse 16 .Bete Gomes .Canon .Casamento em jugo desigual .Central Gospel Music .Daniel Berg .Danielle Cristina .David Quinlan .Dia Nacional da Consciência Negra .Dia do Trabalho .Editora Chamada da Meia-Noite .Editora Hagnos .Eduardo Cunha .Elinaldo Renovato - pastor .Enéas Tognini - Pr. .Genivaldo Tavares de Melo .Gesiel Gomes - Pr. .Google .Hernades Dias Lopes .João Alexandre .Livro de Isaías .Livro de Rute .Lourival de Almeida - Pr .MK Music .Marcelo Santos .Martin Luther King .Nito [Rubens Eduardo] .Pena de Morte .Ray Comfort .Robinson Monteiro .Russel P. Shedd .Sergio Moro .Third Day .Tim Laheye .Voltaire .Watchman Nee Damares .2 Carta de Pedro .2 Coríntios- Carta de Paulo .A Mensagem .Adolf Hitler .Alda Célia .Andrea Fontes .Anita Malfatti .BLOG .Banda Catedral .CIMEB .CPAD News .Carta aos Gálatas .Cintia Kaneshigue .Deltan Dallagnol .Dia do Professor .Donald Trump .Downloads .Dwight L. Moody .Eber Cocareli - Pr .Editora Betel .Editora Candeias .Editora United Press .Edna Goetten .Escola Dominical .Evangelho de João .Fecomex .Feliciano Amaral .Google Plus (G+) .Gutemberg - Johannes .História Mundial .Isaac Newton .Içami Tiba .Jairo Elin Gollmann-Ev .John Wesley .Jorge Araujo .Katie Bivens .Katsbarnea .Kelem Gaspar - Missionária .Link Quebrado .Literatura .Livro de Amós .Livro de Juízes .Livro de Malaquias .Marcelo Crivella .Orquestra Jahn Sorheim .Ozeias de Paula .Paulo Romeiro-Pr .Quatro por Um .Raabe .Raquel Melo .Robson Silva .Ronaldo Bezerra .Sociedade Bíblica Internacional .Sonia Hernades - bispa .Superstições e Lendas Urbanas .Talita Pagliarin .Tradução King James Atualizada (KJA) .Victorino Silva .folhetos evangelísticos Esequias Soares pastor Graça Music Juliana Bezerra Gomes Nésia de Araujo Gomes William Brassey Hole . .Introspecção . C. S. Lewis . Stephanie Colbert- vocalista Starship .1 Timóteo .A Nova Bíblia Viva .Adilson Lopes .Anderson Freire .Antropologia Bíblica .Antônio Cirilo .Ao Cubo .Arautos do Rei .Bezerra da Silva .Bill Gates .Boa noite .Boa tarde .Brenda-Santos .Bruna Olly .Bruna Surfistinha .C.I. Scofield .CPOL - Curso Preparatório para Obreiros de Pirituba .Caramuru Afonso .Carlos Alberto Bezerra Jr .Carta aos Efésios .Carta de Paulo aos Colossenses .Charles C. Ryrie .Claudio Duarte - pastor .Cleber Lucas .Comunidade Internacional da Zona Sul .Contos .Cristiano Santana .Curiosidades bíblicas .Danny Berrios .Dany Grace .Davi - rei .Deigma Marques .Discopraise .E-books .EBI .Editora Atos .Editora Bom Pastor .Editora Cultura Cristã .Editora Dynamus .Editora SEPAL .Editora Sextante .Eduardo Campos .Elienai Cabral - pastor .Eliseu - profeta .Estevan Hernandes - Apóstolo .Estevão - o primeiro mártir .Evangelho de Marcos .ExpoCristã. .Fatos Curiosos - internacional .Fernandinho .Ficção Evangélica .Filho do Homem .Flamarion Rolando .Frederick K.C.Price .Geisa Iwamoto .Graça Editorial .Grupo Elo .Heber Sousa - pastor .Hebraico .Hieronymus Bock .Homenagem .Igreja Evangélica Indiana .Il Divo .Imprensa Bíblica Brasileira .Instituto Cristão de Pesquisa - ICP .Jair Messias Bolsonaro .Jamily .Jeanne Mascarenhas .Jimmy Swaggart .John Bevere .John Bunyan .John Lennon .Jonas .Josias Botelho .José Wellington Bezerra da Costa Junior - pastor .José Wellington Costa Neto - pastor .José do Egito .Kathy Fincher .Kleber Lucas .Leandro Marques .Lidia Caetano de Sousa - missionária .Livro de Deuteronômio .Livro de Eclesiastes .Livro de Habacuque .Livro de Joel .Livro de Josué .Livro de Miquéias .Livro de Números .Livro de Oséias .Livro do Apocalipse .Lições Bíblicas - Jovens .Ludmila Ferber .Lívia Malta .Magno Paganelli .Manuel Ferreira - Bispo .Marcio Melânia .Mariana Valadão .Marina Silva .Mario Teixeira .Marquinhos Gomes .Michelangelo .Mike Smith .Ministério Hebrom .Ministério de Adoração .Missões na Índia .Neemias .Nobel .Notícia comentada .O Livro de Ageu .Oração .Os presidenciáveis para 2018 no Brasil .Paul Wilbur .Pedofilia .Profetas .Você sabia? .Quarteto Gileade .Rachel Novaes .Rebanhão .Recursos .Ressurreição .Rob Bell .Rodolfo Abrantes .Ron Kenoly .Salomão - rei .Saudade .Snezhana Soosh .Sociedade Bíblica Íbero-Americana .Sofonias .Sony Music .T.A. Hegre .Templo Soul .Vineyard .Voices .Walciley Vieira .William Shakespeare .Wim Malgo .áudio 1 Coríntios Alberto Rezende - pastor Charles Studd Elizeu Martins - pastor George R. Foster salvação

▲ Clique na imagem para retornar ao topo do blog.

Sobre ilustrações no Belverede

O Direito Autoral de algumas imagens encontradas aqui não pertence ao Editor do blog. Esta situação se dá porque elas estão na Internet sem que haja a informação de quem seja o Dono.

Caso você seja o detentor do conteúdo, queira que seja feita a indicação autoral, ou não seja de sua vontade o compartilhamento, solicitamos que nos faça saber disto. Por favor, acesse a página do próprio texto e deixe recado no próprio texto em questão, ou use a página Contato.

Arquivo de postagens

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes
Cidade Ocean - Praia Grande - São Paulo/SP - Brasil.